ptzh-CNenfritjakoruesvi

Confira os resultados do “Deep Jewels 34” realizado sábado no Japão

O evento de MMA feminino “Deep Jewels 34” foi realizado no sábado, ( 04 de setembro de 2021 ), no Shinjuku FACE, em Tóquio, no Japão. A promoção de Shigeru Saeki tem desenvolvido muitas lutadoras recentemente e isso estava em exibição neste último evento em que a maioria das atletas havia feito menos de três lutas em suas carreiras. Mas apesar disso, estas competidoras estão criando ‘fanbases’, conseguindo patrocínios e estão cada vez melhores.
A programação também apresentou atletas experientes no esporte.

No ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) do ‘card’ vimos uma luta na categoria peso átomo entre Mizuki Oshiro e Mizuki Furuse. E embora as duas tenham o mesmo nome vivenciam momentos distintos em suas carreiras.
Oshiro veio para esta competição depois de perder três vezes no ano passado enquanto Furuse, por sua vez, havia ganho um contrato com o Rizin FF, também no ano passado, depois de quatro vitórias consecutivas.

Mas foi Oshiro, a lutadora mais velha ( 25 anos ), que prevaleceu sobre Furuse ( 20 anos ). Esta última parecia ansiosa para acabar com a luta desde o início, mas Oshiro parecia estar em sua zona de conforto. Ela chegou perto de vencer com duas tentativas de ‘armlock’ depois de ser jogada no chão e trabalhou no ‘ground and pound’ ainda no primeiro round.

A vitória da lutadora de Okinawa viria no segundo round, após conquistar a montada e castigar a sua adversária com socos da posição superior, o que forçou o “corner” de Furuse à jogar a toalha. Oshiro venceu por “TKO” aos 4 minutos e 13 segundos do segundo período e melhorou para 3-4, enquanto sua oponente caiu para 7-8.

Já o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) marcou a recuperação de Mikiko Shimizu ( 3-1 ) após a primeira derrota sofrida em sua carreira. Desta feita, ela venceu Kate Oyama ( 1-2 ), por decisão unânime, após dois rounds da luta na categoria de peso mosca.

Em outro destaque da programação vimos Aya Murakami ( 2-0 ) finalizar Kyoka Chibisai ( 0-2 ) com um ‘armlock’ aos 4 minutos e 16 segundos do primeiro round.

Confira os resultados do “Deep Jewels 34” que incluem :

Deep Jewels 34
04 de Setembro de 2021
Shinjuku FACE (新宿 FACE)
Shinjuku, Tóquio, Japão

MMA : Mizuki Oshiro venceu Mizuki Furuse por “TKO” ( “corner” jogou a toalha ) aos 4:13 do segundo round
MMA : Mikiko Shimizu venceu Kate Oyama por decisão unânime após dois rounds
MMA : Eru Takebayashi venceu Tomoko Inoue por decisão unânime após dois rounds
MMA : Aya Murakami venceu Kyoka Chibisai por finalização ( chave-de-braço ) aos 4:16 do primeiro round
MMA : Tae Murayama venceu PochanZ por decisão unânime após dois rounds
Kickboxing: Saki Nakamura venceu Miyu Yamamoto por decisão unânime

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 14/09/2021
_
Legenda : Mizuki Oshiro venceu Mizuki Furuse.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Deep Jewels | ( C ) Deep Impact | ( C ) Gong Martial Arts | ( C )ゴング格闘技 | Divulgação ).

Legenda : Mizuki Oshiro socando Mizuki Furuse da montada.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Deep Jewels | ( C ) Deep Impact | ( C ) Gong Martial Arts | ( C )ゴング格闘技 | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

eye catch 1630754381 fea44

 

Confira os resultados do “Grachan 49” realizado sábado no Japão

 

O “Grachan 49” foi realizado no sábado, ( 07 de agosto de 2021 ). O ‘cage’ foi montado no 176box, em Osaka, no Japão. O “Grachan” é a única organização profissional de artes marciais mistas “nascida nas ruas” e ganhou credibilidade social na ‘terra do Sol Nascente’ desde o seu evento inaugural, em agosto de 2015. A franquia também já promoveu alguns dos seus ‘cards’ em conjunto com uma base militar dos EUA no Japão. Como de costume, o Sr. Hiroyuki Iwasaki, ( CEO da G. Global Co., Ltd. ), nos proporcionou um ‘card’ composto por excelentes lutas de MMA.

No ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) da ‘programação’ vivenciamos um ‘drama’ quando Takahiro Kawanaka impôs um “TKO” sobre Gota Yamashita passados apenas 50 segundos do primeiro ‘round’. O som “farfalhante” do ‘direto de esquerda’ ecoou no corredor do 176box. Com a vitória, Kawanaka obteve o direito de desafiar o grande campeão dos meio-médios Hiroki Nagaoka.

Já no ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) vimos uma emocionante batalha na categoria peso galo entre Motonobu Tezuka e Takeya Takemoto. Tezuka acabou vencendo por decisão unânime após os três ‘rounds’ de uma luta em que os lutadores desenvolveram bastante o jogo de solo. Com a vitória, o atleta da equipe ‘Cobra Kai MMA Dojo’ desafiou Soraya Ito, campeão da categoria peso galo do “Grachan” e também ‘apelou’ para lutar no “RIZIN”.

Outro lutador que venceu por decisão unânime ( 3 a 0 ) foi Yutaka Ueda. O veterano do ‘DEEP Impact’, ‘Wardog Cage Fight’ e do próprio “Grachan” gastou os dois ‘rounds’ pré-estabelecidos para passar por Yota Hayashi, que até então lutava pela promoção “Shooto”.

Entre os pesos pesados, Hidetaka Arato venceu Takahiro Tababa por ‘TKO’ aos 1:08 do ‘round’ inicial. Após a luta, já com um microfone em mãos, Hidetaka prometeu “dominar a divisão de pesos pesados do ‘Grachan’ até conquistar o título da categoria”.

Confira os resultados do “Grachan 49” que incluem :

Grachan 49
07 de Agosto de 2021
176box
Toyonaka, Osaka, Japão

Takahiro Kawanaka venceu Gota Yamashita por “KO / TKO” aos 0:50 do primeiro round
Motonobu Tezuka venceu Takeya Takemoto por decisão unânime aos 5:00 do terceiro round
Yutaka Ueda venceu Yota Hayashi por decisão unânime aos 5:00 do segundo round
Hidetaka Arato venceu Takahiro Tababa por “KO / TKO” aos 1:08 do primeiro round
Yutaka Imamura vs. Takakazu Ikeda ( resultado não fornecido pela organização )
Takumi Nakayama e Hatsu Hioki empataram após o término do tempo estipulado
Kento Takahashi vs. Yuki Ueda ( resultado não fornecido pela organização )
Takumi Nakayama vs. Yasuaki Kishimoto ( luta cancelada )

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 09/08/2021
_
Legenda : O ‘pôster’ de divulgação do “Grachan 49” realizado no 176box, em Osaka, no Japão.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) 格闘技 | ( C ) Grachan MMA | (C) G. Global Co., Ltd. | Divulgação ).

Legenda : Takahiro Kawanaka venceu Gota Yamashita por “TKO” em apenas 50 segundos do primeiro ‘round’.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) 格闘技 | ( C ) Grachan MMA | (C) G. Global Co., Ltd. | Divulgação ).

Kawanaka vs Lets01 04650

 

Confira os resultados do “TFC Dream 7” realizado sábado na Coréia do Sul

Sem promover um único show desde 19 de maio de 2019, finalmente o ‘Top Fighting Championship’ ( ou ‘Top FC’ ) voltou à ação.
A promoção coreana tornou-se conhecida dos aficionados pelo MMA asiático ao projetar nomes como os da chinesa Weili Zhang, que se tornou a primeira campeã do peso palha feminino da organização.
Originária do Kung Fu, Zhang ainda conquistaria o cinturão da categoria ( 52 kg ) também no UFC.
Depois de quase 22 meses e vários cancelamentos devido à pandemia, a companhia retomou as suas atividades na noite do sábado ( 17 de julho de 2021 ), quando promoveu o “TFC Dream 7” em Uljin, Coreia do Sul.
A programação esteve repleta de lutas violentas e interrupções, com apenas um confronto chegando ao final do tempo regulamentar. Foram realizadas 13 lutas no total.

No ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) do ‘card’ vimos o especialista em Kickboxing Sung Hyuk Choi mostrar as suas habilidades também na luta de solo ao finalizar Byung Seok Kim em um confronto da categoria peso leve.
Choi, de 26 anos, desferiu quatro chutes na parte interna da coxa de Kim, que não respondeu, por preferir trabalhar com as suas mãos. Choi “mordeu a isca” e foi derrubado por Kim com relativa facilidade durante uma combinação de socos.

Ambos lutaram por um domínio das posições no chão, com poucos danos sendo causados. A luta foi definida quando Choi encaixou um estrangulamento já nas costas do seu adversário. Com o resultado, Choi elevou o seu ‘recorde’ no MMA para 4-1, enquanto Kim, que foi finalizado pela terceira vez consecutiva, caiu para 2-3.

Já o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) foi uma batalha entre dois lutadores estreantes na categoria peso galo, com Seo Ho Cho impondo o seu domínio na ‘trocação’ desde o início do primeiro ‘round’. Ele “conectou” uma joelhada e um ‘gancho’ de esquerda em Dong Hoon Choi, que respondeu com uma bela combinação de ‘ganchos’ de direita e esquerda no rosto. Com o decorrer do ‘round’, ambos os atletas continuaram investindo na ‘troca’ de golpes, mas à partir daí, foi Choi quem colocou mais “pressão” e Cho não teve respostas para a velocidade e mudança de postura de seu adversário. Ele só foi capaz de chutar a perna do seu oponente com moderação.

A situação só mudaria quando Cho derrubou e desferiu alguns socos no atleta da ‘Equipe Pohang MAD’. Contudo, já no segundo ‘round’, Choi investiu com um ‘gancho’ de esquerda e complementou com uma “miríade” de golpes em seu adversário caído, forçando o árbitro à interromper a luta. Choi ( 1-0 ) conseguiu emplacar uma enfática vitória por paralisação em sua estreia profissional, enquanto Cho ( 0-1 ) perdeu em sua primeira luta de MMA.

Já entre as mulheres gostaríamos de destacar a luta de Soo Yeon Kim ( 1-0 ) e Bo Ram Han ( 0-2 ). Soo Yeon Kim é uma “Kickboxer” que se tornou personalidade do YouTube. Ela fez uso do seu histórico em competições como ‘Rise’ e ‘DEEP Kick’ para acertar os golpes mais eficientes e chegar à vitória por decisão unânime na sua estreia em competições de artes marciais mistas.

Confira os resultados do “TFC Dream 7” que incluem :

TFC Dream 7
17 de Julho de 2021
Uljin Expo Park
Uljin, Coreia do Sul

Sung Hyuk Choi venceu Byung Seok Kim por finalização ( mata-leão ) aos 2:40 do primeiro round
Dong Hoon Choi venceu Seo Ho Cho por “TKO” ( golpes ) aos 3:19 do segundo round
Chan Soo Lee venceu Kyung Min Cho por “TKO” ( socos ) aos 3:16 do primeiro round
Chang Bin Park venceu Kujanson por “TKO” ( socos ) aos 3:52 do terceiro round
Soo Yeon Kim venceu Bo Ram Han por decisão unânime aos 5:00 do terceiro round
Jun Hyun Park venceu Ji Won Park por “TKO” ( socos ) aos 1:30 do primeiro round
Yi Sak Lee venceu Hyo Sung Eun por “TKO” ( socos ) aos 1:40 do primeiro round
Geun Hee Kim venceu Jung Kyun Kim por “TKO” ( socos ) aos 2:48 do terceiro round
Jun Ho Shin venceu Young Uk Woo por “TKO” ( golpes ) aos 4:50 do primeiro round
Eo Jin Park venceu Gi Seung Ham por finalização ( estrangulamento ) aos 0:48 do segundo round
Sang Min Park venceu Hyung Joo Seo por “TKO” ( golpes ) aos 1:10 do segundo round
Seon Kyu Jung venceu Guk Hee Lee por “TKO” ( golpes ) aos 3:14 do primeiro round
Luta especial sem kimono: Hyun Soo Lee x Seon Ho Hong terminou em empate

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 07/08/2021
_
Legenda : Mais uma vez o destaque ficou para as ‘Round Girls’, responsáveis por “enfeitar” os intervalos entre as lutas.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) 김세라 | ( C ) KoreanTopFC | Divulgação ).

Legenda : O Top FC projetou nomes como os de Weili Zhang, campeã do peso palha feminino da organização.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Acervo Pessoal Weili Zhang | ( C ) KoreanTopFC | Divulgação ).

53034435 1625464960930928 120030480358703104 n 59c2d

 

Confira as curiosidades e o calendário de competições dos 32º Jogos Olímpicos

Foi realizada nesta 6ª feira ( 23.jul.2021 ) a ‘cerimônia de abertura’ dos 32º Jogos Olímpicos da Era Moderna. A Tóquio 2020 conta com a participação de 203 países ao todo. A Coreia do Norte não será representada nesta edição. O Brasil é representado por 302 atletas. Os EUA lideram, com 613 participantes, seguido do país-sede, com 591, e Austrália, que leva 471 atletas.

Contando com 5 novas modalidades e o total de mais de 11.300 atletas disputando os 339 eventos programados, as competições dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 foram adiadas por um ano por conta da pandemia da Covid-19.

Curiosamente, ‘Akira’ - um ‘mangá’ publicado pela primeira vez em 1982 - “previu” que as Olimpíadas de Tóquio seriam adiadas. Entre os “erros” do autor Katsuhiro Otomo estão os seus cálculos, uma vez que a Olimpíada de “Neo-Tóquio 2020” em ‘Akira’ é referenciada como a trigésima edição dos jogos, sendo que, na verdade, o Japão vai sediar a trigésima segunda, como citado anteriormente.
Porém, o que realmente importa é que uma obra escrita há três décadas conseguiu acertar que a capital japonesa iria ser a sede da próxima Olimpíada.

Enquanto isso, nas redes sociais os “internautas” dizem sentir falta de Pikachu, que já foi nomeado como embaixador da cidade de Osaka pelo Ministro de relações internacionais Tarō Kōno.

Também não custa lembrar que passado apenas um mês do término da Olimpíada Rio 2016, o Japão já havia anunciado Goku ( Dragon Ball ), Naruto Uzumaki ( Naruto ), Astro Boy ( personagem criado pelo famoso Ozuma Tetsuka ), Sailor Moon ( personagem do estúdio CLAMP ), Shin Chan ( humorístico personagem ) Luffy ( One Piece ), entre outros diversos personagens de ‘animes’ e ‘mangás’ como embaixadores culturais das olimpíadas em Tóquio.
Mais do que isso, os ‘animes’ e ‘mangás’ já são embaixadores da cultura “pop” no Japão. Daí a sua sentida ausência.

Por outro lado, é até compreensível porque estes e outros personagens, entre impressos e animações, tenham ficado de fora dos 32º Jogos Olímpicos.

As quatro horas da cerimônia de abertura da Tóquio 2020 aconteceu sem o tradicional público do estádio e não haverá espectadores presenciais em nenhum dos eventos esportivos, uma vez que a capital do Japão está em estado de emergência até 22 de agosto, devido ao aumento nas contaminações pelo coronavírus.
A decisão foi tomada em 8 de julho e anunciada pela ministra das Olimpíadas, Tamayo Marukawa, após discussões com autoridades e organizadores.

Calendário
Confira a seguir, o calendário geral das disputas olímpicas. Os eventos estão sujeitos a alterações.

Cerimônia de Abertura: 23 de julho
Atletismo: 30 de julho a 8 de agosto
Badminton: 24 de julho a 2 de agosto
Basquete: 25 de julho a 8 de agosto
Basebol/softbol: 21 de julho a 7 de agosto
Boxe: 24 de julho a 8 de agosto
Canoagem slalom: 25-30 de julho
Canoagem sprint: 2-7 de agosto
Ciclismo BMX: 29 de julho a 1 de agosto
Ciclismo de estrada: 24, 25 e 28 de julho
Ciclismo de pista: 2-8 de agosto
Escalada: 3-6 de agosto
Esgrima: 24 de julho a 1 de agosto
Futebol: 21 de julho a 7 de agosto
Ginástica artística: 24 de julho a 3 de agosto
Ginástica rítmica: 6-8 de agosto
Golfe: masculino: 29 de julho a 1 de agosto; feminino: 4-7 de agosto
Halterofilismo: 24 de julho a 4 de agosto
Handebol: 24 de julho a 8 de agosto
Hipismo: 24 de julho a 7 de agosto
Hóquei: 24 de julho a 6 de agosto
Judô: 24-31 de julho
Karatê: 5-7 de agosto
Luta greco-romano: 1-7 de agosto
Maratona aquática: 4-5 de agosto
Mergulho: 25 de julho a 7 de agosto
Natação: 24 de julho a 1 de agosto
Nado sincronizado: 2-7 de agosto
Pentatlo moderno: 5-7 de agosto
Polo aquático: 24 de julho a 8 de agosto
Remo: 23-30 de julho
Rugby: 26-31 de julho
Skate: street: 24-25 de julho; park: 4-5 de agosto
Surfe: 25 de julho a 1 de agosto
Taekwondo: 24-27 de julho
Tênis: 24 de julho a 1 de agosto
Tênis de mesa: 24 de julho a 6 de agosto
Tiro com arco: 23-31 de julho
Tiro esportivo: 24 de julho a 2 de agosto
Trampolim acrobático: 30-31 de julho
Triatlo: individual: 26-27; equipes: 31 de julho
Vela: 25 de julho a 4 de agosto
Vôlei: 24 de julho a 8 de agosto
Vôlei de praia: 24 de julho a 7 de agosto
Cerimônia de Encerramento: 8 de agosto

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 23/07/2021
_
Legenda : Sentida a ausência de Pikachu, já nomeado embaixador da cidade de Osaka pelo Ministro Tarō Kōno.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) AP Tarō Kōno | ( C ) Nintendo | ( C ) COI | Divulgação ).

Legenda : Placa faz contagem regressiva para o início dos jogos da “Neo-Tóquio 2020” em ‘Akira’.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Kotaku | ( C ) COI | Divulgação ).

abf9c6f59b8819e8d1ae8bce4539a34b fcd91

Confira os resultados do “Road FC 058” realizado sábado na Coréia do Sul

O evento sul-coreano, ‘Road FC’, retornou após 18 meses na noite do último sábado, 03 de julho de 2021, no Changwon Gymnasium, em Changwon, a nona cidade mais populosa da Coréia do Sul.

Como anunciamos anteriormente, o destaque da programação foi mesmo o ‘co-main event’ ( e portanto, “evento co-principal” ) do ‘card’, em que Kim Jae-Hoon, de 31 anos, encarou Geum Gwang-San, em uma luta no melhor estilo ‘Freak Show’.

Uma curiosidade acerca desse ‘bizarro’ confronto é que Kim Jae-Hoon foi classificado como um “ex-membro” da Yakuza ( máfia japonesa ) pela mídia especializada internacional, enquanto seu adversário, Geum Gwang-San, é um ator que resolveu virar lutador e fazer a sua estréia no MMA aos 45 anos de idade.

O primeiro entrou na luta com uma vantagem de peso de 45 kg, tendo utilizado cada grama para conquistar a vitória e enquanto “ex-mafioso” foi forçado à usar um ‘rash guard’ para cobrir suas tatuagens da Yakuza. Não custa lembrar que em alguns países da Ásia é proibido usar tatuagens e o evento foi transmitido também para esses lugares.

Na luta propriamente dita, ambos os lutadores atacaram as pernas desde o seu início. Uma vez que esse processo terminou, foi Kim quem empurrou para frente e acertou alguns socos. Após uma batalha no “clinch”, Geum foi jogado ao longo da grade ( do ‘cage’ ) e, já no chão, foi atingido por uma miríade de socos do ‘ground and pound’. Como Geum não esboçava nenhuma reação, o árbitro interrompeu a luta para preservar a integridade física do atleta. O “ex-membro” da Yakuza foi declarado vencedor após nocautear seu adversário aos 2 minutos e 06 segundos do primeiro round.

Kim ( 1-4 ) caiu no chão em lágrimas ao obter sua primeira vitória profissional em sua quinta tentativa, enquanto Geum ( 0-1 ) perde em sua estreia no MMA.

Já no ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) deste “Road FC 058” vimos In Su Hwang se tornar o novo campeão dos médios após nocautear Il Hak Oh aos 34 segundos do segundo round. Com o cinturão de campeão Hwang ( 6-1 ) conseguiu o sexto nocaute de sua carreira em sua cidade natal. Oh ( 4-1 ), por outro lado, perdeu pela primeira vez.

Outra luta do ‘card’ que merece destaque foi a que marcou o retorno de Hae Jin Park, eliminado há quase dois anos no “Road FC 055” enquanto lutava pelo título dos penas. Desta feita, o especialista em Jiu-Jítsu levou o seu adversário, Doo Seok Oh, para o solo e o finalizou com uma “leglock” com apenas 59 segundos de luta. Park voltou às vitórias e subiu para 8-1, enquanto seu oponente caiu para 3-6.

Em luta de abertura do evento principal, o altamente elogiado prospecto do peso leve Si Won Park ( 6-0 ) derrotou Tae Sung Kim ( 4-1 ) por nocaute com apenas 1 minuto e 16 segundos do primeiro round.

Confira os resultados do “Road FC 058” que incluem :

Road FC 058
03 de Julho de 2021
Changwon Gymnasiun
Changwon, Coreia do Sul

Em Su Hwang venceu Il Hak Oh por “TKO” ( socos ) aos 0:34 do segundo round
Kim Jae-Hoon venceu Geum Gwang-San por “TKO” ( socos ) aos 2:06 do primeiro round
Won Jun Choi venceu Dong Hwan Lim por finalização ( estrangulamento ) aos 3:01 do primeiro round
Hae Jin Park venceu Doo Seok Oh por finalização ( “leglock” ) aos 0:59 do primeiro round
Si Won Park venceu Tae Sung Kim por nocaute ( soco ) aos 1:16 do primeiro round
Ji Yong Yang venceu Jung Hyun Lee por decisão unânime após dois rounds
Jin Park venceu Sung Soo Lee por decisão unânime após dois rounds
Sergei Choi venceu Jovem Han Kim por decisão unânime após dois rounds
Woo Jae Kim venceu Dong Soo Seo por “TKO” ( socos ) aos 1:45 do segundo round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 07/07/2021
_
Legenda : O “ex-mafioso” Kim Jae-Hoon finalmente venceu no MMA profissional.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Road FC | Divulgação ).

Legenda : Kim Jae-Hoon usou sua vantagem de peso para nocautear Geum Gwang-San.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Road FC | Divulgação ).

202217211 4327081490683657 1079959281141767232 n 274c9

Confira os resultados do Deep Jewels 33 realizado domingo no Japão

Na tarde de domingo, 20 de junho de 2021, o Deep Jewels 33 teve lugar no New Pier Hall, em Minato, Tóquio, capital do Japão. O evento foi ao ar ‘ao vivo’ às 23h, no horário do leste ( EUA ), via “Pay-Per-View”. Nobuyuki Sakakibara, o CEO do Rizin FF, estava presente, prestigiando as lutas.

O Deep Jewels é o maior show de MMA feminino do continente asiático na atualidade e o seu 33º evento foi marcado pela disputa do Grand Prix da categoria peso átomo, brilhantemente vencido por Saori Oshima - uma jovem atleta de 26 anos - que passou pela sul-coreana Si Woo Park e pela japonesa Hikaru Aono no mesmo ‘card’, se tornando assim, a nova campeã até 47,6kg da promoção, além de faturar o prêmio de 1 milhão de ienes.

No round inicial da última luta do ‘card’, Oshima acertou na esquerda e na direita, e tentou derrubar Hikaru Aono, que também procurou levar a luta para o chão continuamente. Mas esta se viu forçada à defender-se de várias tentativas de finalização durante o processo. Oshima ainda conseguiu “raspar” e tentou usar a guilhotina para estrangular a sua adversária.

Já no início do segundo período da luta de dois rounds, Aono conseguiu consolidar uma queda, mas Oshima parecia mais ‘escorregadia’ no chão, sendo capaz de “raspar” e tentar usar uma Kimura para finalizar. Ela manteve a primeira posição até o gongo sinalizar o término deste segundo round e deixando uma decisão fácil para os juízes.

A decisão foi 5-0 ( 20-17 × 2, 20-18 × 3 ), e Oshima - que conquistou o seu segundo título no Deep Jewels - melhorou para 6-2 enquanto Aono caiu para 8-5.
Na coletiva de imprensa após a luta, a nova campeã prometeu voltar ao ‘cage’ e fazer o seu melhor para manter os seus títulos. Ela também disse que aceitaria um convite do Rizin FF para lutar.

No início da programação do Deep Jewels 33, vimos as semifinalistas que foram derrotadas neste Grand Prix. Park ( 5-3 ) foi finalizada por Oshima, enquanto Mizuki Oshiro ( 2-4 ) foi finalizada por Aono.

Já Seika Izawa ( 3-0 ) finalizou Miki Motono ( 5-3 ) no primeiro round para se tornar a nova campeã da categoria peso palha do Deep Jewels.

Confira os resultados do “Deep Jewels 33” que incluem :

Deep Jewels 33
20 de Junho de 2021
New Pier Hall
Minato, Tóquio, Japão

Saori Oshima venceu Hikaru Aono por decisão unânime ( venceu o Grand Prix peso átomo )
Seika Izawa venceu Miki Motono por finalização ( “arm-bar” ) aos 3:32 do primeiro round ( conquistou o título da categoria peso palha )
Yukari Nabe venceu Mika Arai por decisão unânime
Namiko Kawabata venceu Shoko Fujita por decisão unânime
Eru Takebayashi venceu Otoha Nagao por decisão unânime
Yuko venceu Sayaka Hishinuma por “TKO” ( socos ) aos 1:31 do segundo round
Hikaru Aono venceu Mizuki Oshiro por finalização ( “arm-bar” ) aos 1:39 do primeiro round
Saori Oshima venceu Si Woo Park por finalização ( “arm-bar” ) aos 2:28 do primeiro round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 21/06/2021
_
Legenda : Saori Oshima venceu o “Grand Prix peso átomo” do Deep Jewels.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Deep Jewels | ( C ) Deep Impact | (C) Gong Martial Arts | Divulgação ).

Legenda : A nova campeã, Saori Oshima, com o seu marido, Yuma Oshima, e suas filhas gêmeas.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Deep Jewels | ( C ) Deep Impact | (C) Gong Martial Arts | Divulgação ).

eye catch 1624170589 dce9a

 

Confira os resultados do “Krush-EX 2021 Vol.3” realizado Sábado no Japão

 No sábado, 5 de junho de 2021, o K-1 Japan Group realizou o “Krush-EX 2021 Vol.3” no GEN Sports Palace, em Shinjuku, Tóquio, capital do Japão. O intuito dos organizadores é realizar competições para manter os jovens prospectos da promoção em constante atividade até que estes se credenciem para os torneios de primeira linha do K-1. Mas o “tablado” do “Krush-EX” também apresenta confrontos de alguns lutadores profissionais da franquia.

O evento que foi ao ar ‘ao vivo’ pela “Line Live” às 4h ( horário local ) foi marcado por uma disputa na categoria de 63 Kgs entre Rioya Nasu e Jin Hatori.

Rioya, de 21 anos, tem um ‘recorde’ de 5 vitórias ( 1 nocaute ) e 3 derrotas e, embora tenha conquistado 2 vitórias consecutivas no K-1 JAPAN GROUP, perdeu para Takumi Nagai por nocaute em setembro de 2020 e também sofreu outro nocaute diante de Mitsuo Hebei em fevereiro deste ano. Hatori, por sua vez, já havia sido derrotado por Rioya na final do ‘K-1 College 2019’, quando ambos ainda eram amadores. Ele teria agora a sua revanche no profissional.

O primeiro round teve início com Rioya chutando e conectando ‘ganchos’ de esquerda e direita em Hatori, que é atingido repetidamente. Mas Hatori consegue se encontrar no meio do “palco”, usando muito a sua direita, enquanto Rioya chuta os seus joelhos para, em seguida, acertá-lo com socos.

Já no segundo período da luta, Hatori golpeia repetidamente o rosto e o corpo de Rioya, que rebate com um ‘gancho’ de esquerda. Neste round, os dois homens levaram a luta várias vezes para o canto do ringue e, além disso, usaram os joelhos contra o corpo.

A definição da luta, aliás, viria com uma joelhada de direita desferida por Hatori no corpo de Rioya, quando este estava perto das cordas, desmaiando de agonia, aos 2min. e 21seg. do segundo round.

Hatori superou assim as dificuldades dos minutos iniciais do confronto e com esta vitória por “KO” se vingou da derrota sofrida durante a final da faculdade.

-“Tive muitas lesões no ano passado e fiquei desapontado por ter tido um desempenho lamentável da última vez. Mas várias pessoas me apoiaram e eu pude mostrar o meu potencial hoje. Farei o meu melhor para atingir níveis ainda mais altos”.-disse Hatori ao microfone, após a sua vitória.

Em outra luta de destaque do ‘card’, desta vez entre as mulheres, Chan Lee venceu Raika Nagasaki por decisão dividida ( 2-1 ), após três rounds.

Confira os resultados do “Krush-EX 2021 Vol.3” que incluem :

Krush-EX 2021 Vol.3
05 de junho de 2021
GEN Sports Palace
Shinjuku, Tóquio, Japão

Jin Hatori venceu Rioya Nasu por nocaute aos 2:21 do segundo round
Chan Lee venceu Raika Nagasaki por decisão dividida ( 29-30, 30-28, 30-29 )
Kosuke Kawashima venceu Akihiko Kawagoe por decisão unânime ( 30-28, 29-28, 29-28 )
Riko Kato venceu Kiho por decisão unânime ( 29-28 x3 )
Sakiya Inoue venceu Masaki Yagi por decisão majoritária ( 30-29, 29-28, 29-29 )
Taiyo Miyakawa venceu Kenshiro Koguchi por decisão unânime ( 30-27, 30-27, 30-29 )
Masashige Umeda venceu Masato Ochiai por decisão majoritária ( 28-27, 28-27, 28-28 )
Miho Yata venceu Aiko por decisão unânime ( 29-28, 29-28, 29-27 )
Ryota Irie venceu Ren Yamanishi por nocaute aos 2:54 do primeiro round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 07/06/2021
_
Legenda : Jin Hatori obteve a sua revanche da derrota sofrida no ‘K-1 College 2019’.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) Krush | Divulgação ).

Legenda : Jin Hatori comemora a sua vitória ladeado pelas belas “K-1 girls”.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) K-1 Japan Group | ( C ) Krush | Divulgação ).

image 1622893635 7b652

Confira os resultados do Double G FC 7 realizado Sábado na Coréia do Sul

 O show de MMA Double G FC 7 aconteceu na noite de sábado, ( 05 junho de 2021 ), na KBS Arena, em Seul, capital da Coréia do Sul. O público prestigiou o evento ‘ao vivo’ no ginásio, embora em número limitado.

A “atração principal” e portanto ‘main event’ do ‘card’ foi uma disputa em que Jun Young Hong derrotou Gi Bum Moon para acrescentar outro cinturão à sua coleção de títulos, no caso, o de campeão do peso pena, que estava vago.

Hong, de 32 anos, - e um protegido do “Zombie” coreano - pressionou desde o início tentando prender Moon na grade do ‘cage’. Houve muita movimentação e “trocação” em pé e, apesar do representante do Zombie MMA ter acertado chutes com mais frequência, o round inicial terminou com os dois homens lutando no “clinch”.

Já no segundo período da luta, Moon mostrou-se muito mais agressivo e conectou golpes de boxe que foram bastante eficazes. Ele também mostrou eficiência nos socos de direita ou esquerda combinados com chutes. Foi quando Hong desferiu um curto ‘gancho’ de esquerda que deixou o seu adversário com as “pernas bambas”.
Mas após o seu oponente utilizar uma joelhada, Moon segurou-o ao longo da ‘gaiola’ e manteve a posição, buscando uma recuperação.

No expediente final, os lutadores voltaram para o centro do ‘cage’, onde Hong fez uso do bom e velho estilo do ‘Zumbi Coreano’, retomando o seu domínio, contra-atacando e defendendo-se, quando preciso. Até porque, Moon também atacou ferozmente, sem economizar a “gasolina do tanque”, durante estes cinco minutos finais.

Mas faltando apenas 90 segundos para o término do terceiro round, Hong conseguiu uma queda e passou para as costas de Moon, tentando garantir a vitória por decisão. Esta realmente veio por decisão unânime dos jurados e Hong subiu para 11-6-1, enquanto seu oponente caiu para 10-5.

Já no ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) vimos uma luta sem brilho pela disputa do título provisório do peso meio médio, em que Yong Joo Lim passou a maior parte de cada round evitando o confronto franco com o seu oponente e sofrendo várias penalidades. Como resultado, Han Seul Kim conquistou facilmente a vitória, apesar desta só ter vindo após os três rounds estipulados para a disputa.

Os dois atletas são conhecidos por lutar no contra-ataque e hesitaram em tomar a iniciativa. Assim sendo, houve muito pouca ação. Mas mesmo assim, Kim conseguiu a sua redenção, ( após sofrer derrota no Double G FC 5 ), enquanto Lim, por outro lado, caiu para 1-4 como profissional de MMA.

Em outra luta da programação, Won Bin Ki e Sung Kwon Kim se enfrentaram pelo cinturão de campeão dos leves, com o primeiro nocauteando o segundo aos 57 segundos do terceiro round.
Ki ( 14-7 ) finalmente arrematou o cinturão de leves após perder na tentativa anterior durante Double G FC 5, enquanto Kim ( 5-7 ) já perdeu quatro das suas últimas cinco lutas.

Entre as mulheres, Bo Hyun Park venceu Yerin Hong na disputa do título de campeã inaugural do peso átomo feminino. A vitória veio por finalização com um estrangulamento passados 4 minutos e 47 do primeiro round. Park ( 4-1 ) obteve assim a sua segunda vitória consecutiva por finalização, enquanto Hong caiu para 3-2 com essa derrota, quando vinha de uma seqüência de três vitórias consecutivas.

Confira os resultados do “Double G FC 7” que incluem :

Double G FC 7
05 de Junho de 2021
KBS Arena
Seul, Coréia do Sul

Jun Young Hong venceu Gi Bum Moon por decisão unânime após três rounds
Han Seul Kim venceu Yong Joo Lim por decisão unânime após três rounds
Won Bin Ki venceu Sung Kwon Kim por “TKO” ( golpes ) aos 57 segundos do terceiro round
Bo Hyun Park venceu Yerin Hong por finalização ( estrangulamento ) aos 4 minutos e 47 do primeiro round
Sang Won Kim venceu Jae Hyun So por “TKO” ( golpes ) aos 3min e 45seg do primeiro round
Jae Hyuk Bang venceu Da Won Yoon por decisão unânime após três rounds
Je Il Jung vs Young Hoon Lee terminou em empate após três rounds
Muhammad Sufi venceu Jae Hyun Choi por “TKO” ( interrupção do médico ) no segundo round
Hyun Ji Jang venceu Chae Hyun Kim por “TKO” ( lesão no joelho ) após dois rounds
Seung Jun Lee venceu Tserendash Azjargal por decisão unânime após três rounds

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 06/06/2021
_
Legenda : Jun Young Hong venceu Gi Bum Moon para conquistar o título do peso pena no Double G FC 7.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Double G FC | Divulgação ).

Legenda : Bo Hyun Park se tornou a primeira campeã do peso átomo feminino no Double G FC 7.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Double G FC | Divulgação ).

Bo Hyun Park punches Ye Rin Hong 300x200 a94d5

 

Confira os resultados do ONE: “Full Blast” realizado hoje em Singapura

 

Nesta sexta-feira, 28 de maio de 2021, o ONE Championship, maior organização de artes marciais do mundo, promoveu o ONE Championship: “Full Blast”, sediado no Singapore Indoor Stadium, em Singapura.
 
O ‘card’ de cinco lutas contou com três lutas de MMA. Destaque para o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) entre o indiano Kantharaj Agasa e o principal peso mosca da China, Xie Wei. 
 
O indiano entrou na competição com um histórico mais impressionante do que seu oponente chinês e os dois homens alternaram bons momentos nos dois rounds iniciais, que contaram com muita ‘trocação’ e algumas tentativas de quedas.
 
Porém, Agasa, já com sangue escorrendo de um ferimento, optou por não voltar para o terceiro e último round.
 
Com a vitória, Wei melhorou o seu “recorde” para 7-3 e suas lutas pelo ONE Championship tem sido extremamente impressionantes até agora, com duas vitórias por paralisação médica e uma derrota ( por decisão ) discutível para o peso mosca Danny Kingad. O mesmo não pode ser dito de Agasa, citado no ‘site’ da franquia como “o melhor lutador de MMA da Índia”, que caiu para 11-3, depois de uma estreia nada impressionante.
 
Já o ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação nos trouxe uma batalha há muito esperada entre dois dos principais competidores de Muay Thai na categoria peso galo. Saemapetch Fairtex, simplesmente o 1º colocado no ranking da divisão, acabou parando o lutador que ocupava o 3º lugar, Kulabdam Sor. Jor. Piek Uthai, com um golpe de mão esquerda no corpo do “Meteorito Esquerdo”, ainda no round inicial.
 
Anteriormente, tivemos mais uma luta de MMA, em que o peso pena Edward Kelly ( 13-8 ) conquistou uma vitória por decisão dividida sobre Ahmed Faress ( 16-4 ). O egípcio chegou perto de concretizar uma tentativa de finalização com um triângulo já no segundo round, mas perdeu força no período final e viu a interrupção da sua seqüência de vitórias, após a leitura das papeletas dos juízes.
 
No início da noite, Anthony Do ( 8-4 ) finalizou Liang Hui ( 5-7-1 ) com um triângulo em um concurso de peso-chave.
 
Confira os resultados do ONE: “Full Blast” que incluem :
 
ONE: “Full Blast”
28 de Maio de 2021
Singapore Indoor Stadium
Kaalang, Singapura
 
Muay Thai: Saemapetch Fairtex venceu Kulabdam Sor Jor Piek U-Thai por nocaute aos 2:01 do primeiro round
MMA: Xie Wei venceu Kantharaj Agasa por “TKO” ( desistência ) após dois rounds de 5:00 cada
Kickboxing: Miles Simson venceu Santino Verbeek por decisão unânime
MMA: Edward Kelly venceu Ahmed Faress por decisão dividida
MMA: Anthony Do venceu Liang Hui por finalização ( triângulo ) aos 3:55 do segundo round
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 28/05/2021
_
Legenda : Xie Wei superou Kantharaj Agasa no ONE: “Full Blast”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).
Xie Wei winner 78801
 
Legenda : Xie Wei comemorando a vitória sobre Kantharaj Agasa.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).
 

Confira os resultados do Shooto realizado Domingo no Japão

 

Apesar do prolongamento do estado de emergência na capital do Japão, o Shooto produziu um show com a presença de público que pode prestigiar o evento ‘ao vivo’ no ginásio naquele domingo, ( 16 de maio de 2021 ). A edição que teve lugar no Korakuen Hall, em Tóquio, reuniu a velha e a nova geração do MMA que convergiram no ‘card’ deste Shooto 2021 Volume 3.
 
O ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação foi uma luta entre o prodígio Yamato Nishikawa, de 18 anos, que finalizou Nobumitsu Osawa, ex-campeão dos meio-médios do Shooto, em um confronto de tirar o fôlego.
 
A luta teve início com Osawa acertando alguns chutes em Nishikawa. O adolescente pressionou para frente buscando acalmar a luta até que resolveu puxar para a guarda. Foi então que Osawa - também um veterano do Rizin FF - fez uso do ‘ground and pound’ enquanto seu oponente procurava finalizar com um triângulo.
 
A finalização com o famigerado golpe viria, porém, já no segundo round, quando Nishikawa - após atacar com os cotovelos - “encaixou” o triângulo e fazendo com que o oponente batesse, faltando sete segundos para o final do round.
 
A vitória foi a nona consecutiva de Nishikawa que ampliou seu ‘recorde’ para 14-3-5. Já Osawa, por sua vez, cai para 13-6.
 
Já no ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) vimos o pioneiro do MMA japonês Caol Uno ( 34-21-5 ) - que comemorava 25 anos como lutador - em um “confronto de gerações” com Taison Naito ( 11-8 ), aluno do seu ex-adversário ( e também ex-professor ) Rumina Sato. 
O veterano de 46 anos acabou sendo derrotado por nocaute com um “gancho” de direita aos 4min e 59seg do segundo round.
 
Em outro “confronto de gerações” deste ‘card’, o invicto Yuto Uda ( 5-0 ) derrotou o ex-rei do Pancrase ( peso mosca ), Kiyotaka Shimizu ( 24-15 ), por decisão unânime dos juízes após três rounds.
 
Destaque para o duelo entre Yamato Hiranuma e Daisuke Murayama, que teve um significado histórico, ao menos para os japoneses. O primeiro é discípulo de Satoru Sayama ( fundador do evento Shooto, em 1985 ) e a luta marcava o retorno de um representante do Sayama Dojo ao Korakuen Hall, local sagrado onde foi realizada a primeira competição profissional do Shooto, em 18 de maio de 1989. 
Atualmente, o evento é de propriedade de Noboru Uruta.
 
Hiranuma, que em sua ilustre carreira no Judô acumula um histórico empate com Hifumi Abe - representante japonês das Olimpíadas de Tóquio - acabou vencendo Daisuke Murayama ( Master Japan Tokyo ) por decisão unânime dos juízes após dois rounds de luta.
 
Já entre as mulheres o destaque ficou para Megumi Sugimoto ( 6-3 ) que voltou à vencer, após perder para Seika Izawa, no DEEP Jewels, ( em março deste ano ), e também para Satomi Takano, no Shooto, ainda em novembro de 2020. A sua “ressurreição” se deu diante de Mikiko Hiyama.
 
No início do primeiro round, Sugimoto bateu em sua adversária repetidamente após uma queda. A vitória veio com um “mata-leão” passados 1min e 31seg do período inicial. Hiyama ainda não conheceu a vitória no MMA. Essa foi a oitava derrota de sua carreira.
 
O ‘card’ do Shooto 2021 Volume 3 teve quatro lutas femininas e sete desafios masculinos. 
 
Confira os resultados do “Shooto 2021 Volume 3” que incluem :
 
Shooto 2021 Volume 3
16 de Maio de 2021
Korakuen Hall
Bunkyo, Tóquio, Japão
 
Yamato Nishikawa venceu Nobumitsu Osawa por finalização ( triângulo ) aos 4:53 do primeiro round
Taison Naito venceu Caol Uno por “KO” ( soco ) aos 4:59 do segundo round 
Yuto Uda venceu Kiyotaka Shimizu por decisão unânime
Kenji Kato venceu Kaito Sakamaki por “TKO” ( socos ) aos 4:43 do terceiro round 
Hayato Ishii x Yasuyuki Nojiri terminou em empate ( unânime )
Kota Onojima venceu Takahiro Ichijo por decisão unânime
Yamato Hiranuma venceu Daisuke Murayama por decisão unânime
Megumi Sugimoto derrotou Mikiko Hiyama por finalização ( “mata-leão” ) aos 1:31 do primeiro round 
Miku Nakamura venceu Kyu Kitano por “TKO”  ( paralisação ) aos 3:07 do segundo round 
Yuki Onoyuki vs. Chihiro Sawada terminou em empate ( unânime )
Norika Ryu venceu Momoka Hoshuyama “TKO”   ( socos ) aos 1:47 do segundo round 
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 17/05/2021
_
Legenda : Megumi Sugimoto voltou à vencer em um ‘card’ marcado por “confrontos de gerações”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Professional Shooto Japan | ( C ) Japan Shooto Association | ( C ) Sustain | ( C ) AbemaTV ).
 
Legenda : Megumi Sugimoto finalizando a sua adversária com um “mata-leão”.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Professional Shooto Japan | ( C ) Japan Shooto Association | ( C ) Sustain | ( C ) AbemaTV ).
image 1621158048 eb27a

Nota de esclarecimento pública

Website gratuito, não cobrança os nossos leitores ou visitantes, o único objetivo e a divulgação da informação e notícias reais, todos os créditos são de suas respectivas fontes e autores.

Em conformidade com as Leis:

Em conformidade com Artigo 46, I da Lei 9610/98 Brasil - Artigo 46, I da Lei 9610/98 e Lei nº 5.250 de 9 de fevereiro de 1967 - Lei 2083/53 | Lei nº 2.083 de 12 de novembro de 1953.

Para maiores informações e suporte jurídico consulte nosso advogado colaborador: Raphael Guilherme da Silva - OAB/SP Sob o Nº 316.914.

Caso discorde de algum artigo removeremos o mesmo de imediatamente e nós desculpamos de forma publica mediante uma retratação conforme a Lei se assim for solicitado.

Desde já muito obrigado.

Este portal de notícias e uma iniciativa de um Grupo de colaboradores voluntários sobre registro no Japão -目標新聞 (コネクション・ジャパン). - connectionjapan.com .

E é mantido pelos seus voluntários e colaboradores a fim de permitir que a colônia de Brasileiros possa ter acesso a essas informações de forma gratuita e a todos os demais visitantes que assim desejarem acessa nosso website.

Algumas observações na Lei n.º 9.610/98.

Uso de obra autoral para fins de estudo ou crítica;

Uso de obra autoral para exposição de um produto (por exemplo: uma loja de porta-retratos que expõe um porta-retrato contendo uma foto);

Uso de obra autoral para fim privado (se você compartihar com alguém, já não é mais uso privado!);

E outras previstas na Lei n.º 9.610/98.

« September 2021 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      

FreeCurrencyRates.com

Visitantes online

Advertising area




Contador de visitas

0.png3.png7.png8.png1.png3.png9.png
Hoje:4
Ontem:516
Últimos 7 dias:4
Mês:53577
Total:378139

Conectados simultaneamente

2
Online

20-09-21

Parceiros

Go to top