ptzh-CNenfritjakoruesvi

O “Road to ONE 5th: Sexyama Edition” será produzido por Yoshihiro Akiyama no Japão

O ONE Championship anunciou que o “Road to ONE 5th: Sexyama Edition” será realizado no Shibuya O-East, em Shibuya, Tóquio, Japão, no dia 5 de outubro de 2021 ( uma terça-feira, no Japão ).

Com a cooperação de Chatri Sityodtong ( CEO do ONE Championship ), Kazuhiro Sakamoto ( ‘Promoter’ do Shooto & VTJ ), Shigeyoshi Akiyama ( Sustain ), Yuji Kitano ( ABEMATV ) e Ryo Chonan ( Trybe Tokyo MMA ), parece que eles serão capazes de realizar o “Road to ONE 5th: Sexyama Edition” desta vez.

O torneio será transmitido exclusivamente ‘ao vivo’ pela ABEMATV, conforme foi anunciado pelo Sr. Yuji Kitano.

O próprio Yoshihiro Akiyama, lutador conhecido pela alcunha de “Sexyama”, batalhou muito conseguir patrocinadores para esta competição de MMA.

-“Devido à prolongada crise sanitária, aprendi que os lutadores iniciantes têm menos oportunidades de lutar do que eu aos 46 anos. Contudo, não consegui atrair patrocinadores suficientes para realizar o torneio anteriormente. Mas agora, enquanto me recuperava de uma lesão, chamei os meus amigos para arrecadar fundos e decidimos realizar o ‘Road to ONE 5th: Sexyama Edition’ desta vez.”-anunciou Akiyama, através de suas redes sociais.

Hideyuki Hata, representante da filial do ONE Championship no Japão, também está apoiando a realização do evento.

-“Estou muito satisfeito por poder realizar o quinto ‘Road to ONE’ desta vez, após o torneio de fevereiro deste ano. Poderemos fornecer mais oportunidades de lutas para os atletas. Adotaremos medidas preventivas contra a infecção pelo novo coronavírus. Estou muito honrado por estar aqui e profundamente grato a todas as pessoas envolvidas. Espero que todos os lutadores participantes sejam capazes de oferecer um torneio brilhante para todos. Aguardem ansiosamente por isso.”-disse ele, em um comunicado à imprensa.

O ‘card’ do evento será “anunciada em uma data posterior”, mas há outra dúvida que persiste : será que o próprio Akiyama participará apenas como produtor do torneio ou ele também lutará ? Haverá tempo hábil para ele se recuperar da sua lesão ?

Com um ‘recorde’ no MMA composto por 15 vitórias, 7 derrotas e 2 ‘No Contest’, Yoshihiro Akiyama atualmente faz parte do ‘plantel’ do ONE Championship. Sua luta mais recente foi uma vitória por “KO” sobre Sheriff Mohammed na luta principal do ONE, em fevereiro de 2020. No futuro, ele gostaria de promover um torneio do ONE: “Japão vs. Coréia”.

Fique ligado para informações adicionais sobre este torneio produzido por Yoshihiro Akiyama.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 13/09/2021
_
Legenda : O ‘flyer’ de divulgação do “Road to ONE 5th: Sexyama Edition”.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Fujisato Ichiro | ( C ) ABEMA TV | ( C ) ONE Championship | ( C ) Shooto | ( C ) Sustain | Divulgação ).

Legenda : A 5ª edição do “Road to ONE” será produzida por Yoshihiro Akiyama.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) Fujisato Ichiro | ( C ) ABEMA TV | ( C ) ONE Championship | ( C ) Shooto | ( C ) Sustain | Divulgação ).

*NOTA : TODAS AS MATÉRIAS DO AUTOR SÃO DISTRIBUÍDAS GRATUITAMENTE - DIVULGAÇÃO GRATUITA - INFORMAÇÃO ESPORTIVA*

E v7UoMVEAADEGf 797b9

 

Lipeng Zhang vence Eduard Folayang e desafia Shinya Aoki no ONE Championship

O ONE Championship: “Battleground - Parte II” aconteceu na sexta-feira, ( 13 de agosto de 2021 ), no Singapore Indoor Stadium, em Singapura. O ‘card’ totalmente dedicado às lutas de MMA foi transmitido por várias plataformas em todo o mundo, entre estas, a ABEMATV.

No ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação, tivemos uma luta ‘crucial’ na categoria peso leve entre Eduard Folayang, ( 22-11 ), o célebre herói das Filipinas, que está vindo da mais longa seqüência de derrotas em sua carreira, contra Lipeng Zhang, ( 30-11-2 ), ‘ex-atleta’ do UFC e vencedor da única temporada do “The Ultimate Fighter: China” ( em 2014 ). Folayang - que é originário do Kung Fu - pretendia provar que ainda tem muito o que fazer, apesar de ter ajudado à construir o MMA filipino desde o início. Zhang, que tem um retrospecto de 2 a 2 no UFC, também é um grande lutador e não hesitava em atacar até atingir os seus objetivos.

Folayang tentava “acertar o passo” e iniciou a luta desferindo poderosos chutes na perna do forte chinês que, após aceitar a ‘trocação’, derrubou o seu adversário e começou à trabalhar com socos do ‘ground and pound’ até “abrir caminho” para as costas de Folayang. O veterano usou a sua experiência e resistiu à finalização, apesar de absorver alguns “golpes” poderosos.

Ambos os homens acertaram “golpes” certeiros no início do segundo ‘round’. Folayang, ( ‘ex-campeão’ peso leve do ONE ), mostrou a sua agressividade e continuou atacando com seus chutes devastadores, além de defender as tentativas de quedas de Zhang.

O “roteiro” se repetiria no início do terceiro ‘round’ até Zhang “conectar” um ‘uppercut’ de direita. À partir daí, Zhang mostrou que está em sua melhor forma desde que deixou o UFC, mantendo o controle lateral e levando a luta até o término do tempo regulamentar. A tática do chinês foi suficiente para lhe garantir a vitória por decisão unânime e elevar o seu ‘recorde’ para 31-11-2. Folayang, por sua vez, desceu para 22-12.
Após o resultado, Lipeng Zhang desafiou o ‘astro’ japonês Shinya Aoki para lutar em um próximo ‘card’ do ONE Championship.

Já no ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) vimos um duelo entre o brasileiro Alex Silva e o chinês Li Tao Miao. Silva - um ‘ex-campeão’ mundial peso palha do ONE ( em 2017 ) - mostrou um Jiu-Jítsu afiado, quase conseguiu a finalização, mas acabou vencendo por decisão unânime dos juízes após três ‘rounds’. Seu ‘recorde’ sobe para 10-6. Miao cai para 6-4.

Uma outra luta digna de destaque no ‘card’ ocorreu entre o peso-pesado norueguês Thomas Narmo ( 4-0-0 ) e o camaronês Alain Ngalani ( 4-6-0 ). A batalha acabou em “no contest” após um chute “acidental” na virilha aos 4:07 do segundo ‘round’.
O invicto norueguês foi escalado para enfrentar o brasileiro Marcus “Buchecha” na estréia da ‘lenda’ do Jiu-Jítsu no ONE Championship, programada para 24 de setembro, em Singapura.

Já o lutador Eko Roni Saputra ( 5-1 ), por sua vez, aplicou um nocaute avassalador em apenas 10 segundos sobre Peng Shuai Liu ( 6-7 ).

Confira os resultados do ONE: ‘Battleground-Parte II’ que incluem :

ONE: “Battleground-Parte II”
13 de Agosto de 2021
Singapore Indoor Stadium
Kaalang, Singapura

Lipeng Zhang venceu Eduard Folayang por decisão unânime após três rounds
Alex Silva venceu Li Tao Miao por decisão unânime após três rounds
Thomas Narmo vs. Alain Ngalani terminou em “No Contest”
Eko Roni Saputra venceu Peng Shuai Liu por “KO” ( soco ) aos 0:10 do primeiro round
Rahul Raju venceu Otgonbaatar Nergui por finalização ( mata-leão ) aos 3:54 do segundo round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 14/08/2021
_
Legenda : Eduard Folayang ajudou à construir o MMA nas Filipinas desde o início.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Legenda : Lipeng Zhang superou Eduard Folayang no ONE: “Battleground-Parte II” após três ‘rounds’.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Zhang Lipeng Eduard Folayang BATTLEGROUNDII 1920X1280 7 1200x799 beca4

A jovem “estrela” Victoria Lee finaliza adversária no ONE: ‘Battleground’

 Após várias semanas de ‘hiato’, o ONE Championship voltou à ação na última sexta-feira ( 30.jul.2021 ) com o show ONE: ‘Battleground’, no Singapore Indoor Stadium, em Cingapura. O evento foi transmitido ‘ao vivo’ para os EUA através do sistema de ‘Pay-Per-View’.

O ‘card’ teve início com uma luta da jovem Victoria Lee, de apenas 17 anos. Foi a segunda luta e a segunda vitória por finalização da lutadora apelidada como “The Prodigy”. A sua estréia no MMA aconteceu durante o ONE: ‘Fists of Fury’, em fevereiro deste ano.
Desta feita, a irmã mais nova dos atuais campeões do ONE - Christian Lee e Angela Lee - finalizou a chinesa Luping Wang - veterana do WLF - com uma chave de braço ainda no primeiro round.

Também entre as mulheres, Ritu Phogat, da Índia, garantiu a maior vitória de sua carreira ao vencer a chinesa Lin Heqin. A jovem de 27 anos tentava se recuperar da derrota por decisão dividida para Bi Nguyen no ONE: ‘Dangal’, enquanto a chinesa vinha de uma seqüência de 11 vitórias consecutivas.
O triunfo de Phogat veio graças ao seu domínio no chão. Após a leitura das “papeletas” dos juízes - que lhe deram a vitória unânime - a atleta da Índia elevou o seu recorde para 5-1, enquanto Lin foi para 14-3-1, naquela que foi a sua primeira derrota desde 2016.

Único brasileiro no evento, Leandro Ataídes não se deu bem diante do ex-campeão Aung La N Sang. O lutador da categoria meio-pesado vinha de três vitórias consecutivas até perder seu último confronto contra Reinier de Ridder. Por sua vez, N Sang havia perdido seus dois títulos, também para De Ridder. Os dois atletas queriam vingança, mas apenas um deles teria direito à revanche.
E esta será concedida ao atleta de Mianmar, que fez uso de uma combinação brutal de socos para levar o brasileiro à nocaute ainda no primeiro round.

Na luta principal ( realizada sob as regras do Muay Thai ) da programação, os tailandeses Prajanchai PK Saenchai e Sam-A Gaiyanghadao disputaram o cinturão de campeão da categoria peso-mosca da organização. O título ficou com Prajanchai após justa vitória por decisão majoritária.

Confira os resultados do ONE: ‘Battleground’ que incluem :

ONE: “Battleground”
30 de Julho de 2021
Singapore Indoor Stadium
Kaalang, Singapura

Muay Thai: Prajanchai PKSaenchaigym venceu Sam-A Gaiyanghadao por decisão majoritária ( título dos moscas )
MMA: Aung La Nsang venceu Leandro Ataides por nocaute aos 3:45 do primeiro round
MMA : Gustavo Balart venceu Ryuto Sawada por decisão unânime
MMA : Ritu Phogat venceu Heqin Lin por decisão unânime
MMA : Jeremy Pacatiw venceu Rui Chen por decisão unânime
MMA : Victoria Lee venceu Luping Wang por finalização ( arm-lock ) aos 3:22 do primeiro round

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 02/08/2021
_
Legenda : A jovem de 17 anos “roubou” a cena no ONE: ‘Battleground’.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Legenda : O duelo ‘Prajanchai vs. Sam-A’ teve até entrada de lutador fantasiado de “The Flash”.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Prajanchai Sam A BATTLEGROUND 1920X1280 1 1200x800 c2274

 

Saya Ito fala sobre a sua vitória no “BOM-The Battle Of Muay Thai ~ BOM WAVE 05” realizado domingo no Japão

 No domingo, ( 4 de julho de 2021 ), o evento “BOM ~ The Battle Of MuayThai ~ BOM WAVE 05 - Get Over The COVID-19” foi realizada no Ohsanbashi Hall, em Yokohama, Kanagawa, Japão.
A japonesa Saya Ito desafiou a atleta MIREY em uma partida fornecida pelo ‘ONE Championship’. O duelo foi o primeiro confronto feminino de Muay Thai com luvas de “dedos abertos” do torneio promovido pela ‘BOM Promotion Co. Ltd’. em parceria com o ‘ONE’.

Não por acaso, a luta foi o ‘co-main event’ ( e portanto, “evento co-principal” ) do ‘card’. Iniciado o confronto com MIREY, ela usou o seu poder de “punch” para controlar a distância com chutes médios e frontais de esquerda e direita. Ela também usou socos retos de direita e golpes de cotovelo.

Assim sendo, os 1R e 2R foram perfeitos para Saya Ito fechar à distância com socos e não deixar a oponente entrar. Ela também fez uso do seu chute central favorito com essa finalidade. Mas no 3R, MIREY conseguiu acerá-la com socos ‘ganchos’ de esquerda e direita. Preocupada com os ataque e defesa dos socos, Ito trabalhou com a esquerda. Ela venceu na decisão por 3-0 ( 29-28 × 3 ) após os três rounds estipulados para a luta.

Uma noite após a vitória, Ito relatou as suas impressões sobre a luta aos fãs em seu ‘Twitter’, dizendo:

-“Foi a primeira luta com luvas de ‘dedos abertos’ na minha carreira nas artes marciais. Estou aliviada e consegui vencer com segurança. Foi uma grande oportunidade. Obrigado à MIREY por aceitar o desafio apenas cerca de um mês antes da luta.”- disse Ito, elogiando a sua adversária, MIREY.

Ito, que esperava há muito tempo participar do ‘ONE Championship’, também teceu comentários à respeito:

-“Desejo ir ao ONE com as regras de Muay Thai usando luvas de “dedos abertos” e me testar com lutadoras estrangeiras, incluindo atletas tailandesas que estão melhorando seu nível.”-complementou, falando sobre a parceria do ‘BOM’ com o ‘ONE’.

Atualmente com 22 anos de idade e cerca de 18 anos de prática nas artes marciais, Ito já conquistou o título do Campeonato Mundial Feminino do WPMF e tem um futuro brilhante pela frente. O próximo objetivo da atleta é estar no topo do ‘ONE Muay Thai’.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 09/07/2021
_
Legenda : O torneio foi promovido em uma aliança de negócios do ‘BOM’ com o ‘ONE Championship’.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) BOM Promotion Co. Ltd. | ( C ) Eiwa Sports Gym | ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Legenda : Saya Ito venceu a primeira luta feminina de Muay Thai com luvas de ‘dedos abertos’ no “BOM WAVE 05”.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) BOM Promotion Co. Ltd. | ( C ) Eiwa Sports Gym | ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

image 1625454110 e7fdd

O evento “BOM-The Battle Of Muay Thai” anuncia uma aliança comercial com o ‘ONE Championship’

A BOM Promotion Co. Ltd. ( empresa que hospeda o torneio de Muay Thai : “BOM-The Battle Of Muay Thai” ), anunciou que formou uma aliança comercial com o ‘ONE Championship’.

Além do anúncio da nova aliança de negócios, também foi divulgado que o próximo torneio - já batizado de “BOM WAVE 05” - será a primeira competição da franquia em que algumas das lutas de Muay Thai serão disputadas usando luvas de dedos abertos, como já acontece no ONE e, consequentemente, serão válidas pelo ‘ONE Muay Thai’.

A conversa entre os representantes das duas promoções foi divulgada recentemente.

-“Estou muito satisfeito que o ‘ONE Championship’ tenha firmado uma aliança comercial com a ‘BOM Promotion’. A habilidade de Muay Thai do Japão é tão boa quanto a da Tailândia. Os lutadores japoneses também estarão ativos no palco do ‘ONE Super Series’ à partir de agora. Eu gostaria de apoiar os atletas que estão ‘voando’ do ‘BOM’ para o mundo juntamente com os seus fãs.”-disse Hideyuki Hata, presidente do ‘ONE Championship’ no Japão.

-“Estou muito honrado por ter firmado uma aliança comercial com o ONE desta vez. Fiquei muito impressionado com a paixão e consideração do Presidente Hata pelos atletas. Eu gostaria de contribuir para a categoria de Muay Thai no ONE. Existem muitos lutadores com ‘espíritos samurais’ no Japão. Alguns destes ‘samurais’ são muito fortes, mas não conseguem aparecer para o mundo porque não falam bem outro idioma. Eu ficaria muito feliz se pudesse ajudar os lutadores que têm tanta habilidade e paixão pelo Muay Thai à ‘voar’ para o mundo através do ‘BOM’. Finalmente, com esta aliança, muitos funcionários do ‘ONE’ e do ‘BOM’ estão nos apoiando. Obrigado do fundo do meu coração.”-complementou Natsuo Nakagawa, representante do ‘BOM’.

Não custa lembrar que a série de eventos intitulada “ONE Super Series” também inclui Muay Thai e Kickboxing, mas há diferenças. O Muay Thai é disputado com luvas de dedos abertos e o Kickboxing é disputado com luvas normais. O ‘BOM’ irá adotar apenas as luvas de dedos abertos oficiais do ‘ONE’, como dito anteriormente.

O “BOM WAVE 05” será realizado em 4 de julho de 2021, ( domingo ), no Ohsanbashi Hall, em Yokohama, Kanagawa, Japão.

O site oficial do ‘BOM’ emitiu uma nota à cerca da próxima competição :
“Haverão ingressos à disposição do público, mas serão emitidos menos bilhetes do que o normal, devido às restrições impostas pelas autoridades.
Recomendamos aos fãs que garantam seu ingresso o mais rápido possível.
Os lugares ‘VIP’ já estão esgotados, bem como os assentos nos lados leste, oeste e norte do ginásio.
Mas ainda existe um pequeno espaço na linha sul.
Obrigado pelo sucesso de cada torneio.”

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 23/06/2021
_
Legenda : O ‘BOM’ anuncia uma aliança de negócios com o ‘ONE’.
Foto acima : ( Cortesia | Créditos : ( C ) BOM Promotion Co. Ltd. | ( C ) Eiwa Sports Gym | ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Legenda : Os ingressos para o “BOM WAVE 05” em 4 de julho já estão quase todos esgotados.
Foto abaixo : ( Cortesia | Créditos : ( C ) BOM Promotion Co. Ltd. | ( C ) Eiwa Sports Gym | ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

199774436 177224427747056 2805850786204037902 n e3c69

 

Chang Min Yoon vence Jia Wen Ma por finalização no ONE: “Full Blast - Parte II”

O ONE Championship: “Full Blast - Parte II” aconteceu na sexta-feira ( 11 de junho ), à noite, no Singapore Indoor Stadium, em Singapura. O evento foi transmitido nos EUA com atraso no “ B / R Live ” ( horário do leste ).
O ‘card’ de quatro lutas contou com duas lutas de artes marciais mistas, uma luta de Muay Thai e uma luta de Kickboxing.

No ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação, Mongkolpetch Petchyindee ( Tailândia ) enfrentou Elias Mahmoudi ( França ) em uma disputa de Muay Thai.
Mongkolpetch entrou na luta com três vitórias em suas três participações dentro do ‘cage’ do ONE. Ele não lutava há quase um ano, quando venceu Sok Thy no ONE: “No Surrender 3”.
Seu adversário na última noite, Mahmoudi, é o quarto no ranking do peso mosca de Muay Thai. Ele já lutou no Japão no K-1 World GP ( em 2016 e 2017 ). Sua última luta foi no ONE: “Mark Of Greatness”, no final de 2019, quando venceu Lerdsila Chumpairtour.

Após três rounds de muita ‘trocação’, Mongkolpetch ( que manteve o fluxo total no último período ), acabou vencendo por decisão majoritária.

Já o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) trouxe Tsogookhuu Amarsanaa, um lutador da Mongólia que treina no Jackson Wink MMA, nos Estados Unidos. O mongol deu as boas-vindas ao invicto Ben Wilhelm, ( 4-0 ), atleta da Gracie Technics que havia finalizado todos os seus oponentes na carreira até aqui.

Amarsanaa também venceu a sua luta por decisão dos juízes após três rounds, naquela que foi a primeira exibição difícil de Wilhelm. O havaiano experimentou a derrota pela primeira vez e caiu para 4-1. Já Amarsanaa mostrou que pode causar problemas para qualquer um na divisão de peso leve e também melhorou tecnicamente durante o seu hiato. Seu recorde agora é de 6-2.

Em outro duelo de MMA da noite, vimos Jia Wen Ma ( China ) enfrentar Chang Min Yoon ( Coréia do Sul ) em uma luta na categoria de peso pena.
O sul-coreano vinha de quatro vitórias consecutivas e manteve esse ‘recorde’ com uma finalização rápida no primeiro round. Yoon fez uso de um arremesso de quadril enfático no início da luta para deixar Ma de costas. Ele logo encaixou o seu braço esquerdo sob o queixo do seu oponente. Não ficou claro se o lutador chinês realmente “bateu” em sinal de desistência, mas com o estrangulamento “mata-leão” cada vez mais apertado, o árbitro decidiu encerrar a luta.
O ‘registro’ de Ma cai para 6-4, enquanto Yoon sobe para 5-1.

No desafio de Kickboxing, Taiki Naito, ex-campeão japonês de “Shoot Boxing” no peso super galo ( 55 kg ) e que já acumula participações no ONE, encarou o lutador de Sanshou, Wenfeng Wang, cujo ‘recorde’ é de 41 vitórias, 8 derrotas e 1 empate.
O atleta do Japão acabou vencendo o chinês por decisão majoritária após três rounds.

O próximo evento do ONE Championship está programado para o dia 9 de julho. No entanto, com o governo de Singapura decidido à aliviar suas últimas restrições relacionadas ao coronavírus à qualquer momento, poderíamos ver o show do ONE: “Empower” remarcado para antes disso.

Por agora fique com os resultados do ONE: “Full Blast - Parte II” que incluem :

ONE: “Full Blast - Parte II”
11 de Junho de 2021
Singapore Indoor Stadium
Kaalang, Singapura

Muay Thai: Mongkolpetch Petchyindee venceu Elias Mahmoudi por decisão majoritária dos juízes
MMA: Tsogookhuu Amarsanaa venceu Ben Wilhelm por decisão unânime
MMA: Chang Min Yoon venceu Jia Wen Ma por finalização com estrangulamento ( mata-leão ) aos 1:46 do primeiro round
Kickboxing: Taiki Naito venceu Wenfeng Wang por decisão unânime

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 12/06/2021
_
Legenda : Chang Min Yoon venceu Jia Wen Ma com um “mata-leão”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Legenda : Chang Min Yoon comemorando a vitória sobre Jia Wen Ma.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).

Yoon Chang Min Ma Jia Wen FULL BLAST II 1920X1278 1 1536x1022 154ee

Confira os resultados do ONE: “Full Blast” realizado hoje em Singapura

 

Nesta sexta-feira, 28 de maio de 2021, o ONE Championship, maior organização de artes marciais do mundo, promoveu o ONE Championship: “Full Blast”, sediado no Singapore Indoor Stadium, em Singapura.
 
O ‘card’ de cinco lutas contou com três lutas de MMA. Destaque para o ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) entre o indiano Kantharaj Agasa e o principal peso mosca da China, Xie Wei. 
 
O indiano entrou na competição com um histórico mais impressionante do que seu oponente chinês e os dois homens alternaram bons momentos nos dois rounds iniciais, que contaram com muita ‘trocação’ e algumas tentativas de quedas.
 
Porém, Agasa, já com sangue escorrendo de um ferimento, optou por não voltar para o terceiro e último round.
 
Com a vitória, Wei melhorou o seu “recorde” para 7-3 e suas lutas pelo ONE Championship tem sido extremamente impressionantes até agora, com duas vitórias por paralisação médica e uma derrota ( por decisão ) discutível para o peso mosca Danny Kingad. O mesmo não pode ser dito de Agasa, citado no ‘site’ da franquia como “o melhor lutador de MMA da Índia”, que caiu para 11-3, depois de uma estreia nada impressionante.
 
Já o ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação nos trouxe uma batalha há muito esperada entre dois dos principais competidores de Muay Thai na categoria peso galo. Saemapetch Fairtex, simplesmente o 1º colocado no ranking da divisão, acabou parando o lutador que ocupava o 3º lugar, Kulabdam Sor. Jor. Piek Uthai, com um golpe de mão esquerda no corpo do “Meteorito Esquerdo”, ainda no round inicial.
 
Anteriormente, tivemos mais uma luta de MMA, em que o peso pena Edward Kelly ( 13-8 ) conquistou uma vitória por decisão dividida sobre Ahmed Faress ( 16-4 ). O egípcio chegou perto de concretizar uma tentativa de finalização com um triângulo já no segundo round, mas perdeu força no período final e viu a interrupção da sua seqüência de vitórias, após a leitura das papeletas dos juízes.
 
No início da noite, Anthony Do ( 8-4 ) finalizou Liang Hui ( 5-7-1 ) com um triângulo em um concurso de peso-chave.
 
Confira os resultados do ONE: “Full Blast” que incluem :
 
ONE: “Full Blast”
28 de Maio de 2021
Singapore Indoor Stadium
Kaalang, Singapura
 
Muay Thai: Saemapetch Fairtex venceu Kulabdam Sor Jor Piek U-Thai por nocaute aos 2:01 do primeiro round
MMA: Xie Wei venceu Kantharaj Agasa por “TKO” ( desistência ) após dois rounds de 5:00 cada
Kickboxing: Miles Simson venceu Santino Verbeek por decisão unânime
MMA: Edward Kelly venceu Ahmed Faress por decisão dividida
MMA: Anthony Do venceu Liang Hui por finalização ( triângulo ) aos 3:55 do segundo round
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 28/05/2021
_
Legenda : Xie Wei superou Kantharaj Agasa no ONE: “Full Blast”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).
Xie Wei winner 78801
 
Legenda : Xie Wei comemorando a vitória sobre Kantharaj Agasa.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).
 

Japonesa Ayaka Miura vence brasileira Rayane Bastos por finalização no ONE: “Dangal”

 

No sábado, 15 de maio de 2021, o ONE Championship promoveu o ONE: “Dangal”, no Singapore Indoor Stadium, em Singapura. O ‘card’ foi composto por quatro lutas de artes marciais mistas e uma luta de Muay Thai.
 
No ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação vimos Arjan Bhullar ( 11-1 ) fazer história ao se tornar o primeiro lutador de origem indiana à ganhar o título dos pesos pesados do ONE Championship e o segundo homem a deter o título da categoria na franquia de propriedade de Chatri Sityodtong.
 
Para realizar tal façanha ele teve que ‘detonar’ o então campeão Brandon Vera ( 16-9 ) por nocaute técnico no segundo round. Após Vera iniciar o segundo período “disparando” longos ‘jabs’ à distância, Bhullar - um ex-atleta olímpico de Wrestling - tentou quedas em seu adversário. Após Vera se agarrar à grade do ‘cage’, Bhullar finalmente levou o seu oponente ao chão, onde definiu a luta ao impor um pesado ‘ground and pound’ em Vera. 
 
O ‘co-main event’ ( ou “evento co-principal” ) trouxe um duelo na categoria peso pena sob as regras do Muay Thai, onde o astro tailandês Tawanchai PK Saenchai, de apenas 22 anos de idade, acertou um chute espetacular na cabeça do irlandês Sean Clancy para vencer por nocaute no terceiro assalto do confronto.
 
Em outra luta de MMA do ‘card’, Gary Mangat melhorou o seu “recorde” para 16-3 com uma vitória por decisão unânime sobre Roshan Mainam, da Índia ( 6-3 ).
 
Outra lutadora da Índia, Ritu Phogat ( 4-1 ), também sofreu revês semelhante. Ela perdeu para a norte-americana Bi Nguyen ( 6-6 ), mas por decisão dividida dos jurados, após três rounds.
 
Já o momento mais aguardado do ONE: “Dangal” - ao menos para nós, brasileiros - foi outra luta entre mulheres e que contou com a presença da paraense Rayane Bastos. A atleta da Equipe JB, estava invicta até então com quatro vitórias e um empate.
 
Contudo, a japonesa Ayaka Miura usou a técnica em que é especialista, o “scarf-hold americana”, para finalizar a brasileira com apenas 2m58 da luta realizada em peso “combinado” ( ou seja, ‘casado’ ) de 58kg. Esta foi a sexta vitória de Miura entre as 11 na carreira com essa mesma técnica, em que ela parte do controle lateral e aplica uma americana com as pernas ( ‘keylock’ ).
 
Confira os resultados do ONE: “Dangal” que incluem :
 
ONE: “Dangal”
15 de Maio de 2021
Singapore Indoor Stadium
Kaalang, Singapura
 
MMA : Arjan Bhullar venceu Brandon Vera por “TKO” ( socos ) aos 4:27 do segundo round 
Muay Thai: Tawanchai PKSaenchaigym venceu Sean Clancy por “KO” ( chute na cabeça ) aos 0:35 do terceiro round 
MMA : Bi Nguyen venceu Ritu Phogat por decisão dividida
MMA : Ayaka Miura venceu Rayane Bastos por finalização com ‘keylock’ ( “scarf-hold americana” ) aos 2:58 do primeiro round
MMA : Gary Mangat venceu Roshan Mainam por decisão unânime
 
*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 19/05/2021
_
Legenda : Ayaka Miura finalizou Rayane Bastos com a sua “marca registrada”.
Foto acima : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Divulgação ).
 
Legenda : Finalização incrível de Ayaka Miura sobre Rayane Bastos.
Foto abaixo : ( Créditos | Cortesia : ( C ) ONE Championship | Reprodução YouTube | Divulgação ).
s4e05m screenshot923215 ac032
 

Rio de Janeiro e São Paulo na disputa para sediar a edição de estreia do ONE Championship no Brasil

O ONE Championship continua crescendo cada vez mais. Após se consolidar como a maior promoção de MMA da Ásia na atualidade, a franquia está se dirigindo para o outro lado do mundo, mais especificamente para o Brasil. Durante essa semana, o ex-campeão do UFC Vítor Belfort esteve em reuniões com o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, e também com o prefeito de São Paulo, Bruno Covas.
Na sequência, foi anunciado que o ONE Championship realizaria um evento em uma das principais cidades brasileiras. Segundo as palavras do próprio Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, a capital carioca poderá sediar a primeira edição do ONE em nosso país : -“Iniciei uma parceria com o lutador Vitor ‘The Phenom’ Belfort a fim de trazer para o Rio de Janeiro o One Championship, uma organização de artes marciais mistas, conhecida por ser a atual melhor promoção de MMA na Ásia.”-postou Witzel, em anúncio feito nas redes sociais do governo. Hoje, o “fenômeno” revelou que também esteve em uma reunião de negócios com o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, e que o ONE Championship estará chegando a uma grande cidade da América do Sul. No início deste ano, Belfort assinou um contrato para lutar no ONE Championship, mas ainda deverá aguardar um pouco mais para fazer a sua estréia na promoção, uma vez que a edição inaugural da franquia em nosso país deverá ser mesmo no início de 2020, quando espera-se que o carioca faça a sua estréia no ‘card’ do Brasil. O lutador disse anteriormente que ele deseja fazer o seu ‘debut’ na promoção contra a lenda do boxe, Roy Jones Jr. sob as regras da “nobre arte”. Ainda com vistas à sua expansão internacional, espera-se também que o ONE Championship tenha o seu primeiro show nos Estados Unidos no próximo ano, quando Nova York deverá sediar a edição de estréia da promoção na terra do Tio Sam. *Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 19/07/2019
_
Foto : Rio de Janeiro e São Paulo estão no páreo para sediar a edição de estreia do ONE Championship no Brasil. No flagrante, o lutador Vitor Belfort após reunião com o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel. ( Cortesia | Créditos : ONE Championship | Governo do Rio de Janeiro).

ONE Championship anuncia parceria com o Pancrase

A incursão do ONE Championship no Japão promete remodelar o mercado de MMA mais antigo da Ásia, mesmo antes de sua estréia na Terra do Sol Nascente, em 31 de março. Depois de firmar uma parceria com o Shooto em janeiro, o ONE Championship anunciou outra parceria marcante, dessa vez com o Pancrase. Sob o acordo, todos os campeões do Pancrase terão a oportunidade de competir nos principais shows do ONE, enquanto os atletas do “Torneio Neo-Blood” do Pancrase poderão competir sob o ‘banner’ do “ONE Warrior Series”. Além disso, alguns lutadores amadores do Pancrase também terão a oportunidade de treinar na Evolve MMA em Cingapura. Vários atletas do Pancrase já fizeram a transição - com sucesso - para o ONE Championship, incluindo o ex-campeão peso-mosca Yuya Wakamatsu, que enfrentará o ex-campeão do UFC Demetrious Johnson no ONE: A New Era, show que acontecerá em Tóquio, no dia 31 de março. Os campeões do Pancrase atualmente competindo nos eventos do ONE incluem o ex-campeão do peso meio médio, Daichi Abe e o ex-campeão dos leves,  Kazuki Tokudome. O ‘chairman’ e CEO do ONE Championship, Chatri Sityodtong, declarou que está animado em trabalhar com o Pancrase, da mesma maneira que deu essa oportunidade ao Shooto. -“Estamos totalmente comprometidos em desenvolver o ‘ecossistema’ de artes marciais do Japão, do amador ao nível profissional. Nossa parceria com o Pancrase mostra mais uma vez a união entre as principais organizações de artes marciais do mundo para criar uma nova era nas artes marciais no Japão”-disse Chatri, em entrevista. Por sua vez, Masakazu Sakai, presidente do Pancrase, acrescentou que o acordo ajudaria a elevar o perfil de seus atletas. -“Acreditamos que esta parceria é o início de um relacionamento de longo prazo com o ONE Championship, e estamos ansiosos para moldar o futuro das artes marciais dentro e fora do Japão juntos. ”-declarou Sakai. O Pancrase foi fundado em 1993 pelos lutadores profissionais Masakatsu Funaki e Minoru Suzuki, com a origem de seu nome baseado no ‘Pankration’, uma forma de esporte de combate disputado nos antigos Jogos Olímpicos. A franquia já realizou mais de 300 eventos de 1993 para cá, produzindo alguns dos melhores artistas marciais do mundo, como Yuki Kondo, Bas Rutten, Josh Barnett e os irmãos Ken e Frank Shamrock, entre outros. *Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 14/03/2019
_ Foto : Andy Hata ( à esquerda ), Masakazu Sakai ( à direita ). Com a nova parceria entre os eventos, mais lutadores do Pancrase poderão competir no ONE Championship. ( Cortesia : Divulgação ONE Championship ).

Nota de esclarecimento pública

Website gratuito, não cobrança os nossos leitores ou visitantes, o único objetivo e a divulgação da informação e notícias reais, todos os créditos são de suas respectivas fontes e autores.

Em conformidade com as Leis:

Em conformidade com Artigo 46, I da Lei 9610/98 Brasil - Artigo 46, I da Lei 9610/98 e Lei nº 5.250 de 9 de fevereiro de 1967 - Lei 2083/53 | Lei nº 2.083 de 12 de novembro de 1953.

Para maiores informações e suporte jurídico consulte nosso advogado colaborador: Raphael Guilherme da Silva - OAB/SP Sob o Nº 316.914.

Caso discorde de algum artigo removeremos o mesmo de imediatamente e nós desculpamos de forma publica mediante uma retratação conforme a Lei se assim for solicitado.

Desde já muito obrigado.

Este portal de notícias e uma iniciativa de um Grupo de colaboradores voluntários sobre registro no Japão -目標新聞 (コネクション・ジャパン). - connectionjapan.com .

E é mantido pelos seus voluntários e colaboradores a fim de permitir que a colônia de Brasileiros possa ter acesso a essas informações de forma gratuita e a todos os demais visitantes que assim desejarem acessa nosso website.

Algumas observações na Lei n.º 9.610/98.

Uso de obra autoral para fins de estudo ou crítica;

Uso de obra autoral para exposição de um produto (por exemplo: uma loja de porta-retratos que expõe um porta-retrato contendo uma foto);

Uso de obra autoral para fim privado (se você compartihar com alguém, já não é mais uso privado!);

E outras previstas na Lei n.º 9.610/98.

« September 2021 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      

FreeCurrencyRates.com

Visitantes online

Advertising area




Contador de visitas

0.png3.png7.png8.png1.png0.png4.png
Hoje:485
Ontem:689
Últimos 7 dias:5381
Mês:53542
Total:378104

Conectados simultaneamente

1
Online

19-09-21

Parceiros

Go to top