ptzh-CNenfritjakoruesvi

Satoshi Ishii vence em estreia no K-1 World GP 2021 Japan realizado segunda-feira no Japão ; Confira os resultados

A segunda-feira, ( 20 de setembro de 2021 / feriado no Japão ), o ‘K-1 Japan Group’ promoveu o K-1 World GP 2021 Japan: “YokohamaTsuri” ( Festival de Yokohama ), evento que teve lugar na Yokohoma Arena, em Yokohoma, Kanagawa, Japão.
A competição contou com transmissão ‘ao vivo’ pela AbemaTV e, de acordo com os relatórios, os números da audiência foram muito próximos aos do “K’FESTA.4 Dia.2”.

O evento contou com um torneio eliminatório de oito homens até 67,5Kg. O grande campeão foi Masaaki Noiri, que venceu com três “KO’s” consecutivos em seus adversários : FUMIYA, Ayinta Ali e Rukiya Anpo, respectivamente.
Não custa lembrar que Noiri - atleta que já venceu o brasileiro Vitor Tofanelli por decisão unânime no K-1 em 3 de novembro de 2020 - também foi classificado este ano como o 3° melhor lutador do mundo em sua categoria pela ‘Combat Press’.

No ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) da programação, o atual campeão da categoria “cruiserweight” do K-1, Sina Karimian, enfrentou outro ex-campeão do K-1, Kyotaro Fujimoto, em um luta casada sem disputa de título. O lutador do Irã acabou vencendo o japonês por decisão dividida após um ‘round’ extra.

Destaque para o lutador de MMA e atual campeão do “HEAT”, Satoshi Ishii. Também ex-medalhista de ouro olímpico no Judô, o japonês recentemente mudou de nacionalidade para representar a Croácia. Seu adversário foi Ryo Aitaka, ex-desafiante ao título da categoria “cruiserweight” do K-1. Ishii acabou vencendo nessa sua primeira incursão no mundo do Kickboxing.

Já entre as mulheres, Kotomi venceu Rikako Sakurai por decisão inânime após três ‘rounds’.

O próximo torneio do K-1 será realizado em 4 de dezembro de 2021, no EDION Arena, em Osaka.
Os dirigentes também anunciaram que a competição será realizada pela primeira vez no Ginásio Metropolitano de Tóquio, em 27 de fevereiro de 2022.

Por agora, fique com os resultados do K-1 World GP 2021 Japan: “YokohamaTsuri” que incluem :

K-1 World GP 2021 Japan: “YokohamaTsuri”
20 de Setembro de 2021
Yokohama Arena
Yokohama, Kanagawa, Japão

Masaaki Noiri venceu Rukiya Anpo por nocaute no terceiro ‘round’ - final do torneio dos meio-médios
Sina Karimian venceu Kyotaro por decisão dividida após ‘round’ extra ( 10-9, 9-10, 10-9 )
Daizo Sasaki venceu Kenta Hayashi por decisão unânime ( 27-26, 28-27, 28-26 )
Ryusei Ashizawa venceu Hirotaka Urabe por decisão unânime ( 30-27, 30-28, 30-28 )
Yuta Murakoshi venceu Narufumi Nishimoto por decisão unânime ( 30-27, 30-27, 30-26 )
Hirotaka Asahisa venceu MOMOTARO por nocaute aos 2:59 do primeiro ‘round’
Yasuhiro Kido venceu Yutaro Yamauchi por nocaute aos 2:25 do segundo ‘round’
Satoshi Ishii venceu Ryo Aitaka por decisão após ‘round’ extra ( 10-9 × 3 )
Rukiya Anpo venceu Riki Matsuoka por nocaute aos 2:35 do terceiro ‘round’ - semifinal do torneio dos meio-médios
Masaaki Noiri venceu Ayinta Ali por nocaute aos 1:32 do primeiro ‘round’ - semifinal do torneio dos meio-médios
Kaito Ozawa venceu Yuta Kunieda por decisão unânime ( 30-29 × 3 )
Taito Gunji venceu Takahito Niimi por decisão unânime ( 30-27, 30-29, 30-29 )
Toma venceu Yusuke por nocaute aos 2:05 do segundo ‘round’
Kotomi venceu Rikako Sakurai por decisão unânime ( 30-28 × 3 )
Akihiro Kaneko venceu Koki por nocaute aos 2:35 do primeiro ‘round’
Yuto Shinohara venceu Toshiki Taniyama por decisão unânime ( 30-27, 30-25, 30-26 )
Ryuka venceu Hikaru Hasumi por nocaute aos 1:48 do segundo ‘round’
Riki Matsuoka venceu Maki Dwansonpong por nocaute aos 3:00 do segundo ‘round’
Rukiya Anpo venceu Alan Soares por nocaute aos 0:31 do primeiro ‘round’
Masaaki Noiri venceu FUMIYA por nocaute aos 2:10 do primeiro ‘round’
Ayinta Ali venceu Ruku Kojima por decisão unânime ( 30-28, 30-29, 30-28 )
Kazuki Daiku venceu Kurogi Darvish por nocaute aos 2:45 do primeiro ‘round’
Takahiko Kobayashi venceu Takuma Shimizu por nocaute aos 2:10 do segundo ‘round’

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 22/09/2021
_
Legenda : O lutador de MMA Satoshi Ishii venceu em sua estreia no Kickboxing.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Acervo Pessoal Satoshi Ishii | ( C ) M-1 Sports Media Co., Ltd. | ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) AbemaTV | ( C ) Gong Martial Arts | Divulgação ).

Legenda : O ‘poster’ de divulgação do K-1 World GP 2021 Japan: “YokohamaTsuri”.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : | ( C ) M-1 Sports Media Co., Ltd. | ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) AbemaTV | ( C ) Gong Martial Arts | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

16547 pos file ea1a0

 

 

 

“Panchan” Rina Okamoto vence no ‘Rizin 30’ realizado domingo no Japão ; Confira os resultados

O Rizin FF retornou à sua arena natal, a Saitama Super Arena, em Saitama, Japão, no domingo, 19 de setembro de 2021, quando apresentou ‘ao vivo’ o Rizin 30, edição que trouxe a segunda fase do torneio entre os pesos galos da franquia.

Certamente o ‘card’ será lembrado por estas quartas de final do GP, mas a organização asiática também fez história ao oferecer pela primeira vez uma luta de Kickboxing feminino realizada sob o seu “estandarte”.

E foi a lutadora ( ainda invicta na carreira ) Rina Okamoto mais conhecida como “Panchan” ( 11-0, 2 “KO” ) quem se consagrou ao vencer a sua compatriota Momoka Mandokoro ( 20-17-3, 1 “KO” ) por decisão na luta de abertura da programação.
Os fãs japoneses, inclusive, já estão comentando sobre a possibilidade de Rina enfrentar Rena Kubota em um próximo show. Esta última já competiu várias vezes no MMA pelo Rizin, mas vem de um passado no Kickboxing. Será que veremos um duelo entre Rina e Rena já no Rizin 31 ?

Ainda entre as mulheres, mas desta vez sob as regras do MMA, vimos Ayaka Hamasaki ( 23-3 ) vencer novamente Emi Fujino ( 25-12 ), por decisão unânime, após três ‘rounds’. Elas lutaram pela primeira vez em 2012 e, na ocasião, Hamasaki defendeu com sucesso o seu título de campeã do ‘Deep Jewels’.

Para os brasileiros, o momento mais aguardado deste Rizin 30 foi a luta do paulista Alan Yoshihiro, companheiro de Roberto Satoshi e Kleber Koike. Yoshihiro foi derrotado por decisão unânime pelo japonês Kai Asakura.
Asakura - um ex-campeão peso galo do Rizin - teve um bom momento no primeiro ‘round’, quando conectou golpes potentes no corpo do brasileiro representante da academia Bonsai Jiu Jitsu e se aproximou da vitória. Alan resistiu aos ataques, conseguiu equilibrar a luta no ‘round’ seguinte, mas o japonês voltou a levar a melhor no terceiro ‘round’ e garantiu o triunfo por decisão unânime dos juízes.
Asakura melhorou para 18-3, enquanto Yoshihiro caiu para 18-9-4. Não por acaso, esta luta foi o ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) do ‘card’.

Outro atleta que também venceu por decisão para avançar no GP foi Naoki Inoue ( 17-2 ) ao passar por Naoki Inoue ( 17-2 ).

Quem também reservou sua vaga na semifinal foi Hiromasa Ougikubo ( 23-5 ) ao superar o também veterano Takafumi Otsuka ( 29-19 ).

O único finalista das quartas de final à definir sua luta sem deixar a decisão para os juízes foi Kenta Takizawa ( 13-7 ), que finalizou Yuki Motoya ( 28-10 ) com uma enxurrada de socos na metade do primeiro ‘round’, quase derrubando o ex-campeão da categoria peso galo do ‘DEEP Impact’ para fora do ringue.

Outros destaques deste Rizin 30 foram o veterano Shoji Maruyama ( 19-14 ) que nocauteou o “Kickboxer” Chihiro Suzuki ( 5-3 ) em apenas 20 segundos de luta.

Quem também fez bonito foi Shinobu Ota ( 1-1 ), medalha de prata de Wrestling nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro ( em 2016 ). O japonês venceu a primeira luta no MMA. Para tanto, o peso pena teve que superar Yuta Kubo ( 0-1 ) por decisão unânime dos jurados. A estreia de Shinobu Ota na modalidade aconteceu no fim de 2020, quando perdeu para Hideo Tokoro.

Confira os resultados do “Rizin 30” que incluem :

Rizin 30
19 de Setembro de 2021
Saitama Super Arena (さ い た ま ス ー パ ー ア リ ー ナ)
Saitama, Japão

MMA : Kai Asakura derrotou Alan Yoshihiro por decisão unânime dos jurados
MMA : Naoki Inoue derrotou Yuto Hokamura por decisão unânime dos jurados
MMA : Hiromasa Ougikubo derrotou Takafumi Otsuka por decisão unânime dos jurados
MMA : Kenta Takizawa derrotou Yuki Motoya por nocaute técnico no primeiro ‘round’
MMA : Ayaka Hamasaki derrotou Emi Fujino por decisão unânime dos jurados
MMA : Yusuke Yachi derrotou Koji Takeda por decisão unânime dos jurados
MMA : Yoshinori Horie derrotou Ulka Sasaki por decisão unânime dos jurados
MMA : Shinobu Ota derrotou Yuta Kubo por decisão unânime dos jurados
MMA : Shoji Maruyama derrotou Chihiro Suzuki por nocaute técnico no primeiro ‘round’
Kickboxing : Rina Okamoto derrotou Momoka Mandokoro por decisão unânime dos jurados

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 20/09/2021
_
Legenda : “Panchan” Rina Okamoto fez história como a primeira mulher a vencer uma luta de Kickboxing no Rizin.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Instagram - @panchanrina | ( C ) @RIZINFF | ( C ) KNOCK OUT | Divulgação ).

Legenda : O ‘flyer’ de divulgação da luta entre as “Kickboxers” Rina Okamoto e Momoka Mandokoro.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) @RIZINFF | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

panchanvmomoka 3a467

 

 

União entre forças das Artes Marciais do Brasil e Japão

Como temos visto nos últimos anos, muitas equipes, lutadores e até ‘camps’ de treinamentos se expandem através de alianças visando intercâmbio, aperfeiçoamento e diversas formas de expansão de suas escuderias e atividades. No sábado, ( 04.set.2021 ), duas referências das artes marciais e esportes de combates selaram uma nova parceria. As equipes dos faixas pretas e Campeões do MMA Carlos Toyota, líder da Carlos Toyota Jiu-Jítsu e Marcelo Barreira, líder da Barreira Team, iniciaram uma nova fase de projetos objetivando o intercâmbio entre Brasil e Japão.

Carlos Toyota conta com uma extensa trajetória no MMA tendo lutado importantes eventos como: Deep, Mars, Heat, B-Fight, Fortíssimo, Pride Challenge, K-1 Energy, Gladiator, Real Fight, Arzalet, Revolution, Accel, Road FC, Rizin e Ganryujima.

Além de ter uma rede de academias afiliadas e parceiras no Japão e pelo mundo. Os principais títulos de Toyota incluem: Campeão All Japan Jiu-Jítsu, Campeão All Japan Karatê Kakutogui, Campeão Europeu de Jiu-Jítsu, Campeão Asiático de Jiu-Jítsu, Campeão Panamericano de Jiu-Jítsu, Campeão peso pesado do ACCEL MMA, Campeão peso pesado do ACCEL Kickboxing, Campeão Asiático peso pesado de MMA, Campeão peso pesado do ARZALET MMA.

Marcelo Barreira, por sua vez, também conta com muitos anos de prática nas artes marciais e possui vasta experiência de participações em eventos e ligas como: WUFC, Hombres de Honor, XFC, MRWF, Áspera FC, MMA Champions League e Araça FC, além de ter se classificado entre os 16 participantes mais votados na ‘Global Proving Ground’ para participar do Reality Series “Warrior Island”, no ano de 2013, nos USA.

Barreira atua no campo das artes marciais como lutador, treinador e agente de atletas desde muitos anos, com afiliados e parceiros por toda a América Latina e pelo mundo. Entre os principais títulos de Barreira temos: Campeão WUFC MMA, Campeão Hombres de Honor MMA, Campeão Araça MMA, Campeão MRWF MMA, Campeão Sul Americano de MMA no Odisea Combat, Campeão Mundial de Artes Marciais da UIAMA no MMA, Submission e Kickboxing nos anos 2005, 2006 e 2017.

O paulista se diz muito entusiasmado e feliz com essa nova parceria :

-“sou um grande fã do MMA Japonês, sou admirador do Carlos Toyota, que além de ser um ‘casca grossa’, como todos sabem, é um grande mestre, gestor e ser humano. Já tive a oportunidade de conversarmos algumas vezes e ver sobre a sua trajetória. Toyota sempre ajuda os brasileiros com treinamentos e é um ‘ombro amigo’, além de levar com maestria o nome do nosso País e quero poder, juntamente com meus alunos, ajudá-lo à continuar contribuindo com o crescimento de sua equipe e nome. Sou muito amigo e fui aluno do Mestre Jailton da Cunha, assim como do seu Tio, o Grão Mestre José Gomes.”-comentou Marcelo Barreira.

Responsável por iniciar a comunicação entre os dois Campeões de MMA, Jailton ou “Kaká”, como muitos o chamam, ostenta os títulos de Campeão Japonês e Asiático de Jiu-Jítsu. É membro da academia, professor e grande amigo do Mestre Toyota. Jailton também venceu outros inúmeros torneios de Jiu-Jítsu em disputas do “absoluto” e em sua categoria de peso, além de acumular o registro de 2-0 no MMA.

Para quem não sabe, Jailton da Cunha é filho de Jaildo Gomes ( que foi o primeiro professor de Romero “Jacaré”, fundador da Alliance ) e sobrinho do GM José Gomes ( irmão do famoso lutador de Vale Tudo, Ivan Gomes, um dos introdutores do Vale Tudo - hoje MMA - no Japão ).

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 06/09/2021
_
Legenda : Os Campeões de MMA Carlos Toyota e Marcelo Barreira firmaram parceria entre Brasil e Japão.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Acervo Pessoal Carlos Toyota | ( C ) Acervo Pessoal Marcelo Barreira | Divulgação ).

Legenda : Jailton da Cunha ( ao centro ) é Campeão Japonês e Asiático de Jiu-Jítsu.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Acervo Pessoal Jailton da Cunha | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA *

241196409 150015533960047 4025911000185837 n 5b8ca

Rina Okamoto vence Hitomi Nagai no “KNOCK OUT 2021 vol.3” realizado domingo no Japão

No domingo, 18 de julho de 2021, a promoção ‘KNOCK OUT’ realizou o “KNOCK OUT 2021 vol.3”, no Korakuen Hall, em Tóquio, capital do Japão. O evento foi transmitido ‘ao vivo’ pelo sistema de ‘Pay-Per-View’.

O ‘card’ apresentava a conclusão dos torneios nas regras ‘KNOCK OUT-BLACK’, que permitem socos e chutes sem o uso do cotovelo, nas categorias de peso supermédio e superleve da promoção, com Shintaro Matsukura e Hijiri Tamura lutando pelo cinturão de 75kg, enquanto Chihiro Suzuki e Keijiro Miyakoshi se enfrentaram pela cinta de 65kg.

O cinturão também estava em jogo no ‘KNOCK OUT-RED’, conjunto de regras que permitem socos e chutes com uso de cotovelo, quando Suarek Rukkukamui e Yota Shigemori colidiram pelo título dos leves.

Já entre as mulheres, o destaque ficou para a luta entre ‘Panchan’ Rina Okamoto ( STRUGGLE ), campeã feminina da categoria peso átomo ( 46kg ) e Hitomi “Sasori” Nagai ( Tetsu Gym / PRIMA GOLD ), campeã ‘minerva’ na categoria peso mosca leve ( 48,99kg ).
Elas se enfrentaram de forma única em uma ‘super fight’ sob as regras ‘KNOCK OUT- BLACK’, ou seja, sem uso de cotovelos.
Esta foi uma luta de contrato, com tempo estipulado de 3R de 3 minutos ( mais um ‘round’ de extensão, se necessário ) e peso combinado de 48,4kg. Este peso é 2,4kg acima da categoria peso átomo original ( -46,0kg ) e está mais próximo do peso mosca leve de “Sasori” ( -48,97kg ).

‘Panchan’ Rina Okamoto vinha de uma vitória por nocaute na revanche com MIREY também realizada no Korakuen Hall, em 22 de maio deste ano. Rina está invicta com 10 vitórias ( 2 ‘KO’ ) desde sua estreia profissional, em fevereiro de 2019 e “Sasori” é a sua adversária mais forte até aqui.

Hitomi “Sasori” Nagai conquistou o trono de ‘minerva’ em setembro de 2019. Em fevereiro de 2020, ela participou do “Shoot Boxing”. A atleta também competiu em eventos do porte do ‘Hoost Cup’, ‘NKB’ e “RISE”, antes de estrear no próprio ‘KNOCK OUT’.

No início da luta, “Sasori” coloca pressão, mas Rina golpeia enquanto desvia em passos. Após o bom ritmo da ‘trocação’ de socos e chutes, acontece o primeiro ‘clinch’ da luta. Rina conecta golpes repetidamente e deixa uma boa impressão antes do término do primeiro período.

Já no segundo ‘round’, Rina conecta uma série de socos. “Sasori” - com um sorriso estampado no rosto - revida imediatamente e desfere um direto de esquerda certeiro no rosto de Okamoto. A partir daí, seguem cenas de ‘trocação’ e desta feita, é “Sasori” quem deixa uma boa impressão.

No terceiro e último ‘round’, ambas as lutadoras desferem chutes. Mas Rina também faz uso de joelhadas. Ela acerta sua adversária por duas vezes consecutivas. “Sasori” recua para acertar o corpo de Rina em seguida. Na sequência, Okamoto acerta o chute frontal de direita e chuta no joelho. A luta termina violentamente.
O resultado da luta vai para a decisão dos juízes e o placar é favorável à Rina, que vence por decisão majoritária ( 29-29, 29-28, 29-28 ).

-“Eu estava com medo, mas todos me apoiaram e eu fiz o meu melhor. Eu ainda estava fraca, mas vou praticar mais. Fico feliz por ter vencido, mesmo no último minuto. O inimigo se foi, mas, por favor, fiquem de olho em mim no futuro. Obrigada pelo seu apoio.”-disse Rina Okamoto, ainda emocionada, após ter vencido a feroz batalha.

Confira os resultados do “KNOCK OUT 2021 vol.3” que incluem :

KNOCK OUT 2021 vol.3
18 de Julho de 2021
Korakuen Hall
Tóquio, Japão

Kickboxing: Chihiro Suzuki venceu Keijiro Miyakoshi por nocaute ( socos ) aos 0:37 do primeiro round - final do torneio superleve
Kickboxing: Shintaro Matsukura venceu Hijiri Tamura por decisão unânime ( 29-24, 30-23, 30-23 ) - final do torneio dos super médios
Muay Thai: Yota Shigemori venceu Suarek Rukkukamui por decisão unânime ( 49-48, 49-48, 49-47 ) - válido pelo título dos leves
Muay Thai: Haruto Yasumoto venceu Kenichi Takeuchi por nocaute ( chute na cabeça ) aos 0:30 do terceiro round
Kickboxing: Rina Okamoto venceu Hitomi “Sasori” Nagai por decisão majoritária ( 29-29, 29-28, 29-28 )
Muay Thai: Eisaku Ogasawara venceu Hiroshi Yokono por nocaute ( chutes nas pernas ) aos 1:18 do segundo round
Kickboxing: Bazooka Koki venceu Yasuhiro Matsuo por nocaute ( chute posterior ) aos 1:37 do terceiro round
Muay Thai: Hiroki Nakamura venceu Saksith por nocaute ( soco ) aos 2:08 do primeiro round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 19/07/2021
_
Legenda : Rina Okamoto emocionada após a vitória.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) KNOCK OUT | ( C ) Gong Fighting | Divulgação ).

Legenda : A luta teve como “característica” a ‘trocação’ intensa de socos e chutes.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) KNOCK OUT | ( C ) Gong Martial Arts | Divulgação ).

210718knockout 04 panchan sasori 03 dbc5c

“K-1 Mikucha Round Girl Audition” realiza ‘sonho de cinderela’ no Japão

 

Atenção, garotas. Se você sonha em ser “cinderela” por apenas uma noite e trabalhar como ‘ring girl’ em um dos maiores eventos de lutas do mundo, então esta é a sua oportunidade.

Foi decidido que o “K-1 Mikucha Round Girl Audition”, um projeto de colaboração entre ‘K-1’ ( Planejamento / Produção: M-1 Sports Media Co., Ltd. ) e “Mikucha” ( um aplicativo de distribuição de conteúdo ‘ao vivo’ desenvolvido e operado pela DONUTS Co., Ltd. ) será realizado em 20 de setembro de 2012 ( segunda-feira / feriado ), na Yokohama Arena, em Kanagawa, Japão. A audição, que visa descobrir novas ‘ring girls’, terá lugar no mesmo ringue do “K-1 WORLD GP 2021 JAPAN-Yokohama Festival”, à ser realizado na mesma data e local.

No ‘K-1’, além das “K-1 Girls” que animam o local de cada torneio, anteriormente, nomes como Yoko Kumada ( uma talentosa ‘pop star’ ), Momoka Ishida ( também conhecida como “Reiwa’s Roture Queen” ) e as populares ‘cosplayers’ Saki Miyamoto e Kokoro Shinozaki aproveitaram seu estilo excepcional para deixar o interior do ringue ainda mais belo e os fãs mais entusiasmados.
Desta vez, será uma oportunidade especial para mulheres comuns subirem no grande palco. ( * Esta não será uma audição para selecionar novas contratadas permanentes como “K-1 Girls”, mas para ser uma “K-1 Round Girl” apenas por uma noite ).

A audição, que também será exibida durante a transmissão ‘ao vivo’ da ABEMATV, é aberta ao público - como dito anteriormente - e a vencedora será postada na contracapa da revista “Jovem Campeão”.
Além disso, especula-se que a 1ª colocada poderá receber uma premiação em dinheiro de até ¥ 30.000 ( 30.000 ienes ).
As premiações dos 2º e 3º lugares serão 10.000 ienes e 5.000 ienes, respectivamente.

Serão distribuídos ainda benefícios extras do ‘K-1’ e do “Mix-Channel”.

As inscrições para a audição estarão abertas até as 12:00hs do dia 14 de julho de 2021 ( quarta-feira ). As candidatas selecionadas serão anunciadas ‘ao vivo’ no “Mikucha” por 18 dias, de 15 de julho ( quinta-feira ) à partir das 12hs à 1º de agosto ( domingo ) até as 23hs, e a triagem final ( em 20 de setembro ) será baseada nos pontos ganhos até lá. O resultado final será divulgado no site oficial do ‘K-1’ e no ‘Twitter’ oficial da franquia.

As candidatas devem ser mulheres saudáveis, com idade entre 16 e 39 anos e medir 1,50 cm ou mais, entre outros requisitos.

Para informações adicionais, além de envio dos documentos necessários para a inscrição, favor acessar o site oficial do ‘K-1’ ou a página seguinte do “Mikucha”.

Ou então, tente registrar-se no “K-1 Mikucha Round Girl Audition” através do URL abaixo : https://lin.ee/K3C9rRU

Também é possível requisitar as informações necessárias para a audição no URL abaixo : https://mixch.tv/p/qartvt40

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 14/07/2021
_
Legenda : A audição será uma oportunidade espetacular de estar em um palco como uma “K-1 Girl”.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) M-1 Sports Media Co., Ltd. | ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) Good Loser Co., Ltd. | ( C ) DONUTS Co., Ltd. | ( C ) JAPAN MUSIC NETWORK, Inc. | Divulgação ).

Legenda : A audição será transmitida ‘ao vivo’ pela ABEMATV e será postada na contracapa da revista “Jovem Campeão”.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) M-1 Sports Media Co., Ltd. | ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) Good Loser Co., Ltd. | ( C ) DONUTS Co., Ltd. | ( C ) JAPAN MUSIC NETWORK, Inc. | Divulgação ).

origin 1 ec14a

 

O “Rizin 29” realizou torneios de MMA e Kickboxing no último domingo no Japão

No domingo, ( 27 de junho de 2021 ), o Rizin Fighting Federation retornou às suas atividades com o “Rizin 29”. O ‘card’ trouxe consigo a segunda metade do torneio eliminatório de 16 homens na categoria de peso galo.
O “Rizin 29” também incluiu o ‘RIZIN KICK’, um torneio de Kickboxing de uma noite, realizando a rodada semifinal no início da programação, guardando então a final para o ‘slot’ do evento principal.
Desta vez, as lutas tiveram lugar na cidade de Osaka, também no Japão.
As “cerimônias de abertura” começaram às 12h30 no horário da costa leste dos Estados Unidos e Canadá. Os fãs norte-americanos puderam assistir o evento ‘ao vivo’ via transmissão por ‘Pay-Per-View’ no ‘LiveNow’.

Do lado do MMA, o GP peso galo continuou, como dito anteriormente. Destaque para a participação do brasileiro Alan Yamaniha ( 18-8 ). O lutador paulista encarou o japonês Kazuma Kuramoto ( 8-2 ), quase nocauteando-o com socos por diversas vezes ainda no primeiro round.
Já no segundo período da luta, Yamaniha quase chegou à finalizar Kazuma com uma guilhotina. Mas, à partir daí, Kuramoto começou à pressionar o brasileiro. Este último, apesar do esforço feito anteriormente, usou de sua experiência no MMA para administrar a vantagem que construiu nos dois primeiros rounds e conseguiu vencer sua primeira luta no Rizin. Com a vitória, Yamaniha avança rumo às quartas de final do GP peso galo.

Todas as outras três lutas do torneio foram para a decisão dos juízes. Takafumi Otsuka ( 29-18 ) venceu Hiroki Yamashita ( 8-9 ) enquanto Kenta Takizawa ( 12-7 ) obteve uma vitória polêmica sobre Masakazu Imanari ( 38-20 ).
Já Yuto Hokamura, nativo de Osaka, venceu o estreante na promoção, Kuya Ito, de maneira unânime.
Com a vitória, Hokamura melhorou para 14-9-2 e soma agora duas vitórias em suas três lutas pela franquia, enquanto Ito caiu para 10-9-1, mas conquistou vários fãs graças à sua atuação.

No torneio de Kickboxing batizado de ‘RIZIN KICK One Night Tournament’ vimos quatro lutadores da categoria de peso galo disputando um cinturão simbólico da organização.
Esse GP foi vencido por Taiju Shiratori. Para tanto, ele passou por Chikai Iimura na semifinal e indo para a luta decisiva com o popular Koji Tanaka, conhecido pelo público local como “Kouzi”.

A luta foi explosiva, principalmente no último round, com ambos os atletas partindo para cima e dando tudo de si, em busca do nocaute definitivo. Shiratori, que já havia aplicado um “knockdown” no primeiro round, dominou grande parte do combate e acabou vencendo por decisão unânime dos juízes.

No dia seguinte à luta, Koji Tanaka falou sobre os seus sentimentos em um vídeo divulgado em seu canal no YouTube, o “Koji Channel”.Ele falou que precisou se submeter à uma cirurgia devido à um osso fraturado próximo ao seu olho direito e revelou que foi diretamente se desculpar à Genji Umeno, seu adversário na semifinal.
Ele também descartou uma possível aposentadoria em mensagem direcionada aos seus fãs.
Genji Umeno, por sua vez, também deseja fazer mais uma batalha com o popular lutador. Será que uma segunda luta entre Koji e Umeno será realizada?

Por agora, fique com os resultados do “Rizin 29” que incluem :

Rizin 29
27 de Junho de 2021
Maruzen Intec Arena Osaka
Osaka, Japão

Kickboxing: Taiju Shiratori venceu Koji Tanaka por decisão unânime
MMA: Yuto Hokamura venceu Kuya Ito por decisão unânime
MMA: Takafumi Otsuka venceu Hiroki Yamashita por decisão unânime
MMA: Kenta Takizawa venceu Masakazu Imanari por decisão unânime
MMA: Alan Yamaniha venceu Kazuma Kuramoto por decisão unânime
MMA: Yusuke Yachi venceu Yuki Kawana por decisão unânime
MMA: Rikuto Shirakawa venceu Jin Aoi por decisão unânime
Kickboxing: Taiju Shiratori venceu Ryo Takahashi por “TKO” ( socos ) aos 1:37 do primeiro round
Kickboxing: Koji Tanaka vs. Genji Umeno terminou em “No Contest”
Kickboxing: Yoshinari Nadaka venceu Chikai Iimura por “TKO” ( lesão no nariz ) aos 3:00 do primeiro round
Kickboxing: Seiki Ueyama venceu Josei Izumi por “TKO” ( três “knockdowns” ) aos 0:55 do segundo round 
Kickboxing: Yuma Yamahata vs. Kiyoto Takahashi terminou em empate ( majoritário )

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 28/06/2021

_
Legenda : Taiju Shiratori e Koji Tanaka fizeram a final do RIZIN KICK ‘One Night Tournament’, torneio de Kickboxing do Rizin FF.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : @RIZINFF | Divulgação ).

Legenda : Haverá uma nova luta entre Koji Tanaka e Genji Umeno no Rizin?
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : @RIZINFF | Divulgação ).

image 1624876454 23b66

Confira os resultados do “Krush-EX 2021 Vol.3” realizado Sábado no Japão

 No sábado, 5 de junho de 2021, o K-1 Japan Group realizou o “Krush-EX 2021 Vol.3” no GEN Sports Palace, em Shinjuku, Tóquio, capital do Japão. O intuito dos organizadores é realizar competições para manter os jovens prospectos da promoção em constante atividade até que estes se credenciem para os torneios de primeira linha do K-1. Mas o “tablado” do “Krush-EX” também apresenta confrontos de alguns lutadores profissionais da franquia.

O evento que foi ao ar ‘ao vivo’ pela “Line Live” às 4h ( horário local ) foi marcado por uma disputa na categoria de 63 Kgs entre Rioya Nasu e Jin Hatori.

Rioya, de 21 anos, tem um ‘recorde’ de 5 vitórias ( 1 nocaute ) e 3 derrotas e, embora tenha conquistado 2 vitórias consecutivas no K-1 JAPAN GROUP, perdeu para Takumi Nagai por nocaute em setembro de 2020 e também sofreu outro nocaute diante de Mitsuo Hebei em fevereiro deste ano. Hatori, por sua vez, já havia sido derrotado por Rioya na final do ‘K-1 College 2019’, quando ambos ainda eram amadores. Ele teria agora a sua revanche no profissional.

O primeiro round teve início com Rioya chutando e conectando ‘ganchos’ de esquerda e direita em Hatori, que é atingido repetidamente. Mas Hatori consegue se encontrar no meio do “palco”, usando muito a sua direita, enquanto Rioya chuta os seus joelhos para, em seguida, acertá-lo com socos.

Já no segundo período da luta, Hatori golpeia repetidamente o rosto e o corpo de Rioya, que rebate com um ‘gancho’ de esquerda. Neste round, os dois homens levaram a luta várias vezes para o canto do ringue e, além disso, usaram os joelhos contra o corpo.

A definição da luta, aliás, viria com uma joelhada de direita desferida por Hatori no corpo de Rioya, quando este estava perto das cordas, desmaiando de agonia, aos 2min. e 21seg. do segundo round.

Hatori superou assim as dificuldades dos minutos iniciais do confronto e com esta vitória por “KO” se vingou da derrota sofrida durante a final da faculdade.

-“Tive muitas lesões no ano passado e fiquei desapontado por ter tido um desempenho lamentável da última vez. Mas várias pessoas me apoiaram e eu pude mostrar o meu potencial hoje. Farei o meu melhor para atingir níveis ainda mais altos”.-disse Hatori ao microfone, após a sua vitória.

Em outra luta de destaque do ‘card’, desta vez entre as mulheres, Chan Lee venceu Raika Nagasaki por decisão dividida ( 2-1 ), após três rounds.

Confira os resultados do “Krush-EX 2021 Vol.3” que incluem :

Krush-EX 2021 Vol.3
05 de junho de 2021
GEN Sports Palace
Shinjuku, Tóquio, Japão

Jin Hatori venceu Rioya Nasu por nocaute aos 2:21 do segundo round
Chan Lee venceu Raika Nagasaki por decisão dividida ( 29-30, 30-28, 30-29 )
Kosuke Kawashima venceu Akihiko Kawagoe por decisão unânime ( 30-28, 29-28, 29-28 )
Riko Kato venceu Kiho por decisão unânime ( 29-28 x3 )
Sakiya Inoue venceu Masaki Yagi por decisão majoritária ( 30-29, 29-28, 29-29 )
Taiyo Miyakawa venceu Kenshiro Koguchi por decisão unânime ( 30-27, 30-27, 30-29 )
Masashige Umeda venceu Masato Ochiai por decisão majoritária ( 28-27, 28-27, 28-28 )
Miho Yata venceu Aiko por decisão unânime ( 29-28, 29-28, 29-27 )
Ryota Irie venceu Ren Yamanishi por nocaute aos 2:54 do primeiro round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 07/06/2021
_
Legenda : Jin Hatori obteve a sua revanche da derrota sofrida no ‘K-1 College 2019’.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) Krush | Divulgação ).

Legenda : Jin Hatori comemora a sua vitória ladeado pelas belas “K-1 girls”.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) Krush | Divulgação ).

image 1622893635 7b652

Nova promoção de MMA e Kickboxing Rondônia Champions Day estreia no mês de abril em Porto Velho

A cidade de Porto Velho, capital do estado de Rondônia, é reconhecida no cenário nacional do MMA como uma grande reveladora de talentos. O município, que é o terceiro mais populoso da Região Norte - atrás apenas de Manaus e Belém - sempre foi muito ativo quando o assunto era eventos de MMA.
 
Agora, após ficar praticamente doze meses impedido de sediar eventos devido à crise sanitária em nosso país, o município de Porto Velho receberá o maior evento de artes marciais mistas do estado.
 
Trata-se do Rondônia Champions Day, promoção de MMA e Kickboxing com doze lutas divididas em “undercard”, “card principal”, super lutas e disputas de cinturões. O show será realizado no dia 03 de abril.
 
Sempre trabalhando em prol do esporte rondoniense, o promotor Júnior Oliveira - que já realizou mais de vinte eventos de MMA em mais de dez anos de atividades - promete um show com os melhores lutadores de Rondônia, além de atletas convidados vindos do Acre e Amazonas, entre outros estados da região Norte do Brasil.
 
Destaque para o acreano Thomas Bryan ( até 61kg ), representante da Chute Boxe do seu estado. As últimas luta do atleta foram em eventos de MMA e K-1 disputados em Porto velho e Rio Branco ( Acre ). Seu cartel é composto por quatro vitórias e uma derrota.
 
Também gostaríamos de citar Carlos Cainan ( 80kg ), jovem atleta local, muito agressivo e que não gosta de deixar a luta ir parar nas mãos dos juízes. O invicto lutador estará buscando a sua quarta vitória no MMA. Não é à toa que Carlos fará o ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação.
 
Além disso, o evento seguirá todos os protocolos e medidas de segurança para prevenção contra o novo coronavírus ( Sars-Cov-2 ), responsável pela doença Covid-19.
 
Logicamente também não haverá venda de ingressos, pois a pandemia do coronavírus forçou as promoções esportivas no mundo inteiro a realizarem seus eventos sem a presença do público, para evitar aglomerações e a propagação da doença. 
 
Contudo, o show contará com a transmissão de todas as lutas ‘ao vivo’ pela RedeTV! Rondônia ( emissora de televisão que opera no canal 17 e é afiliada à RedeTV! de São Paulo ).
 
Quem levará a melhor no Rondônia Champions Day ? Confira o ‘card’ completo abaixo.
 
RONDÔNIA CHAMPIONS DAY
03 de abril de 2021
Porto velho-RO
 
PRELIMINAR
 
01 - categoria 71kg / modalidade K1
Luan Max (Porto Velho)
X
Lucas Aviz (Porto Velho
 
02 - categoria 54kg / modalidade K1
Jean Lucas (índio)
X
Dalvan (Neném)
 
03 - categoria 54kg / modalidade K1
Abne Amorim (Porto Velho)
X
Carlos Eduardo (Porto Velho)
 
04 - categoria 63,5kg / modalidade K1
Anderson Julio (Cacoal)
X
Luiz Robert (Porto Velho)
 
05 - categoria 75kg / modalidade K1
Victor Villar (Porto Velho)
X
Mayter Luter King (Porto Velho)
 
06 - categoria 60kg / modalidade K1
Leandro Silva (guajará mirim)
X
Atila Silva (Porto Velho)  
 
07 - categoria 52kg / modalidade K1
Laura Floresta (Porto Velho)
X
Fernanda Navalho (Porto Velho)
 
CARD PRINCIPAL
 
08 - categoria 70kg / modalidade MMA
Bryan Felipe (Porto Velho)
X
08 - Walison Latino ( Mato Grosso)
 
09 - categoria 77kg / modalidade K1
Cleyton Santos (Cacoal)
X
09 - Natan Sagat (Porto Velho)
 
10 - categoria 61,2kg modalidade MMA
André Rodrigues (Cacoal)
X
10 - Thomas Bryan (Rio Branco)
 
co-luta principal
11 - categoria 63,5 / modalidade K1
Iago “Jason” (Porto Velho)
X
11 Cristiano Ferreira (Humaitá)
 
LUTA PRINCIPAL
12 - categoria 80kg / modalidade MMA
Carlos Cainan (Porto Velho)
X
12 - Charles Oliveira (Porto Velho)
 
( *o ‘card’ é sujeito à alterações )
 
WE ARE COMING !
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 01/02/2021
_
Foto acima : O ‘flyer’ de divulgação do Rondônia Champions Day.  ( Créditos | Cortesia : ( C ) Rondônia Champions Day  | Divulgação ).
 
Abaixo :  O promotor Júnior Oliveira. ( Créditos | Cortesia : AP Júnior Oliveira | Divulgação ).
 
144809348 728901654496325 6905963444478091508 n 4dd91

Brasília - DF sediou o retorno do WGP Kickboxing no último sábado

No sábado, 23 de janeiro, tivemos o retorno em grande estilo do WGP Kickboxing, em sua primeira edição regional, em Brasília-DF. A promoção voltou à ativa depois de mais de um ano de inatividade por conta da pandemia do Covid-19.
 
O WGP Brasília foi realizado seguindo todos os protocolos e medidas de segurança para prevenção contra o novo coronavírus ( Sars-Cov-2 ),  responsável pela doença Covid-19. Também não foram comercializados ou distribuídos ingressos, uma vez que não seria permitida a presença de qualquer tipo de público.
 
O evento na capital nacional foi viabilizado através de emenda parlamentar do Deputado Distrital Martins Machado, destinada à Secretaria de Esportes e Lazer do Distrito Federal. O Deputado Martins tem apoiado constantemente, não somente ações de desenvolvimento do esporte Kickboxing, mas também de muitos outros esportes. 
Também não podemos esquecer de citar o apoio do Deputado Júlio César Ribeiro.
 
O maior show de ‘trocação’ do Brasil na atualidade foi novamente realizado pela CBKB, com chancela internacional da WAKO Pró e contou com a transmissão ‘ao vivo’ dos canais Bandsports, Combate e Fox. 
 
Esta edição do WGP na capital federal reuniu, além de atletas “rodados”, novos valores do Kickboxing brasileiro, notadamente do DF, que tem se destacado muito no cenário competitivo a modalidade.
 
O ‘card’ coroou dois novos campeões dos torneios eliminatórios do WGP, que tiveram que vencer duas lutas na noite ( cada ). André Martins ( até 71,8kg ) e Júlio Assunção ( até 64,5kg ), que venceram ( nas finais ) Geova Sabino e Mateus Pereira, respectivamente.
Assim sendo, o primeiro levou para casa o título de campeão do GP dos meio médios ( até 71,8kg ), enquanto Assunção, o grande prospecto da região centro-oeste do Brasil, tornou-se campeão do GP dos super leves ( até 64,5kg ).
 
Nas ‘Special Fights’ o duelo entre Guilherme Monteiro e Wellington Mourão foi muito intenso, com bons momentos para os dois lados. Ao final dos três rounds, melhor para Guilherme, que obteve a vitória por decisão unânime em uma das melhores lutas da noite.
 
Entre os lutadores da categoria peso pesado, Guilherme Julio fez bonito ao dominar e mostrar muito preparo físico para vencer João Pedro Simão por decisão unânime.
 
Já Rafael Andrade foi superior a Bruno dos Santos em boa parte da luta e levou a vitória por decisão dividida.
 
O evento contou ainda com outras cinco lutas no “Undercard” ou ‘card’ preliminar, com destaque para o triunfo de Reginaldo Brito por nocaute diante de Yuri Pereira.
 
WGP Kickboxing Brasília
Sábado, 23 de janeiro de 2021
Brasília-DF, Brasil
 
CARD PRINCIPAL:
Andre Martins venceu Geova Sabino por nocaute aos 2m45s do R3
Julio Assunção venceu Mateus Pereira por decisão unânime
Guilherme Monteiro venceu Wellington Mourão por decisão unânime
Guilherme Julio venceu João Pedro Simão por decisão unânime
Rafael Andrade venceu Bruno dos Santos por decisão dividida
Geova Sabino venceu Jeremias Henrique por decisão dividida
André Martins venceu Elder Dias por nocaute aos 2m30s do R2
Mateus Pereira venceu Meijy Portela por decisão unânime
Julio Assunção venceu João Pedro Moreira por decisão unânime
 
CARD PRELIMINAR
Reginaldo Brito venceu Yuri Pereira por nocaute
Lucas Silva venceu Celso Ribeiro por pontos
Rony Henrique venceu Pedro Victor por pontos
Hiago Pereira venceu Rômulo Araújo por pontos
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 26/01/2021
_
Foto acima : André Martins foi um dos destaques do WGP Brasília. ( Créditos | Cortesia : ( C ) Honney Pereira | ( C ) WGP Kickboxing | ( C ) CBKB | ( C ) WAKO Pró | Divulgação ).
 
Abaixo : O ‘flyer’ de divulgação do WGP Brasília ( WGP BSB ) realizado em 23 de janeiro. ( Créditos | Cortesia : ( C ) WGP Kickboxing | ( C ) CBKB | ( C ) WAKO Pró | Divulgação ).
 
5a1a95d4c420210112043034 99704
 

Resumimos o calendário da temporada 2021 de torneios de MMA e Kickboxing no Japão

Alguns sites especializados em artes marciais no geral tem uma página de programação de torneios, mas nem todas as promoções estão listadas. Geralmente apenas os maiores eventos estão inclusos, e as franquias menores acabam ficando de fora.
 
Aproveitando que muitos promotores no Japão já anunciaram a sua programação anual para 2021 resolvemos fazer um resumo dos torneios de cada promotor no ano que agora se inicia. Tentaremos atualizar a lista assim que houver anúncios adicionais e estes com certeza serão muitos. 
Como exemplo, citamos a organização Pancrase, que ainda não divulgou o seu calendário de competições para esta temporada.
 
As informações serão principalmente sobre as competições de MMA, Kickboxing e Telecatch ( ou Puroresu ), modalidades que são verdadeiras febre na ‘terra do Sol Nascente’.
 
Uma curiosidade é que o Korakuen Hall, templo sagrado das artes marciais no Japão, voltará à ser o principal palco dos torneios de MMA no país em 2021.
 
Aproveitamos para lembrá-los que algumas competições poderão ser adiadas ou até mesmo canceladas, devido à pandemia do novo coronavírus, em alguns casos. Além do que, este calendário está sujeito à alterações, por outros motivos, alheios ao nosso conhecimento.
 
Ainda assim, recomendamos manter esse calendário sempre à mão, como uma espécie de guia de torneios nesse ano, que promete muitos eventos de porrada no país classificado como a “capital mundial das artes marciais”.
 
JANEIRO :
04/01 (seg) ACF [Osaka City Konohana Ward Ikkyu Hall]
10/01 (Dom) Japan Kick [Korakuen Hall]
11/01 (feriado) REBELS [Shinjuku Face] 01/17
17/01 (Dom) INNOVATION [Convex Okayama]
17/01 (Dom) RISE [Shinjuku Face]
23/01 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
24/01 (Dom) K-1 [Yoyogi Stadium Daiichi Gymnasium] * Adiado
24/01 (Dom) WARDOG [Osaka Pavilhão Mundial]
30/01 (Sáb) RISE [Korakuen Hall]
31/01 (Dom) Minerva [Texpia Osaka]
31/01 (Dom) DEEP ☆ KICK [Texpia Osaka]
31/01 (Dom) MA Kick [Korakuen Hall]
31/01 (Dom) Shooto [New Pier Hall]
 
FEVEREIRO :
07/02 (Dom) GLADIATOR [Osaka 176box]
07/02 (Dom) Shoot Boxing [Korakuen Hall]
12/02 (Sex) NJKF [Korakuen Hall]
13/02 (Sáb) Krush [GEN Sports Palace]
14/02 (Dom) Kyushu Pro Kick Boxing [Fukuoka]
20/02 (Sáb) NKB [Korakuen Hall]
21/02 (Dom) DEEP [TDC Hall]
21/02 (Dom) NJKF [Centro Distrital de Sumiyoshi da cidade de Osaka]
23/02 (Terça) RISE [Korakuen Hall]
24/02 (Quarta) NO KICK NO LIFE [Shibuya TSUTAYA O-EAST]
27/02 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
28/02 (Dom) MEGA2021 [Tokyo Dome]
28/02 (Dom) REBELS [Korakuen Hall]
28/02 (Dom) RISE [Yokohama Arena]
 
MARÇO :
07/03 (Dom) DEEP JEWELS [Korakuen Hall]
13/03 (Sáb) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
14/03 (Dom) KROSS × OVER [Saitama Ikos Ueo]
14/03 (Dom) RIZIN [Tokyo Dome]
20/03 (Sáb) Shooto [Korakuen Hall]
21/03 (Dom) Bigbang [Korakuen Hall]
21/03 (Dom) K-1 [Tokyo Garden Theatre]
27/03 (Sáb) KNOCK OUT [Shinjuku Face]
27/03 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
28/03 (Dom) RISE [Korakuen Hall]
28/03 (Dom) Japan Kick [Shinjuku Face]
 
ABRIL :
11/04 (Dom) BOM [Yokohama Osanbashi Hall]
17/04 (Sáb) RISE [Korakuen Hall]
23/04 (Sex) Krush [Korakuen Hall]
24/04 (Sáb) NKB [Korakuen Hall]
25/04 (Dom) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
 
MAIO :
02/05 (Dom) NKB [Centro de Cidadãos do Distrito Joto de Osaka]
09/05 (Dom) Japan Kick [Korakuen Hall]
16/05 (Dom) Shooto [Korakuen Hall]
23/05 (Dom) RISE [Korakuen Hall]
28/05 (Sex) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
30/05 (Dom) BOM [Shinjuku Face]
30/05 (Dom) Krush [Korakuen Hall]
 
JUNHO :
06/06 (Dom) KROSS × OVER [Shinjuku Face]
06/06 (Dom) NJKF [Osaka City Sumiyoshi Ward Center]
06/06 (Dom) RISE [Across Fukuoka]
06/12 (Sáb) KNOCK OUT [Shinjuku Face]
13/06 (Dom) Japan Kick [Chiba Prefeitura de Ichihara Seaside Gymnasium]
18/06 (Sex) RISE [Korakuen Hall]
19/06 (Sáb) NKB [Korakuen Hall]
20/06 (Dom) Shooto [ Melparc Hall OSAKA ]
25/06 (sexta) Krush [Korakuen Hall]
27/06 (Domingo) NJKF [ Korakuen Hall]
 
JULHO :
04/07 (Dom) BOM [Yokohama Osanbashi Hall]
17/07 (Sáb) RISE [Korakuen Hall]
18/07 (Dom) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
24/07 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
25/07 (Dom) Shooto [Korakuen Hall]
 
AGOSTO :
08/08 (Dom) BOM [Shinjuku Face]
21/08 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
22/08 (Dom) KNOCK OUT [Shinjuku Face]
22/08 (Dom) Japan Kick [Korakuen Hall]
29/08 (Dom) Bigbang [Korakuen Hall]
 
SETEMBRO :
12/09 (Dom) RISE [Korakuen Hall]
19/09 (Dom) NJKF [Korakuen Hall]
20/09 (Dom) Shooto [Korakuen Hall]
24/09 (Sex) Krush [Korakuen Hall]
25/09 (Sáb) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
26/09 (Dom) BOM [Ota Ward General Gymnasium]
 
OUTUBRO :
16/10 (sáb) NKB [Korakuen Hall]
22/10 (sex) RISE [Korakuen Hall]
29/10 (sex) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
31/10 (Dom) Krush [Korakuen Hall]
Bigbang ( entre os meses de outubro e novembro ) [TDC Hall]
 
NOVEMBRO :
07/11 (Dom) BOM [Yokohama Osanbashi Hall]
07/11 (Dom) NJKF [Korakuen Hall]
20/11 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
21/11 (Dom) Japan Kick [Korakuen Hall]
23/11 (feriado) Shooto [Korakuen Hall]
28/11 (Dom) KNOCK OUT [Korakuen Hall]
11 / ( data à definir ) Shooto [Osaka]
 
DEZEMBRO :
11/12 (Sáb) NKB [Korakuen Hall]
12/12 (Dom) RISE [Korakuen Hall]
18/12 (Sáb) Krush [Korakuen Hall]
26/12 (Dom) Bigbang [Korakuen Hall]
12 / ( data à definir ) KNOCK OUT [ TBD]
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 10/01/2021
_
Foto : O Korakuen Hall, templo sagrado das artes marciais no Japão, voltará à ser o principal palco dos torneios de MMA no país em 2021. ( Cortesia | Créditos : (C) RISE | (C) Connection Japan | Divulgação ).

Nota de esclarecimento pública

Website gratuito, não cobrança os nossos leitores ou visitantes, o único objetivo e a divulgação da informação e notícias reais, todos os créditos são de suas respectivas fontes e autores.

Em conformidade com as Leis:

Em conformidade com Artigo 46, I da Lei 9610/98 Brasil - Artigo 46, I da Lei 9610/98 e Lei nº 5.250 de 9 de fevereiro de 1967 - Lei 2083/53 | Lei nº 2.083 de 12 de novembro de 1953.

Para maiores informações e suporte jurídico consulte nosso advogado colaborador: Raphael Guilherme da Silva - OAB/SP Sob o Nº 316.914.

Caso discorde de algum artigo removeremos o mesmo de imediatamente e nós desculpamos de forma publica mediante uma retratação conforme a Lei se assim for solicitado.

Desde já muito obrigado.

Este portal de notícias e uma iniciativa de um Grupo de colaboradores voluntários sobre registro no Japão -目標新聞 (コネクション・ジャパン). - connectionjapan.com .

E é mantido pelos seus voluntários e colaboradores a fim de permitir que a colônia de Brasileiros possa ter acesso a essas informações de forma gratuita e a todos os demais visitantes que assim desejarem acessa nosso website.

Algumas observações na Lei n.º 9.610/98.

Uso de obra autoral para fins de estudo ou crítica;

Uso de obra autoral para exposição de um produto (por exemplo: uma loja de porta-retratos que expõe um porta-retrato contendo uma foto);

Uso de obra autoral para fim privado (se você compartihar com alguém, já não é mais uso privado!);

E outras previstas na Lei n.º 9.610/98.

« October 2021 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

FreeCurrencyRates.com

 

Contador de visitas

0.png4.png0.png5.png9.png4.png0.png
Hoje:757
Ontem:1139
Últimos 7 dias:5976
Mês:22294
Total:405940

Conectados simultaneamente

26
Online

23-10-21

Visitantes online

Parceiros

Go to top