Nissan interromperá produção em 2 fábricas

Nissan e Toyota interrompem produção em fábricas por falta de suspensões automotivas.

A Nissan anunciou na quinta-feira (18) que interromperá a produção temporariamente de 2 fábricas devido aos efeitos do terremoto de ‘shindo’ 6 forte em Fukushima e Miyagi.

Segundo a empresa, algumas fornecedoras de peças nessas províncias foram diretamente afetadas pelos tremores, e as linhas estão paradas. Sem peças, a Nissan foi forçada a parar a produção.

As fábricas de Oppama, em Yokosuka (Kanagawa), responsável pela produção do principal veículo pequeno “Note” e do elétrico “Leaf”, e de Shonan, em Hiratsuka (Kanagawa), onde são produzidas as carrocerias dos veículos, serão fechadas entre os dias 22 e 23 deste mês.

A fábrica de suspensões automotivas da Hitachi Astemo em Fukushima ficou impossibilitada de fornecer as peças. Pelo mesmo motivo, a Toyota anunciou a suspensão de 14 linhas em 9 fábricas com até 4 dias.

Tanto a Toyota quanto a Nissan enviaram engenheiros à fábrica da Hitachi Astemo para auxiliar na recuperação.

Fonte: Nikkei

Nissan ajusta produção devido a fornecimento limitado de peças após terremoto

O terremoto de sábado afetou a fabricante de peças Hitachi Astemo, que fornece peças para a Nissan.

A Nissan Motor ajustará a produção na província de Fukuoka nesta semana devido a interrupções nos fornecimentos de peças após um terremoto ter atingido o nordeste do Japão, disseram duas fontes com conhecimento do assunto.

O terremoto de sábado (13) afetou a fabricante de peças Hitachi Astemo, disseram as fontes.

A Hitachi Asteno, um empreendimento conjunto entre a Hitachi e a Honda, produz peças para sistemas de suspensão de carros em sua planta na província de Fukushima que são usadas por montadoras incluindo a Nissan e a Toyota.

A Nissan reduziu o horário de operação em duas linhas em sua planta de Fukuoka, que produz as vans Serena, a partir da noite de terça-feira (16), e paralisará a produção no sábado (20), disseram as fontes.

Contudo, uma porta-voz da Nissan disse que, até agora, a montadora não estava vendo impacto sobre a produção.

Em outros lugares, a Toyota disse na terça-feira que suspenderá temporariamente a produção em 14 linhas de 9 fábricas do grupo no Japão, visto que alguns de seus fornecedores foram afetados pelo terremoto.

A Hitachi Astemo disse na quarta-feira (17) que sua planta na província de Fukushima suspendeu a produção desde a segunda-feira devido a um apagão após o terremoto, disse um porta-voz da empresa.

A companhia precisa de tempo para inspecionar a fábrica e não informou quando as operações seriam retomadas.

Fonte: Nippon

« February 2021 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
Go to top