Ralek Gracie lança novo evento inspirado nas regras do PRIDE e do Vale Tudo

Ralek Gracie é um faixa-preta de brazilian Jiu-Jítsu, filho do cofundador do UFC Rorion Gracie e sobrinho das lendas do MMA Royce & Rickson Gracie. Notavelmente, Ralek já derrotou a lenda do PRIDE e do MMA Kazushi Sakuraba no DREAM e também competiu no Bellator e no K-1 Hero’s.

 
Ele também foi co-fundador do Metamoris Pro Jiu Jitsu Invitational, que tinha seguidores apaixonados e agora - inspirado no espírito empreendedor da América - lançou uma nova promoção internacional de lutas para dar um  salto para o ‘mainstream’ e alcançar o sucesso mundial.
 
O novo evento se chamará Genzai Freestyle Fighting e utilizará um conjunto de regras inspiradas no antigo Vale Tudo, que serão chamadas de ‘Regras de Luta Freestyle’. Estas regras serão dedicadas à “Idade de Ouro” dos esportes de combate e lembrarão o conjunto de regras utilizadas nos primórdios do esporte no Brasil e também as regras do PRIDE Fighting Championship do Japão. Haverão “apenas algumas regras”.
 
Genzai terá um único round de 30 minutos, ao invés de vários rounds. O torneio inaugural será um GP absoluto, ou seja, um torneio eliminatório de 16 lutadores na categoria Openweight ( ‘peso livre’, ou “qualquer peso” ), uma reminiscência do Gracie Challenge do Rio de Janeiro e dos shows iniciais do UFC. Este formato permitirá que lutadores do peso mosca ao peso pesado compitam neste lendário Grand Prix.
 
Os organizadores prometem 4 eventos interconectados e um único campeão ( no caso do GP ).
Lembrando que lutas casadas da liga Genzai e ‘superfights’ poderão incluir divisões por categorias de peso.
 
O Genzai será realizado em países como China, Japão, Brasil e no mundo todo. 
Haverão quatro eventos acontecendo trimestralmente em 2022.
 
Já estão sendo selecionando lutadores de todo o planeta para o evento inaugural. Para se candidatar à uma vaga no Genzai alguns critérios básicos serão adotados.
 
-Competência de especialista em um estilo específico de artes marciais ou combinação de estilos.
-A capacidade comprovada de aplicar habilidades de luta de forma eficaz sob estresse.
-Vontade de competir contra atletas de qualquer categoria de peso.
-Um desejo profundo de se testar em um nível profissional.
 
Qualquer lutador poderá se inscrever. Basta preencher o formulário disponibilizado no site oficial da promoção. https://www.genzai.world/athletesearch
 
No entanto, a promoção resolver inovar, ao permitir que qualquer pessoa possa inscrever o seu lutador favorito, aquele que tenha realmente chances de se sair bem em uma competição nestes moldes.
 
Além disso, não custa lembrar que o processo de seleção será composto por muitas etapas de análise e nem todos os aplicativos receberão uma resposta.
 
É importante ressaltar - também - que o Genzai não será apenas uma competição de artes marciais mistas, mas também lançará uma revista semestral, além de “uma liga de luta estilo livre junto com muitas outras iniciativas do gênero da arte marcial”.
 
-“Genzai Freestyle Fighting é inspirado pela história viva das artes marciais e motivado para trazer reverência a todo o gênero. Um atleta em um evento Genzai precisará abordar seu treinamento com uma mentalidade, estratégia e um amplo conjunto de habilidades únicas. Nosso foco é encontrar os atletas de combate mais capazes do planeta”.-diz um representante da franquia, confirmando que já se iniciaram as buscas internacionais por uma nova raça de lutadores que terão a capacidade de competir na estrutura e regras únicas do Genzai.
 
Para acompanhar a busca de atletas e saber mais sobre o Genzai Freestyle Fighting visite:https://www.genzai.world/
 
***Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 29/04/2021
_
Legenda : O Genzai trará um GP absoluto de 16 lutadores.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C )  Genzai Freestyle Fighting | ( C ) Ralek Gracie | Divulgação ).
 
Legenda : O Genzai Freestyle Fighting será realizado na China, Japão, Brasil e no mundo todo.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C )  Genzai Freestyle Fighting | ( C ) Ralek Gracie | Divulgação ).
GENZAI GP1 696x435 b05b3

Resultados e comentários do evento “REBELS.65” realizado domingo no Japão

Tradicional promoção de Kickboxing e Muay Thai da ‘terra do Sol Nascente’, o REBELS está de volta.

Após ser anunciado durante uma conferência de imprensa em 18 de fevereiro - quando estava programado para ser realizado em 24 de abril - e posteriormente adiado para 10 de maio, o “REBELS.65” finalmente aconteceu no Domingo, 30 de agosto. A competição teve lugar no Korakuen Hall, em Tóquio, capital do Japão.Uma das lutas mais aguardadas desse ‘card’ foi sem dúvida o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) em que estava em jogo o título feminino do REBELS na categoria até 46 kg, disputado pelas atletas Rina ‘Panchan’ Okamoto ( 26 anos - 45,95 kg - 1,64 cm ) e Misaki Morita ( 24 anos - 45, 90 kg - 1, 56 cm ) sob as regras REBELS-BLACK ( sem cotoveladas ). 

A disputa entre ambas movimentou a mídia especializada japonesa e até mesmo a mídia geral, como o Yahoo.Classificada pelos repórteres japoneses com uma “linda Kickboxer”, Rina Okamoto ou simplesmente Rina ‘Panchan’, tem um cartel de 7 vitórias ( 1 KO ) e estreou  profissionalmente no Kickboxing durante o Pancrase : “REBELS Ring 1”, em fevereiro de 2019. De lá para cá, ela lutou em eventos como o K.O CLIMAX , KNOCK OUT, SOUL IN THE RING CLIMAX e o próprio REBELS, permanecendo invicta.Já Misaki Morita ostenta um ‘record’ profissional composto por 21 lutas, 14 vitórias ( 2 KO ), 6 derrotas e 1 empate, de acordo com o site oficial do REBELS. Ela estreou profissionalmente em 2016 e suas conquistas incluem o título mini mosca do 18º J-Girls, Vice-campeã do 19º Shoot Boxing Girls S-Cup e finalista da competição feminina S-cup World Tournament Best 4.As atletas alternaram bons momentos na luta do dia 30 de agosto, mas Rina ‘Panchan’ ( STRUGGLE ) acabou vencendo Misaki Morita ( TEAM FOREST ) por decisão dos jurados, que anunciaram o placar ( 30-29, 30-28, 30-28 ), após os três rounds de três minutos cada.

Como prova da sua popularidade, Misaki recebeu inúmeros comentários de encorajamento dos fãs em sua conta no Twitter após a luta. A atleta, originária do Shoot Boxing, prometeu seguir adiante nas competições de artes marciais e disse que na próxima vez que ela subir ao ringue mostrará toda a sua evolução, ao estilo “Billing Rush”.Quanto à Rina ‘Panchan’ - já famosa no Japão por seu trabalho como uma “You Tuber” desde que lançou o “Pan Channel” em maio deste ano - também prometeu seguir adiante em sua carreira nas artes marciais, prometendo fazer novas lutas no REBELS, mas não escondeu que seu principal objetivo é lutar no RISE ( show de Kickboxing promovido pelo Sr. Takashi Ito, e principal concorrente do K-1 no Japão. Não confundir com o “RIZIN”, promovido por Nobuyuki Sakakibara ).Quem também estava feliz da vida após a competição era o Sr. Tsuneji Mori, o criador do Mangá “Genesis Taiga”, que forneceu um bônus de 200.000 de ienes para a luta entre ‘Panchan’ e Misaki.
Como um grande fã de REBELS & KNOCK OUT, o Sr. Tsuneji Mori disse que os produtores do REBELS deveriam realizar um grande torneio feminino ( com lutadoras atraentes ) em um futuro próximo.
Ele se comprometeu em dar um grande bônus para a vencedora da competição e acrescentou que não está preocupado porque este é realmente um grande negócio e também há um efeito publicitário.Como todos podem perceber, parece que está havendo uma interação cada vez maior entre o universo dos Mangá e Animês e as competições de artes marciais no Japão.

Confira os resultados do “REBELS.65” que incluem :

REBELS.65

30 de agosto de 2020
Korakuen Hall
Bunkyo, Tóquio, Japão

Kickboxing : Bazooka Koki venceu Keisuke Niwa por decisão unânime.
Kickboxing : Rina Okamoto venceu Misaki Morita por decisão unânime.
Muay Thai : Yusei Shirahata venceu Takumi Hamada por decisão unânime.
Muay Thai : Ryusei venceu Yuki Chiba por KO / TKO ( regras de três “Knockdowns” ), R1.
Kickboxing : Erika❤️ venceu Koto Hiraoka por decisão unânime.
Kickboxing : Tsukino Yamagami venceu Kiho Noriho por decisão majoritária.
Muay Thai : Masahiro Onoda venceu Daisuke Ibi por KO / TKO ( gancho de esquerda ), R1.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 03/09/2020

_

Foto acima : A luta entre Rina ‘Panchan’ e Misaki Morita foi uma das principais atrações do ‘card’. ( Créditos | Cortesia : ( C ) REBELS(レベルス)| Divulgação ).

Abaixo : Durante a pesagem, as atletas exibiram o cinturão de campeã da categoria feminina até 46 kg que esteve em disputa no “REBELS.65”. ( Créditos | Cortesia : ( C ) REBELS(レベルス)| Divulgação ).

image 1598688489 383c1

Participe da promoção de lançamento do serviço de “streaming” do UFC Fight Pass no Japão

Após introduzir o seu ‘Fight Pass’ em outros grandes territórios da Ásia, incluindo China e Índia, o UFC - principal organização de artes marciais mistas da atualidade à nível mundial - lançou seu serviço de “streaming” do UFC Fight Pass ‘over-the-top’ ( OTT ) no Japão, com a plataforma adaptada ao mercado local.

O anuncio foi feito hoje, quarta-feira, 22 ( horário local ), pelo Escritório de Relações Públicas do UFC no Japão.

O UFC Fight Pass no Japão apresentará uma nova interface totalmente escrita em japonês, incluindo títulos de eventos, ‘cards’ de luta e descrições de programas. Os fãs de luta também poderão pesquisar usando palavras-chave no idioma nativo para acessar o conteúdo da plataforma.

Os assinantes também terão acesso à conteúdos regionais, que incluirão programas, coberturas e eventos de MMA do Japão, sempre com comentários no idioma local, que juntos ao conteúdo já disponibilizado pelo UFC, somam mais de 4.000 horas de conteúdo.

A plataforma ainda disponibilizará comentários de companheiros dos lutadores ‘ao vivo’ como os ex-atletas do UFC Takeya Mizugaki, Caol Uno, Katsunori Kikuno e Michihiro Omigawa.

Não custa lembrar que além do conteúdo sob demanda do UFC, o serviço incluirá acesso a outros eventos de MMA ‘ao vivo’ e outros esportes de combate, já que o UFC Fight Pass não é apenas para os torneios do UFC ou para o seu reality show, o “DW’s Contender Series” ou “Dana White’s Tuesday Night Contender Series-DWTNCS”, mas também para eventos que produziram muitos lutadores para o UFC, como Titan FC, Invicta FC, LFA, Cage Warriors, etc.

Além de promoções de MMA como o Pancrase e Shooto e lutas de Boxe que poderão ser vistas ‘ao vivo’ ao lado de competições de ‘Grappling’ como Quintet, SUG ( Submission Underground ), Polaris e EBI  ( Eddie Bravo Invitational ), o assinante ainda desfrutará de um vasto arquivo de eventos anteriores do UFC, incluindo todas as temporadas de The Ultimate Fighter, e eventos familiares ao Japão, como PRIDE, WEC, Strikeforce, Elite XC, WFA e outros como Super Brawl e HOOKn SHOOT, uma vez que a plataforma disponibiliza o maior arquivo de artes marciais do mundo.

O serviço ainda oferecerá vídeos em resolução 1080p e uma experiência de visualização múltipla para os usuários de desktop assistirem a várias transmissões ‘ao vivo’ simultaneamente. Os assinantes também poderão acessar o canal linear 24 horas por dia, 7 dias por semana, e terão acesso ao recurso de “downloads”, permitindo que os usuários assistam ao conteúdo ‘offline’.

Qualquer fã que se inscrever no UFC Fight Pass no Japão durante o período de quarta-feira, 22 de julho, até sexta-feira, 7 de agosto, receberá um teste gratuito de 7 dias a partir do dia de sua inscrição.

Além do plano padrão até agora, também foi definido um bom serviço chamado plano premium cujos valores são 2.799 ienes ( ou US $ 26,09 ) / mês,  e 26.889 ienes ( ou US $ 250,69 ) / ano.

Como parte do lançamento, os pacotes incluirão eventos distribuídos no formato de ‘Pay-Per-View’ e que os inscritos poderão assistir ‘ao vivo’, como o UFC Fight Island, que será realizado em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, no dia 26 de julho.

Você poderá se inscrever no UFC Fight Pass visitando www.ufcfightpass.com ou ao fazer o download do aplicativo UFC.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 22/07/2020
_
Foto : O Ultimate Fighting Championship ( UFC ) lançou seu serviço de “streaming” do UFC Fight Pass ‘over-the-top’ ( OTT ) no Japão, com a plataforma adaptada ao mercado local. ( Cortesia | Créditos : ( C ) UFC | ( C ) UFC Fight Pass | ( C ) UFC Fight Island | Divulgação ).

ONE Championship confirma datas para os próximos dez eventos

A programação de 2020 do ONE Championship foi alterada devido à atual situação em todo o mundo, mas agora, a promoção que esteve em “hiato” durante os meses de março, abril e maio, está voltando à realizar eventos ‘ao vivo’ novamente este mês e já adicionou mais nove shows ao seu calendário.

Com as restrições diminuindo em muitos países, o ONE: “No Surrender” terá lugar em Bangkok, capital da Tailândia, em 31 de julho, naquele que será o primeiro dos dez eventos a serem realizados em apenas três meses.

Quase todos os países têm regulamentos de quarentena atualmente em vigor, o que não impede os lutadores de viajar e competir, apesar do período de isolamento, embora necessário, torne tudo mais difícil.

Mas não custa lembrar que após os ‘cards’ do ONE Hero Series 13 e 14 realizados na China no mês passado a promoção provou que é capaz de colocar eventos de luta naquele país e em outros, mesmo sob tais circunstâncias.

Também há vários eventos reservados para o Japão nos próximos meses, o que indica que o país poderá ser outro possível anfitrião para sediar um próximo ‘card’ do ONE.
O público ‘ao vivo’ já começou a retornar no Japão, mas mesmo assim, os eventos do ONE Championship deverão ocorrer à portas fechadas na “terra do Sol Nascente”, de acordo com os organizadores.

No que diz respeito à Singapura, base da promoção, as restrições provavelmente precisam ser mais flexibilizadas, para que um evento seja viável por lá.

Mesmo assim, o CEO / fundador do ONE Championship, Chatri Sityodtong, já anunciou os próximos nove eventos entre agosto e outubro, contudo evitou revelar os nomes ou os locais de cada ‘card’ em particular.

Também não custa lembrar que, apesar dos próximos eventos serem realizados à portas fechadas, ou seja, sem a presença do público, estes contarão com transmissão “via TV e outras mídias digitais” em mais de 150 países ao redor do mundo.

Confira o novo calendário do ONE Championship ( sujeito à alterações ) :

31 de julho
14 de agosto
21 de agosto
11 de setembro
18 de setembro
28 de setembro
09 de outubro
16 de outubro
25 de outubro
30 de outubro

Portanto, “apertem os cintos”, pois o ONE Championship está pronto para “incendiar o mundo” novamente.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 16/07/2020
_
Foto : Vitor Belfort ainda não teve a data da sua estréia confirmada pelo ONE Championship. O “fenômeno” irá lutar com o camaronês naturalizado honconguês, Alain Ngalani. ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Reprodução | Instagram ).

Grande evento de MMA programado para o dia 12 de junho em Roraima

 No dia 12 de junho de 2021 Roraima sediará um grande Evento de MMA ( sigla em inglês para “Mixed Martial Arts” ou, se preferir, ‘Artes Marciais Mistas’, em português ). O show de lutas - que contará com uma superprodução e transmissão pela Internet - terá lugar na Academia Trinity, bairro Centenário, em Roraima, capital do estado.

 
O evento será sancionando pela FERR-MMA ( Federação do Estado de Roraima de Artes Marciais Mistas ) e fará parte do “Circuito de MMA - Mixed Martial Arts”, que - por sua vez - englobará os estados de Roraima, Tocantins e Amazonas, com etapas que serão realizadas nos dias 05, 12 e 19 de junho, para que a grande final seja disputada no dia 31 de julho de 2021, em Manaus-AM.
 
A organização pagará a quantia de R$1.000,00 para cada atleta selecionado, e mais R$1000,00 ao campeão do GP, além de R$500,00 ao vice-campeão.
 
Os organizadores estão empolgados com a realização desse grande projeto para o calendário anual de Roraima, que buscará resgatar a época de ouro do MMA no estado e também irá valorizar a bolsa dos lutadores, além de projetá-los para os eventos internacionais da modalidade.
 
-“Eu e Daniel Trindade através da FERR-MMA fechamos essa parceria com uma empresa de Manaus-AM, juntamente com o organizador de eventos Josafá Jr. / ‘Chokinho’, e iremos compor a mesa organizadora desse grande projeto”.-afirmou Sandro ‘Pit Bull’, um dos colaboradores da etapa em Roraima, satisfeito em oportunizar um futuro melhor para os atletas.
 
Responsável pela realização do primeiro evento de MMA no Brasil após o início da pandemia do novo coronavírus em nosso país - ainda no ano passado - Daniel Trindade revela que o ‘card’ do novo evento ainda está em “formação” :
 
-“Ainda temos vagas e estamos selecionando os melhores atletas para o GP de Roraima, os campeões terão uma grande visibilidade no evento principal em julho, na disputa do cinturão, de onde podem sair com um contrato assinado para grandes eventos nacionais e internacionais.”-comentou Trindade, que é um dos maiores nomes do esporte roraimense e da região Norte do Brasil.
 
Em Roraima serão disputadas as categorias dos pesos pena, leve e meio pesado, no masculino, e categoria peso galo, no feminino.
 
Os atletas que tenham interesse em participar da seleção do evento poderão entrar em contato com os organizadores através dos números ( 95 ) 99129 5532 e ( 95 ) 981154185.
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 21/04/2021
_
Legenda : Daniel Trindade em ação no MMA.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Arquivo pessoal Daniel Trindade | Divulgação ).
 
Legenda : Sandro ‘Pit Bull’, um dos colaboradores do evento em Roraima. 
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Arquivo pessoal Sandro Miranda | Divulgação ).
19430108 741733522680097 8114457827141570831 n bae2d
 
Imagem divulgação

K-1 World GP Japan

175351844 1952843348207490 8103336937080650760 n dd7c2

Bailão do Nightcafe Komaki

171887403 2509502599196530 5439117031935759626 n 681b9

Muvuka's

173323291 3560932370678467 578571512426372835 n b9a08

Confira os resultados do evento de MMA FFA Challenge 1 realizado Sábado na França

 Depois do evento de Mixed Martial Arts organizado em Vitry-sur-Seine ( Val-de-Marne ) e do outro no Accor Arena ( Paris XII ), promovido pelos americanos do Bellator, em outubro do ano passado, foi realizado na noite do último sábado, ( 11 de abril de 2021 ), o 3º evento de MMA na França.
 
Promovido por Mathieu Nicourt e Yann Lamothe, o FFA Challenge 1 foi sancionado pela FMMAF - French Mixed Martial Arts Federation e contou com onze lutas de MMA.
 
Proprietário da Free Fight Academy e pioneiro do MMA naquele país, Mathieu Nicourt mostrou-se satisfeito com o sucesso do evento.
-“Tenho esse evento em mente desde outubro ou novembro do ano passado, pois a nossa disciplina só foi autorizada na França há um ano, quando estourou a pandemia.”-disse Nicourt, revelando os motivos do adiamento do seu evento.
 
E foi ainda devido à crise de saúde pública na França que o FFA Challenge 1 aconteceu à ‘portas fechadas’, no Centro SDLC, em Maurepas, ( Yvelines ). 
Mas os fãs do esporte ainda foram presenteados com a  transmissão das lutas ‘ao vivo’ à partir das 20h30 na plataforma de mídia do “Fight Nation”.
 
O ponto alto da programação foi a primeira luta feminina de MMA na França entre a judoca olímpica Rizlen Zouak ( 3-2-0 em MMA ) e a holandesa Senna Van Der Veerdonk, que tem um registro de 2-0-0 nos ‘cages’ e octogónos. Não por acaso, a luta foi o ‘main event’ e portanto “atração principal” do FFA Challenge 1. 
Zouak acabou vencendo por decisão unânime.
 
Após o término do show, Nicourt, 48 anos, 25 nos esportes de combates - incluindo a conquista de 2 títulos europeus de Vale Tudo, antecessor do MMA - anunciou que seus planos consistem em realizar 6 eventos por ano.
Uma meta ainda modesta, em comparação aos Estados Unidos e outros “polos” do esporte nos quatro cantos do planeta, onde se realizam promoções de MMA todas as semanas.
 
Mal foi legalizado, a França já quebra barreiras e pousa como exemplo para o esporte. Vive la France!
 
Confira os resultados do “FFA Challenge 1” que incluem :
 
FFA Challenge 1
10 de Abril de 2021
Maurepas, ( Yvelines )
Paris, França
 
Rizlen Zouak venceu Senna Van Der Veerdonk por decisão unânime
Younes Najid vs David Karp
Helder Fernandes vs Florian Samy
Lois Laurent vs Matthieu Letho
Onefel Mackoumbou venceu John Caseneuil por decisão dividida
Wissame Akhmouch venceu Teddy Hamelin por finalização no primeiro round
Bourama Camara venceu Idriss M’roivili por nocaute técnico no segundo round
Thomas Glot venceu Maxime Dumas por finalização ( mata-leão ) no terceiro round
Maximillien Vallot venceu Anass Mehraz por decisão unânime
Irvin Bared venceu Julien Sault por decisão unânime
Abdallah Bellaoui venceu Rosco Robin por decisão
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 12/04/2021
_
Legenda : O FFA Challenge 1 contou com onze lutas de MMA. No flagrante, Onefel Mackeumbou vs John Caseneuil.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia :  ( C ) Acervo pessoal Mathieu Nicourt | ( C ) FFA Challenge | Divulgação ).
 
Legenda : A judoca olímpica Rizlen Zouak é a nova promessa da França no MMA. 
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia :  ( C ) Acervo pessoal Rizlen Zouak | ( C ) DR / Aares Fighting | Divulgação ).
7GQPLLOLDNEKDEUYRIXB62KP7M 2460f
 
( Créditos | Cortesia : ( C ) Rondônia Champions Day | Divulgação ).

Rondônia Champions Day trouxe o MMA de volta com sucesso à Porto Velho

 A frase em inglês : ‘WE ARE COMING!’ ( ou em bom português : “Nós estamos vindo!” ) marcaram os anúncios que prometiam a volta do maior evento de artes marciais mistas do estado de Rondônia.

E na noite de sábado, ( 03 de abril de 2021 ), a espera finalmente chegou ao fim,  quando o Rondônia Champions Day promoveu duas lutas de MMA e sete de Kickboxing em Porto Velho, capital do estado.
 
O evento foi o primeiro realizado no estado desde o início da pandemia que provocou a crise sanitária no Brasil. 
Assim sendo, o Rondônia Champions Day seguiu todos os protocolos e medidas de segurança para prevenção contra o novo coronavírus ( Sars-Cov-2 ), responsável pela doença Covid-19. 
Todos os lutadores e pessoas envolvidas na produção do evento realizaram o teste para Covid-19 e todos os resultados foram negativos.
 
A “atração principal” e portanto ‘main event’ deste Rondônia Champions Day foi uma luta na categoria 63,5kg entre Iago “Jason” Alves e Cristiano Ferreira.
Iago “Jason” venceu a luta, após encaixar um chute certeiro no rosto de Cristiano, que foi à nocaute, conquistando a vitória e o título de campeão do Rondônia Champions Day deste ano de 2021.
 
Na luta feminina da noite ( até 52kg ), Fernanda Servalho venceu, por decisão dividida, o duelo contra Laura Floresta.
 
Outra decisão dividida ficou para a luta de André ‘Mustang’ contra Thomas Brayan, nos 61,2 kg. 
 
Já na luta de MMA, ( válida pela categoria peso leve ), Jhone Neves obteve a vitória por finalização contra Charlúcio Brasil.
 
Wesley Santana, por sua vez, ganhou de Lucas Avis por decisão unânime dos árbitros, em luta até 75kg.
 
A organização do evento foi de Júnior Oliveira - que já realizou mais de vinte eventos de MMA em mais de dez anos de atividades - enquanto a produção ficou à cargo de André Fernando.
Já a chancela do evento ficou por conta do USKA1 / CBLAM, além do apoio de Welison Nunes.
 
“Seguimos firmes trabalhando em prol do esporte rondoniense.”-destacou o organizador Júnior Oliveira.
 
As lutas contaram com transmissão ‘ao vivo’ pelo YouTube e Facebook do canal 5.1 ( REMA TV : @rematv5.1 ) à partir das 21h ( horário de Brasília ) e 20h ( horário de Rondônia ).
 
Confira os resultados do “Rondônia Champions Day 2021” que incluem :
 
Rondônia Champions Day 2021
03 de Abril de 2021
Porto Velho, Rondônia
 
Iago “Jason” Alves venceu Cristiano Ferreira por nocaute técnico ( 63,5kg )
Thomas Brayan venceu André ‘Mustang’ por decisão dividida ( até 61,2kg )
Jhone Neves venceu Charlúcio Brasil por finalização ( até 70,3kg - peso leve )
Atila Silva venceu Leandro Ceará por nocaute técnico ( 60kg )
Fernanda Sevalho venceu Laura Floresta por decisão dividida ( 52kg )
Victor Villar venceu Mayter Luter King por nocaute técnico ( 75kg )
Jean Sevalho venceu Abne Amorim por nocaute técnico ( 56kg )
Luiz Robert venceu Nilo Loureiro por nocaute técnico ( 63,5kg )
Wesley Santana venceu Lucas Avis por decisão unânime ( 75kg )
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 06/04/2021
_
Legenda : “Seguimos firmes trabalhando em prol do esporte rondoniense.”-destacou o organizador Junior Oliveira.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Rondônia Champions Day | Divulgação ).
 
Legenda : A organização do evento foi de Junior Oliveira, chancelado por USKA1 / CBLAM, além do apoio de Welison Nunes.
Foto abaixo: ( Créditos | Cortesia : ( C ) Rondônia Champions Day | Divulgação ).
 
168600666 4019070698187186 4730618806935255339 n 06df9
«May 2021»
MonTueWedThuFriSatSun
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      

DMCA.com Protection Status

Go to top