ptzh-CNenfritjakoruesvi

‘Breaking Down’ promete descobrir o “homem mais forte do MMA por um minuto”

 A 2ª edição do torneio de artes marciais mistas chamado “Breaking Down” está programada para o dia 26 de setembro de 2021 ( Domingo ). Todas as lutas do evento serão transmitidas ‘ao vivo’ à partir das 14h30 ( horário do Japão ) no “ABEMA PPV ONLINE LIVE”.

O intuito da promoção é descobrir o “homem mais forte por um minuto”, uma vez que cada luta de MMA do “Breaking Down” é programada para um prazo ‘ultracurto’ de 1 ‘round’ de 1 minuto ( extensão de 30 segundos, se necessário ) e um limite de tempo de luta no solo de apenas 10 segundos.

As lutas serão disputadas em um octógono de 9 metros de diâmetro, as mesmas medidas do UFC - segundo informações dos organizadores - instalado na Tri-Force Akasaka de Tóquio.

O “Breaking Down” foi lançado por Mikuru Asakura, irmão de Kai Asakura, e Teppei Hori, o dono da Tri-Force Akasaka, à qual os irmãos Asakura pertencem.

Mikuru é um ‘YouTuber’ muito popular com mais de 2,13 milhões de seguidores registrados. E enquanto este é listado pela mídia especializada japonesa como ‘conselheiro e assessor especial’ da promoção, o renomado site do Tapology também cita Mikuru Asakura como o “co-promotor” do “Breaking Down”.

Já Teppei Hori, também é um advogado representante da corporação de advogados “Martial Arts”, que tem o apelido de “advogado lutador”. Além disso, ele tem um histórico de 11 lutas como lutador profissional de artes marciais mistas no passado.

O “Breaking Down” é produzido pela Radio Book Co., Ltd., que tem uma parceria* ( * em fevereiro de 2021 ) com a ‘Scuderia Ferrari’, e é a única empresa no Japão que produz o torneio de forma abrangente.

Este ‘card’ está programado para um total de 25 lutas, 5 a mais que da última vez. Algumas lutas do troneio foram anunciadas recentemente.

Junshi Urita, que já participou do “THE OUTSIDER” e também é conhecido por sua amizade com os irmãos Asakura, deverá lutar com Marudashi Ryota em um desafio até 71kg.

Kohei Oka, um amigo de Mikuru Asakura da época do colégio e que agora é membro da equipe do “Canal Mikuru Asakura” no YouTube, decidiu participar contra o “misterioso mascarado” e também ‘YouTuber’ Toranoko, que afirma ter 20 anos de experiência em artes marciais chinesas. Essa luta será disputada na categoria de 84kg.

A nova sensação da internet, “Breakfast Milk” - que diz ser uma ‘imitação’ de Mikuru Asakura e está rapidamente ganhando popularidade no ‘TikTok’ - vai lutar com Maikon. Mas é bom lembrar que este último é praticante de boxe há 7 meses enquanto “Milk” não tem experiência em artes marciais.

Além disso, Ikona Nobutoshi e Sho Miyajima, que chamaram muita atenção devido à dissolução do “Jackpot”, um popular grupo ‘YouTuber’, em julho deste ano, deverão lutar um contra o outro. Os dois têm experiência em Kickboxing.

Para informações adicionais sobre esse ‘card’, por favor consulte o site oficial da franquia. https://breakingdown.jp/

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 16/09/2021
_
Legenda : Kohei Oka vs Toranoko.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) AbemaTV, Inc. | ( C ) BreakingDown | Divulgação ).

Legenda : Mikuru Asakura. Conselheiro especial do “Breaking Down”.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) AbemaTV, Inc. | ( C ) BreakingDown | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

d36536 22 4f15b43de64e620a1866 0 c0fe2

 

Confira os resultados do “Deep Jewels 34” realizado sábado no Japão

O evento de MMA feminino “Deep Jewels 34” foi realizado no sábado, ( 04 de setembro de 2021 ), no Shinjuku FACE, em Tóquio, no Japão. A promoção de Shigeru Saeki tem desenvolvido muitas lutadoras recentemente e isso estava em exibição neste último evento em que a maioria das atletas havia feito menos de três lutas em suas carreiras. Mas apesar disso, estas competidoras estão criando ‘fanbases’, conseguindo patrocínios e estão cada vez melhores.
A programação também apresentou atletas experientes no esporte.

No ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) do ‘card’ vimos uma luta na categoria peso átomo entre Mizuki Oshiro e Mizuki Furuse. E embora as duas tenham o mesmo nome vivenciam momentos distintos em suas carreiras.
Oshiro veio para esta competição depois de perder três vezes no ano passado enquanto Furuse, por sua vez, havia ganho um contrato com o Rizin FF, também no ano passado, depois de quatro vitórias consecutivas.

Mas foi Oshiro, a lutadora mais velha ( 25 anos ), que prevaleceu sobre Furuse ( 20 anos ). Esta última parecia ansiosa para acabar com a luta desde o início, mas Oshiro parecia estar em sua zona de conforto. Ela chegou perto de vencer com duas tentativas de ‘armlock’ depois de ser jogada no chão e trabalhou no ‘ground and pound’ ainda no primeiro round.

A vitória da lutadora de Okinawa viria no segundo round, após conquistar a montada e castigar a sua adversária com socos da posição superior, o que forçou o “corner” de Furuse à jogar a toalha. Oshiro venceu por “TKO” aos 4 minutos e 13 segundos do segundo período e melhorou para 3-4, enquanto sua oponente caiu para 7-8.

Já o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) marcou a recuperação de Mikiko Shimizu ( 3-1 ) após a primeira derrota sofrida em sua carreira. Desta feita, ela venceu Kate Oyama ( 1-2 ), por decisão unânime, após dois rounds da luta na categoria de peso mosca.

Em outro destaque da programação vimos Aya Murakami ( 2-0 ) finalizar Kyoka Chibisai ( 0-2 ) com um ‘armlock’ aos 4 minutos e 16 segundos do primeiro round.

Confira os resultados do “Deep Jewels 34” que incluem :

Deep Jewels 34
04 de Setembro de 2021
Shinjuku FACE (新宿 FACE)
Shinjuku, Tóquio, Japão

MMA : Mizuki Oshiro venceu Mizuki Furuse por “TKO” ( “corner” jogou a toalha ) aos 4:13 do segundo round
MMA : Mikiko Shimizu venceu Kate Oyama por decisão unânime após dois rounds
MMA : Eru Takebayashi venceu Tomoko Inoue por decisão unânime após dois rounds
MMA : Aya Murakami venceu Kyoka Chibisai por finalização ( chave-de-braço ) aos 4:16 do primeiro round
MMA : Tae Murayama venceu PochanZ por decisão unânime após dois rounds
Kickboxing: Saki Nakamura venceu Miyu Yamamoto por decisão unânime

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 14/09/2021
_
Legenda : Mizuki Oshiro venceu Mizuki Furuse.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Deep Jewels | ( C ) Deep Impact | ( C ) Gong Martial Arts | ( C )ゴング格闘技 | Divulgação ).

Legenda : Mizuki Oshiro socando Mizuki Furuse da montada.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Deep Jewels | ( C ) Deep Impact | ( C ) Gong Martial Arts | ( C )ゴング格闘技 | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

eye catch 1630754381 fea44

 

O “Road to ONE 5th: Sexyama Edition” será produzido por Yoshihiro Akiyama no Japão

O ONE Championship anunciou que o “Road to ONE 5th: Sexyama Edition” será realizado no Shibuya O-East, em Shibuya, Tóquio, Japão, no dia 5 de outubro de 2021 ( uma terça-feira, no Japão ).

Com a cooperação de Chatri Sityodtong ( CEO do ONE Championship ), Kazuhiro Sakamoto ( ‘Promoter’ do Shooto & VTJ ), Shigeyoshi Akiyama ( Sustain ), Yuji Kitano ( ABEMATV ) e Ryo Chonan ( Trybe Tokyo MMA ), parece que eles serão capazes de realizar o “Road to ONE 5th: Sexyama Edition” desta vez.

O torneio será transmitido exclusivamente ‘ao vivo’ pela ABEMATV, conforme foi anunciado pelo Sr. Yuji Kitano.

O próprio Yoshihiro Akiyama, lutador conhecido pela alcunha de “Sexyama”, batalhou muito conseguir patrocinadores para esta competição de MMA.

-“Devido à prolongada crise sanitária, aprendi que os lutadores iniciantes têm menos oportunidades de lutar do que eu aos 46 anos. Contudo, não consegui atrair patrocinadores suficientes para realizar o torneio anteriormente. Mas agora, enquanto me recuperava de uma lesão, chamei os meus amigos para arrecadar fundos e decidimos realizar o ‘Road to ONE 5th: Sexyama Edition’ desta vez.”-anunciou Akiyama, através de suas redes sociais.

Hideyuki Hata, representante da filial do ONE Championship no Japão, também está apoiando a realização do evento.

-“Estou muito satisfeito por poder realizar o quinto ‘Road to ONE’ desta vez, após o torneio de fevereiro deste ano. Poderemos fornecer mais oportunidades de lutas para os atletas. Adotaremos medidas preventivas contra a infecção pelo novo coronavírus. Estou muito honrado por estar aqui e profundamente grato a todas as pessoas envolvidas. Espero que todos os lutadores participantes sejam capazes de oferecer um torneio brilhante para todos. Aguardem ansiosamente por isso.”-disse ele, em um comunicado à imprensa.

O ‘card’ do evento será “anunciada em uma data posterior”, mas há outra dúvida que persiste : será que o próprio Akiyama participará apenas como produtor do torneio ou ele também lutará ? Haverá tempo hábil para ele se recuperar da sua lesão ?

Com um ‘recorde’ no MMA composto por 15 vitórias, 7 derrotas e 2 ‘No Contest’, Yoshihiro Akiyama atualmente faz parte do ‘plantel’ do ONE Championship. Sua luta mais recente foi uma vitória por “KO” sobre Sheriff Mohammed na luta principal do ONE, em fevereiro de 2020. No futuro, ele gostaria de promover um torneio do ONE: “Japão vs. Coréia”.

Fique ligado para informações adicionais sobre este torneio produzido por Yoshihiro Akiyama.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 13/09/2021
_
Legenda : O ‘flyer’ de divulgação do “Road to ONE 5th: Sexyama Edition”.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Fujisato Ichiro | ( C ) ABEMA TV | ( C ) ONE Championship | ( C ) Shooto | ( C ) Sustain | Divulgação ).

Legenda : A 5ª edição do “Road to ONE” será produzida por Yoshihiro Akiyama.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Fujisato Ichiro | ( C ) ABEMA TV | ( C ) ONE Championship | ( C ) Shooto | ( C ) Sustain | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

E v7UoMVEAADEGf 797b9

 

Cerca de 4 mil refeições foram desperdiçadas na abertura dos Jogos de Tóquio

Quatro mil das 10.000 refeições que seriam oferecidas para voluntários no dia da cerimônia de abertura foram desperdiçadas.

Organizadores da Tokyo 2020 admitiram que cerca de 4 mil refeições preparadas para o dia da cerimônia de abertura foram descartadas.

Organizadores dos Jogos de Tóquio admitiram na quarta-feira (28) que descartaram cerca de 4.000 das 10.000 refeições pré-pedidas que seriam oferecidas para voluntários no dia da cerimônia de abertura.

Masanori Takaya, porta-voz do comitê organizador, confirmou o relato e pediu desculpas em uma coletiva de imprensa.

Ele explicou que devido à carga pesada de trabalho para os voluntários eles não tiveram chance de comerem as refeições, as quais devem ser transformadas em comida para animais e usadas para geração de energia de biomassa.

Fonte: Mainichi

Confira as curiosidades e o calendário de competições dos 32º Jogos Olímpicos

Foi realizada nesta 6ª feira ( 23.jul.2021 ) a ‘cerimônia de abertura’ dos 32º Jogos Olímpicos da Era Moderna. A Tóquio 2020 conta com a participação de 203 países ao todo. A Coreia do Norte não será representada nesta edição. O Brasil é representado por 302 atletas. Os EUA lideram, com 613 participantes, seguido do país-sede, com 591, e Austrália, que leva 471 atletas.

Contando com 5 novas modalidades e o total de mais de 11.300 atletas disputando os 339 eventos programados, as competições dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 foram adiadas por um ano por conta da pandemia da Covid-19.

Curiosamente, ‘Akira’ - um ‘mangá’ publicado pela primeira vez em 1982 - “previu” que as Olimpíadas de Tóquio seriam adiadas. Entre os “erros” do autor Katsuhiro Otomo estão os seus cálculos, uma vez que a Olimpíada de “Neo-Tóquio 2020” em ‘Akira’ é referenciada como a trigésima edição dos jogos, sendo que, na verdade, o Japão vai sediar a trigésima segunda, como citado anteriormente.
Porém, o que realmente importa é que uma obra escrita há três décadas conseguiu acertar que a capital japonesa iria ser a sede da próxima Olimpíada.

Enquanto isso, nas redes sociais os “internautas” dizem sentir falta de Pikachu, que já foi nomeado como embaixador da cidade de Osaka pelo Ministro de relações internacionais Tarō Kōno.

Também não custa lembrar que passado apenas um mês do término da Olimpíada Rio 2016, o Japão já havia anunciado Goku ( Dragon Ball ), Naruto Uzumaki ( Naruto ), Astro Boy ( personagem criado pelo famoso Ozuma Tetsuka ), Sailor Moon ( personagem do estúdio CLAMP ), Shin Chan ( humorístico personagem ) Luffy ( One Piece ), entre outros diversos personagens de ‘animes’ e ‘mangás’ como embaixadores culturais das olimpíadas em Tóquio.
Mais do que isso, os ‘animes’ e ‘mangás’ já são embaixadores da cultura “pop” no Japão. Daí a sua sentida ausência.

Por outro lado, é até compreensível porque estes e outros personagens, entre impressos e animações, tenham ficado de fora dos 32º Jogos Olímpicos.

As quatro horas da cerimônia de abertura da Tóquio 2020 aconteceu sem o tradicional público do estádio e não haverá espectadores presenciais em nenhum dos eventos esportivos, uma vez que a capital do Japão está em estado de emergência até 22 de agosto, devido ao aumento nas contaminações pelo coronavírus.
A decisão foi tomada em 8 de julho e anunciada pela ministra das Olimpíadas, Tamayo Marukawa, após discussões com autoridades e organizadores.

Calendário
Confira a seguir, o calendário geral das disputas olímpicas. Os eventos estão sujeitos a alterações.

Cerimônia de Abertura: 23 de julho
Atletismo: 30 de julho a 8 de agosto
Badminton: 24 de julho a 2 de agosto
Basquete: 25 de julho a 8 de agosto
Basebol/softbol: 21 de julho a 7 de agosto
Boxe: 24 de julho a 8 de agosto
Canoagem slalom: 25-30 de julho
Canoagem sprint: 2-7 de agosto
Ciclismo BMX: 29 de julho a 1 de agosto
Ciclismo de estrada: 24, 25 e 28 de julho
Ciclismo de pista: 2-8 de agosto
Escalada: 3-6 de agosto
Esgrima: 24 de julho a 1 de agosto
Futebol: 21 de julho a 7 de agosto
Ginástica artística: 24 de julho a 3 de agosto
Ginástica rítmica: 6-8 de agosto
Golfe: masculino: 29 de julho a 1 de agosto; feminino: 4-7 de agosto
Halterofilismo: 24 de julho a 4 de agosto
Handebol: 24 de julho a 8 de agosto
Hipismo: 24 de julho a 7 de agosto
Hóquei: 24 de julho a 6 de agosto
Judô: 24-31 de julho
Karatê: 5-7 de agosto
Luta greco-romano: 1-7 de agosto
Maratona aquática: 4-5 de agosto
Mergulho: 25 de julho a 7 de agosto
Natação: 24 de julho a 1 de agosto
Nado sincronizado: 2-7 de agosto
Pentatlo moderno: 5-7 de agosto
Polo aquático: 24 de julho a 8 de agosto
Remo: 23-30 de julho
Rugby: 26-31 de julho
Skate: street: 24-25 de julho; park: 4-5 de agosto
Surfe: 25 de julho a 1 de agosto
Taekwondo: 24-27 de julho
Tênis: 24 de julho a 1 de agosto
Tênis de mesa: 24 de julho a 6 de agosto
Tiro com arco: 23-31 de julho
Tiro esportivo: 24 de julho a 2 de agosto
Trampolim acrobático: 30-31 de julho
Triatlo: individual: 26-27; equipes: 31 de julho
Vela: 25 de julho a 4 de agosto
Vôlei: 24 de julho a 8 de agosto
Vôlei de praia: 24 de julho a 7 de agosto
Cerimônia de Encerramento: 8 de agosto

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 23/07/2021
_
Legenda : Sentida a ausência de Pikachu, já nomeado embaixador da cidade de Osaka pelo Ministro Tarō Kōno.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) AP Tarō Kōno | ( C ) Nintendo | ( C ) COI | Divulgação ).

Legenda : Placa faz contagem regressiva para o início dos jogos da “Neo-Tóquio 2020” em ‘Akira’.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Kotaku | ( C ) COI | Divulgação ).

abf9c6f59b8819e8d1ae8bce4539a34b fcd91

Japão está dando coragem e esperança ao mundo com os Jogos Olímpicos de Tóquio

Adiados em um ano por causa da pandemia do coronavírus, os Jogos Olímpicos de Tóquio vão ocorrer sem público na maior parte das competições por causa do contágio em alta no Japão - o que levou à pedidos de cancelamento por parte da opinião pública japonesa.

A ‘cerimônia de abertura’ está marcada para amanhã, sexta-feira ( 23 de julho de 2021 ), mas os primeiros eventos já começaram desde ontem, com a estreia do softbol em Fukushima. Cerca de 15 líderes mundiais e dignitários participarão da ‘cerimônia de abertura’ olímpica.

Ainda ontem, quarta-feira ( 21 de julho de 2021 ), o diretor da Organização Mundial da Saúde ( OMS ), Tedros Adhanom Ghebreyesus, manifestou o seu apoio às Olimpíadas discursando durante a 138ª sessão do Comitê Olímpico Internacional ( COI ).
Ele destacou “a natureza única” do evento e disse que esta é uma oportunidade para mostrar ao mundo a importância da adoção das medidas para prevenir a Covid-19, dissertando sobre os atletas que testarem positivo no Japão na próxima quinzena.

-“Espero que os jogos sejam bem sucedidos, como uma demonstração do que é possível quando se adotam os planos corretos e medidas corretas. A marca do sucesso será garantir que todos os casos sejam identificados, isolados, rastreados e tratados o mais rápido possível e a transmissão posterior seja interrompida”.- disse Tedros, acrescentando que as Olimpíadas de Tóquio não devem ser avaliadas pela contagem dos casos da Covid-19 que surgirem.

-“Na vida não há risco zero. Só existe risco maior ou risco menor. As escolhas que fazemos diminuem ou aumentam os riscos, mas não os eliminam”.-alertou aos veículos de comunicação da grande mídia ‘sensaciolista’.

Em seguida, Tedros acrescentou :
-“O Japão está dando coragem ao mundo inteiro”.-respaldando a realização do evento durante um estado de emergência local.

Mais cedo, Tedros havia divulgado uma mensagem nas redes sociais em tom otimista sobre as Olimpíadas mencionando a esperança de que o evento impulsione a vacinação. Estima-se que cerca de 80% dos participantes serão vacinados.

Ainda sobre a vacinação, o líder da OMS criticou os líderes dos países ricos e lançou um desafio sobre o compartilhamento mais justo de vacinas no mundo.

-“A pandemia é um teste e o mundo está falhando. Acredito que haja ‘uma terrível injustiça’, já que apenas 10 países administraram 75% das vacinas do mundo”.-desabafou Tedros, pedindo distribuição e esforços igualitários na distribuição dos imunizantes.

A OMS quer a ajuda dos governos de todos os países para atingir a meta de vacinar 70% da população mundial até meados de 2022. Para tanto, a agência da ONU estima que seja necessário produzir 11 bilhões de doses no próximo ano para pessoas de todo o planeta.

-“Desejo que os ‘raios de esperança’ da ‘terra do sol nascente’ atravessem o planeta e ‘iluminem um novo amanhecer mais saudável, mais seguro e mais justo’. Que [ os Jogos Olímpicos ] sejam a celebração de algo muito maior, daquilo que o mundo precisa muito agora: da esperança. Repito: o mundo precisa mais do que nunca da celebração da esperança. Torço para que esses Jogos sejam o momento que une o mundo e que impulsione a solidariedade e a determinação necessárias para encerrar a pandemia juntos”.-disse, em tom ‘esperançoso’.

-“A pandemia terminará quando o mundo decidir acabar com ela. Está em nossas mãos”.-finalizou Tedros, segurando a tocha olímpica.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 22/07/2021
_
Legenda : A OMS ressalta que a pandemia terminará quando o mundo decidir acabar com ela.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Jazael Melgoza | ( C ) Unsplash | ( C ) COI | ( C ) OMS | ONU | Divulgação ).

Legenda : As Olimpíadas de Tóquio começam no dia 23 de julho de 2021, após um ano de atraso devido à pandemia Covid-19.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Erik Zünder | ( C ) Unsplash | ( C ) COI | ( C ) OMS | ONU | Divulgação ).

image1170x530cropped 44a44

 

Rina Okamoto vence Hitomi Nagai no “KNOCK OUT 2021 vol.3” realizado domingo no Japão

No domingo, 18 de julho de 2021, a promoção ‘KNOCK OUT’ realizou o “KNOCK OUT 2021 vol.3”, no Korakuen Hall, em Tóquio, capital do Japão. O evento foi transmitido ‘ao vivo’ pelo sistema de ‘Pay-Per-View’.

O ‘card’ apresentava a conclusão dos torneios nas regras ‘KNOCK OUT-BLACK’, que permitem socos e chutes sem o uso do cotovelo, nas categorias de peso supermédio e superleve da promoção, com Shintaro Matsukura e Hijiri Tamura lutando pelo cinturão de 75kg, enquanto Chihiro Suzuki e Keijiro Miyakoshi se enfrentaram pela cinta de 65kg.

O cinturão também estava em jogo no ‘KNOCK OUT-RED’, conjunto de regras que permitem socos e chutes com uso de cotovelo, quando Suarek Rukkukamui e Yota Shigemori colidiram pelo título dos leves.

Já entre as mulheres, o destaque ficou para a luta entre ‘Panchan’ Rina Okamoto ( STRUGGLE ), campeã feminina da categoria peso átomo ( 46kg ) e Hitomi “Sasori” Nagai ( Tetsu Gym / PRIMA GOLD ), campeã ‘minerva’ na categoria peso mosca leve ( 48,99kg ).
Elas se enfrentaram de forma única em uma ‘super fight’ sob as regras ‘KNOCK OUT- BLACK’, ou seja, sem uso de cotovelos.
Esta foi uma luta de contrato, com tempo estipulado de 3R de 3 minutos ( mais um ‘round’ de extensão, se necessário ) e peso combinado de 48,4kg. Este peso é 2,4kg acima da categoria peso átomo original ( -46,0kg ) e está mais próximo do peso mosca leve de “Sasori” ( -48,97kg ).

‘Panchan’ Rina Okamoto vinha de uma vitória por nocaute na revanche com MIREY também realizada no Korakuen Hall, em 22 de maio deste ano. Rina está invicta com 10 vitórias ( 2 ‘KO’ ) desde sua estreia profissional, em fevereiro de 2019 e “Sasori” é a sua adversária mais forte até aqui.

Hitomi “Sasori” Nagai conquistou o trono de ‘minerva’ em setembro de 2019. Em fevereiro de 2020, ela participou do “Shoot Boxing”. A atleta também competiu em eventos do porte do ‘Hoost Cup’, ‘NKB’ e “RISE”, antes de estrear no próprio ‘KNOCK OUT’.

No início da luta, “Sasori” coloca pressão, mas Rina golpeia enquanto desvia em passos. Após o bom ritmo da ‘trocação’ de socos e chutes, acontece o primeiro ‘clinch’ da luta. Rina conecta golpes repetidamente e deixa uma boa impressão antes do término do primeiro período.

Já no segundo ‘round’, Rina conecta uma série de socos. “Sasori” - com um sorriso estampado no rosto - revida imediatamente e desfere um direto de esquerda certeiro no rosto de Okamoto. A partir daí, seguem cenas de ‘trocação’ e desta feita, é “Sasori” quem deixa uma boa impressão.

No terceiro e último ‘round’, ambas as lutadoras desferem chutes. Mas Rina também faz uso de joelhadas. Ela acerta sua adversária por duas vezes consecutivas. “Sasori” recua para acertar o corpo de Rina em seguida. Na sequência, Okamoto acerta o chute frontal de direita e chuta no joelho. A luta termina violentamente.
O resultado da luta vai para a decisão dos juízes e o placar é favorável à Rina, que vence por decisão majoritária ( 29-29, 29-28, 29-28 ).

-“Eu estava com medo, mas todos me apoiaram e eu fiz o meu melhor. Eu ainda estava fraca, mas vou praticar mais. Fico feliz por ter vencido, mesmo no último minuto. O inimigo se foi, mas, por favor, fiquem de olho em mim no futuro. Obrigada pelo seu apoio.”-disse Rina Okamoto, ainda emocionada, após ter vencido a feroz batalha.

Confira os resultados do “KNOCK OUT 2021 vol.3” que incluem :

KNOCK OUT 2021 vol.3
18 de Julho de 2021
Korakuen Hall
Tóquio, Japão

Kickboxing: Chihiro Suzuki venceu Keijiro Miyakoshi por nocaute ( socos ) aos 0:37 do primeiro round - final do torneio superleve
Kickboxing: Shintaro Matsukura venceu Hijiri Tamura por decisão unânime ( 29-24, 30-23, 30-23 ) - final do torneio dos super médios
Muay Thai: Yota Shigemori venceu Suarek Rukkukamui por decisão unânime ( 49-48, 49-48, 49-47 ) - válido pelo título dos leves
Muay Thai: Haruto Yasumoto venceu Kenichi Takeuchi por nocaute ( chute na cabeça ) aos 0:30 do terceiro round
Kickboxing: Rina Okamoto venceu Hitomi “Sasori” Nagai por decisão majoritária ( 29-29, 29-28, 29-28 )
Muay Thai: Eisaku Ogasawara venceu Hiroshi Yokono por nocaute ( chutes nas pernas ) aos 1:18 do segundo round
Kickboxing: Bazooka Koki venceu Yasuhiro Matsuo por nocaute ( chute posterior ) aos 1:37 do terceiro round
Muay Thai: Hiroki Nakamura venceu Saksith por nocaute ( soco ) aos 2:08 do primeiro round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 19/07/2021
_
Legenda : Rina Okamoto emocionada após a vitória.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) KNOCK OUT | ( C ) Gong Fighting | Divulgação ).

Legenda : A luta teve como “característica” a ‘trocação’ intensa de socos e chutes.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) KNOCK OUT | ( C ) Gong Martial Arts | Divulgação ).

210718knockout 04 panchan sasori 03 dbc5c

Média do salário mínimo do Japão passará a ¥930 por hora

 

Esse é o valor da média nacional, mas cada província decide o seu valor, baseado na diretriz do governo.

Na quarta-feira (14) o conselho do MHLW-Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar estabeleceu uma diretriz para aumentar o salário mínimo médio do Japão, de 902 ienes por hora para 930 ienes. Ou seja, 28 ienes a mais.

O valor do aumento foi o maior desde 2002, quando o salário mínimo passou a ser apresentado com valor por hora de trabalho. Mas ainda não chegou à meta da média de mil ienes por hora.

No ano passado, devido à epidemia do novo coronavírus, o conselho não pode dar uma diretriz para aumentá-lo. Por isso, o valor do aumento foi de apenas 1 iene em média.

Vale lembrar que no Japão o salário mínimo é definido pelo governo de cada uma das 47 províncias, por volta de outubro. Atualmente somente Tóquio e Kanagawa têm mínimo superior a mil ienes/h, de¥1.013 e ¥1.012, respectivamente.

O de Aichi é de ¥927 e o de Osaka é de ¥964, enquanto ainda há muitas províncias com mínimo de ¥792, o que dá uma diferença de ¥221 com Tóquio.

Mas, com essa diretriz é possível que essas províncias como Akita, Shimane, Okinawa e outras passem a ¥800 ou mais.

Fontes: Gov., Mainichi e NHK

                                         

João Batista Yoshimura vence revanche no “Deep 102 Impact” e é o novo campeão dos médios

Lançado em 8 de janeiro de 2001 por Shigeru Saeki, o “DEEP Impact” é um dos eventos de MMA mais tradicionais do Japão e um dos mais importantes do mundo.
No domingo, 4 de julho de 2021, foi realizado o “DEEP 102 Impact”, no Korakuen Hall, em Tóquio, capital do Japão.
O ‘card’ marcava a comemoração de 20° aniversário da franquia e as lutas contaram com transmissão ‘ao vivo’ por ‘Pay-Per-View’ à partir das 17:45 ( horário local ) para os clientes que não puderam comparecer ao local devido ao novo coronavírus. Ainda assim, todos os lugares disponibilizados pelos organizadores no ginásio foram esgotados.

A luta mais aguardada desse ‘card’ para nós brasileiros foi a disputa do título dos médios ( 83,85kg ) do “DEEP” entre o nosso compatriota João Batista Yoshimura e o japonês Tatsuya Mizuno. Não por acaso, o duelo foi o ‘co-main event’ ( e portanto, “evento co-principal” ) da programação.

João Batista Yoshimura fez sua estreia no “DEEP” em 2004. Embora tenha ficado afastado do jogo de 2010 à 2015, ele retornou às competições em setembro de 2020, quando participou do “HEAT 47”. Na ocasião, ele venceu Go Hishinuma por “TKO” ( nocaute técnico ) com um ‘gancho’ de esquerda aos 1:13 do primeiro round.

Tatsuya Mizuno, por outro lado, é um lutador veterano, originário do Judô, que fez sua estreia no MMA profissional em 2006. Em 2008, ele lutou com atletas de calibre mundial como Mirko ‘Cro Cop’ Filipović, Melvin Manhoef e Gegard Mousasi no “DREAM”, e em fevereiro de 2018, ele conquistou o título dos médios do “DEEP” ao derrotar Taisuke Okuno.

Os atletas já tinham se enfrentado anteriormente, em luta que não era válida pelo título, no “DEEP 98 IMPACT”, em novembro do ano passado, quando Yoshimura venceu por “TKO / KO” aos 4:44 do segundo round.

Nesta revanche, Mizuno inicia o primeiro round trabalhando na ‘trocação’. Batista contra-ataca. Mizuno recomeça com seus golpes, mas escorrega e é atacado por Yoshimura com socos do ‘Ground and Pound’. No entanto, o árbitro interrompe e a luta volta em pé. Mizuno desfere socos e chutes em Yoshimura, que novamente contra-ataca. A luta segue até o término do período inicial.

Já no segundo round, Mizuno desfere um chute frontal de direita na barriga de Batista. Na sequência, Batista intensifica os seus ataques com “ganchos” de esquerda e direita e avança. Mizuno cai ao ser atingido por um “gancho” de esquerda e é castigado por socos do ‘Ground and Pound’ até que o árbitro interrompe a luta para preservar a integridade física do atleta. João Batista Yoshimura vence por nocaute aos 32 segundos do segundo round, destrona Mizuno e se torna o novo campeão dos médios do “DEEP”. Com a conquista, ele também entrou para história do esporte.

Depois da luta, Yoshimura dedicou a vitória para sua esposa e filhos, seu mentor Danilo Zanolini e sua equipe.

-“Obrigado por terem vindo. Iniciei nas artes marciais aos 12 anos e no começo me tornei um campeão de Karatê em São Paulo. Vim com meu Pai do Brasil para o Japão para me tornar um campeão em vez de um trabalhador de escritório. Mãe, Pai, eu fui campeão. E para meus filhos. Obrigado, Sr. Danilo. Obrigado Sr. Saeki. Eu quero disputar uma luta pelo título de campeão até 77 kg também.”-disse Yoshimura, mostrando que pretende conquistar novos títulos.

Já no ‘main event’ ( e portanto “evento principal” ) deste “DEEP 102 Impact”, tivemos uma outra luta válida por uma disputa de título, no caso, da categoria peso pena. A luta também era uma revanche e, desta feita, Juntaro Ushiku vingou-se da derrota sofrida para Daisuke Nakamura, em fevereiro passado, vencendo-o por decisão dividida, após três rounds.

Para detalhes adicionais sobre o “DEEP 102 Impact”, bem como os resultados completos do show do último domingo e informações sobre os próximos eventos, favor acessar o site oficial da franquia : http://www.deep2001.com/

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 05/07/2021
_
Legenda : João Batista Yoshimura conquistou o cinturão de campeão da categoria peso médio do “DEEP”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( Créditos | Cortesia : Acervo Pessoal João Batista Yoshimura | ( C ) Deep Impact | Divulgação ).

Legenda : João Batista Yoshimura entrou para a história do esporte ao conquistar o título de um dos eventos mais importantes do mundo.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) Gong Martial Arts | ( C ) Deep Impact | Divulgação ).

Intagram: instagram.com/coach_jonh_slugger/

image 1625399078 87d15

 

 

Governadora de Tóquio recebe alta do hospital

A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, recebeu alta do hospital nesta quarta-feira (30) após tratamento para fadiga severa, disse o governo metropolitano, menos de um mês antes da abertura das Olimpíadas.

Koike, de 68 anos, foi hospitalizada em 22 de junho. Ela realizará suas tarefas via teletrabalho por enquanto mediante orientação dos médicos, disse o governo metropolitano.

“Peço desculpas do fundo do meu coração por deixar muitas pessoas preocupadas e causar problemas a elas ao ficar fora do trabalho nesse momento importante”, disse ela em uma declaração.

Koike enfrenta as tarefas de liderar a resposta da capital à pandemia de coronavírus, assim como as preparações para sediar as Olimpíadas e Paralimpíadas. Os Jogos de verão devem começar em 23 de julho, enquanto o Japão continua a se esforçar para conter a propagação do vírus.

A governadora disse que sua saúde melhorou de alguma forma e ela prometeu acelerar sua recuperação para que possa retornar completamente para suas funções.

Fonte: Mainichi

Nota de esclarecimento pública

Website gratuito, não cobrança os nossos leitores ou visitantes, o único objetivo e a divulgação da informação e notícias reais, todos os créditos são de suas respectivas fontes e autores.

Em conformidade com as Leis:

Em conformidade com Artigo 46, I da Lei 9610/98 Brasil - Artigo 46, I da Lei 9610/98 e Lei nº 5.250 de 9 de fevereiro de 1967 - Lei 2083/53 | Lei nº 2.083 de 12 de novembro de 1953.

Para maiores informações e suporte jurídico consulte nosso advogado colaborador: Raphael Guilherme da Silva - OAB/SP Sob o Nº 316.914.

Caso discorde de algum artigo removeremos o mesmo de imediatamente e nós desculpamos de forma publica mediante uma retratação conforme a Lei se assim for solicitado.

Desde já muito obrigado.

Este portal de notícias e uma iniciativa de um Grupo de colaboradores voluntários sobre registro no Japão -目標新聞 (コネクション・ジャパン). - connectionjapan.com .

E é mantido pelos seus voluntários e colaboradores a fim de permitir que a colônia de Brasileiros possa ter acesso a essas informações de forma gratuita e a todos os demais visitantes que assim desejarem acessa nosso website.

Algumas observações na Lei n.º 9.610/98.

Uso de obra autoral para fins de estudo ou crítica;

Uso de obra autoral para exposição de um produto (por exemplo: uma loja de porta-retratos que expõe um porta-retrato contendo uma foto);

Uso de obra autoral para fim privado (se você compartihar com alguém, já não é mais uso privado!);

E outras previstas na Lei n.º 9.610/98.

« September 2021 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      

FreeCurrencyRates.com

Visitantes online

Advertising area




Contador de visitas

0.png3.png7.png8.png0.png8.png5.png
Hoje:466
Ontem:689
Últimos 7 dias:5362
Mês:53523
Total:378085

Conectados simultaneamente

2
Online

19-09-21

Parceiros

Go to top