ptzh-CNenfritjakoruesvi

Show de MMA Titan FC 60 será realizado no dia 29 de maio na Flórida, EUA

À medida que o mundo retoma as suas atividades gradativamente, as promoções de MMA também voltam a realizar os seus eventos. Com isso, o UFC não será a única franquia a realizar seus shows no mês de maio nos EUA, enquanto as restrições começam a diminuir.

Os oficiais do Titan Fighting Championship confirmaram que o Titan FC 60 será realizado na sexta-feira, dia 29 de maio, com cinco lutas de MMA e uma luta no estilo ‘Combat Grappling’.

O torneio terá lugar na Flórida, mas será realizado em um local não revelado e também não será aberto ao público. Contudo, será transmitido pelo UFC Fight Pass.

O Titan FC 60 foi anunciado oficialmente após conversas com o governo do estado, a Comissão Estadual de Boxe, o UFC, o prefeito de Miami e os senadores da Flórida, segundo Lex McMahon, diretor de operações do Titan FC.

-“Enquanto estamos empolgados em voltar à competição, trabalhamos duro para garantir a segurança de nossos atletas, nossos funcionários e funcionários da comissão que trabalharão conosco no evento. Trabalhamos no desenvolvimento de nosso plano de segurança com a Comissão de Boxe da Flórida e os governos estaduais e locais. Os principais componentes do nosso plano são: 1) números limitados no local, 2) testes, 3) distanciamento social prático e 4) ênfase no saneamento.”- disse McMahon.

No mês passado, o escritório do governador da Flórida, Ron DeSantis, considerou o esporte profissional de lutas como “atividade essencial”, uma vez que o entretenimento também é essencial para a vida humana, desde que as diretrizes sejam respeitadas em meio à pandemia do novo coronavírus.

Desde então, as gravações da WWE ( shows com lutas de ‘Telecatch’ ) e tês ‘cards’ consecutivos do UFC ( nos dias 9, 13 e 16 de maio, respectivamente  ) estão sendo realizados no estado da Flórida e o mundo norte-americano do MMA começou a passar para o próximo nível.

A atração principal do Titan FC 60 será uma luta no estilo ‘Combat Grappling’ entre Gesias “JZ” Cavalcante e Raush Manfio.

O brasileiro Gesias é famoso no continente asiático, principalmente no Japão, onde se apresentou em promoções de MMA do porte do K-1 HERO’S, DREAM e Ganryujima. O lutador também se tornou conhecido na China, onde lutou no Kungfu Union, um show de MMA realizado em Dalian ( uma grande cidade e porto marítimo do sul da província de Liaoning ).

Seu adversário, Raush Manfio, é um ex-campeão dos leves do Titan FC.

Segundo alguns jornalistas, o estilo ‘Combat Grappling’ é regulamentado pela ISKA e suas regras permitem golpes traumáticos ( como socos e chutes ), além técnicas de finalização, portanto o seu formato é bem próximo ao MMA.

Além dessa luta no estilo ‘Combat Grappling’, o Titan FC 60 contará ainda cinco lutas de MMA, como citamos anteriormente.

Veja como está o ‘card’ de lutas do “Titan FC 60” até o momento :

Titan FC 60
29 de maio de 2020
Flórida, EUA

Gesias “JZ” Cavalcante vs Raush Manfio - Combat Grappling
Frank Carrillo vs Ramy Hamed - MMA
Danny Sabatello vs Raymond Ramos - MMA
Mike Lilly vs Kendly St. Louis - MMA
Dany Gonzalez vs Sal Guerierro - MMA
Gustavo Villamil vs TBD - MMA

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 12/05/2020
_
Foto acima : O lutador brasileiro Gesias “JZ” Cavalcante, famoso no Japão, será a atração principal do Titan FC 60. ( Créditos | Cortesia : Acervo pessoal Gesias “JZ” Cavalcante | ( C ) fightsports | ( C ) FEG | Divulgação ).

Abaixo : O Titan FC 60 será transmitido pelo UFC Fight Pass. ( Créditos | Cortesia : ( C ) Titan FC | Divulgação ).

36339969 10160354934080447 7941581537475035136 o e0c3e

Divulgado o ‘card’ do Shooto 0531 que será realizado dia 31 de maio no Japão

A Japan Shooto Association confirmou a realização do Shooto 0531 no dia 31 de maio. O evento será promovido com a cooperação do ONE Championship e  as lutas serão transmitidas pela AbemaTV. Mas essa edição não será aberta ao público em geral e o local do evento não será revelado, assim como aconteceu com o “Road to ONE: 2nd” realizado no mês passado.

Contudo, não custa lembrar que a organização que remota às origens das artes marciais mistas tem experiência em promover ‘cards’ de lutas durante a pandemia.

Regulamentos bastante rígidos estarão em vigor como parte das medidas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus.
Será realizada uma termometria completa em todos os presentes, desinfecção das mãos com álcool, gargarejo e o local será esterilizado várias vezes ao dia por um especialista.

Os lutadores não poderão permanecer no local após as lutas e serão obrigados a registrar sua temperatura todos os dias no período de preparação que que antecede os combates, além de passar por verificações de temperatura também na noite do evento, como citado anteriormente.

Todos os ‘córners’ dos lutadores também serão obrigados a usar máscaras, luvas e roupas de proteção contra o vírus e os médicos do evento usarão roupas cirúrgicas.
Somente os atletas não utilizarão as máscaras de proteção ( e isso apenas durante as lutas ) bem como os árbitros centrais.

A pesagem agora ocorrerá no mesmo dia do evento e todos serão automaticamente movidos para uma categoria de peso acima, em sistema semelhante ao que será operado pelo ONE Championship, embora sem os testes de hidratação.

Quanto às lutas propriamente ditas, estas incluirão uma disputa de cinturão, algumas lutas casadas e as semi-finais do torneio da categoria peso átomo feminino.

Foi anunciado que o título provisório da categoria peso galo estará em jogo nesse Shooto 0531. O atual campeão Ryo Okada ( 15-4-3 ) estará defendendo o seu cinturão contra o invicto Kazuma Kuramoto ( 7-0 ).

Okada empatou com Tatsuya Ando em sua mais recente defesa do título no “Shooto 30th Anniversary Tour: 7th Round” em setembro passado. Atualmente, o lutador de 31 anos é o campeão incontestável do peso galo.

Kuramoto, por sua vez, iniciou a sua carreira no MMA relativamente tarde. O  atleta de 33 anos estreou profissionalmente em 2017 e venceu todas as suas sete lutas, obtendo uma vitória por nocaute técnico sobre o experiente Yuta Nezu no “Shooto 30th Anniversary Tour” em novembro passado.

Também teremos um confronto no peso leve entre Akiyo Nishiura ( 14-9-1 ) e Keisuke Sasu ( 5-1-1 ).

Nishiura não tem competido regularmente no MMA. Ele foi derrotado por Kleber Koike Erbst no “Road to ONE” no ano passado, mas conseguiu uma vitória por decisão sobre Andy Souwer em um ‘card’ do RIZIN em 2017.
O veterano enfrentará um lutador 11 anos mais novo.

Já Keisuke Sasu vingou-se da única derrota em toda a sua carreira quando venceu Derricott Yamamoto por decisão majoritária no “Shooto 30th Anniversary Tour”, em novembro passado.

O ‘card’ também apresentará as semi-finais do torneio da categoria peso átomo feminino.
Saori Oshima ( 1-0 ) enfrenta Mina Kurobe ( 14-5 ), enquanto Mirai Nakamura ( 2-1 ) lutará com Megumi Sugimoto ( 4-1 ).

Os duelos entre Takeaki Kinoshita vs. Yamato Nishikawa ( peso leve ) e Hayato Ishii vs. Tsubasa Saito ( peso pena) completam a programação.

Shooto 0531
31 de maio de 2020
Tóquio, Japão

Ryo Okada (c) vs. Kazuma Kuramoto ( válido pelo título provisório de peso galo )
Keisuke Sasu x Akiyo Nishiura ( peso leve )
Megumi Sugimoto x Miku Nakamura ( semi-final do torneio peso átomo feminino )
Mina Kurobe x Saori Oshima ( semi-final do torneio peso átomo feminino )
Takeaki Kinoshita x Yamato Nishikawa ( peso leve )
Hayato Ishii x Tsubasa Saito ( peso pena)

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 09/05/2020
_
Foto : Megumi Sugimoto e Miku Nakamura lutam em uma das semi-finais do torneio da categoria peso átomo feminino. ( Créditos | Cortesia : ( C ) Japan Shooto Association | ( C ) ONE Championship | AbemaTV ).

Fábio Maldonado se coloca à disposição para lutar com Mike Tyson

Depois de vários anos de dificuldades financeiras, o boxeador Mike Tyson está mantendo outros negócios que caminham em paralelo. Ele dirige o seu popular “podcast” ( Hotboxin’ With Mike Tyson ), montou uma instituição de caridade ( Mike Tyson Cares Foundation ) e cuida de uma fazenda dedicada ao cultivo da erva ‘cannabis’ ( Tyson Ranch ).

Agora, o ex-campeão dos pesos pesados de boxe anunciou que pretende retornar - 15 anos depois de se aposentar - e fazer lutas exibição de três ou quatro ‘rounds’ para ajudar pessoas carentes ou dependentes de drogas, além de arrecadar recursos para ações de caridade com as vítimas do coronavírus.

Mike Tyson, inclusive, já compartilhou com os seguidores de suas redes sociais detalhes de sua rotina de treinamento para voltar aos ringues de boxe.

-“Faço duas horas de cárdio, ando de bicicleta e esteira por uma hora, depois faço alguns pesos leves, 300, 250 repetições. Então começo o treino de boxe, vou lá e bato as manoplas, 30 minutos, 25 minutos, começo a ficar em melhores condições. Estou começando a juntar essas combinações. Pretendo fazer três ou quatro lutas de exibição para ajudar algumas instituições de caridade além de outras coisas.”-disse o pugilista.

Mike Tyson, atualmente com 53 anos, contabiliza ao todo em seu cartel 58 vitórias, sendo 44 delas por nocaute, e 6 derrotas.
Em 1986, então com 20 anos de idade, ele se tornou o mais jovem campeão mundial dos pesos pesados. Em 1987, Mike Tyson conquistou títulos mundiais da Federação Internacional do Boxe e da Associação Mundial de Boxe.

Atualmente, Tyson se reverteu ao Islamismo. Seu nome muçulmano é Malik Abdul Aziz.

Quem já se colocou à disposição para lutar com ‘Iron Mike’ foi o paulista Fábio Maldonado, lutador de boxe e MMA. Ele torce para ser um dos possíveis adversários de Tyson ( idolatrada por Maldonado ). O atleta - que iniciou a sua carreira nas lutas em 1997 no boxe amador e migrou para o boxe profissional em 2002 - vê com bons olhos essas lutas de exibição em prol da caridade.
A informação nos foi passada por um dos ‘managers’ do “caipira de aço”, como é conhecido o lutador que completou 40 anos no último dia 17 de março.

No MMA profissional desde o ano 2000, Fabio Maldonado tem 26 vitórias e 14 derrotas na carreira e acumula apresentações pelo UFC e RIZIN. O atleta vem de vitória sobre Pelu Adetola em sua última luta realizada sob as regras do MMA no Serbian Battle Championship 27, em 14 de março.

Por outro lado, Maldonado voltou a amargar uma derrota em sua última luta de boxe profissional. No último dia 28 de fevereiro, o brasileiro foi derrotado nas regras da nobre arte por Carlos Takam ( decisão dos jurados ), no Star Boxing Rocking Fights, evento realizado em  Huntington, New York, EUA.

O atleta também planeja continuar competindo e revelou ter planos até o fim deste ano, tanto no boxe, quanto no MMA.

Contudo, ainda não está certo se Maldonado irá realizar esse seu desejo de lutar com Mike Tyson. Onde e quando e sob quais regras ?

Se a internet é um guia, certamente há interesse. Segundo o próprio Anderson Silva, ex-detentor do cinturão do peso médio do UFC, existe a possibilidade de realização dessa luta.

Mas e para você ? Quem vence essa provável luta ? Mike Tyson  ou Fabio Maldonado ?

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 08/05/2020
_
Foto : Fábio Maldonado vai lutar com Mike Tyson ? Segundo Anderson Silva, ex-campeão peso médio do UFC, vai sim. ( Créditos | Cortesia : Acervo pessoal Fábio Maldonado | Divulgação ).

Eventos com lutas de Muay Thai retornarão à partir do dia 15 de Junho

A pandemia de covid-19 atingiu o Muay Thai com força na Tailândia, com torneios e estádios sendo os primeiros a fechar devido a quarentena decretada em Bangkok à partir de 21 de março e que, inicialmente, duraria 14 dias. Com o aumento de casos e mortes, além da prorrogação do confinamento, o toque de recolher foi decretado.

Sem qualquer renda, muitos lutadores voltaram para suas províncias onde o treinamento parou. Os lutadores juntaram-se assim à milhões de desempregados por causa do vírus, que devastou as indústrias de turismo, entretenimento e restaurantes da Tailândia.
Para a maioria dos lutadores profissionais na Tailândia, o ringue serviu como uma saída da pobreza para eles e suas famílias.

O governo prometeu uma entrega mensal em dinheiro de 5.000 baht ( R$ 800 ) aos trabalhadores afetados.
Mas lutadores sem licença específica não são elegíveis para o auxílio, diz Jade Sirisompan, da Organização Mundial de Muay Thai.

Contudo, os lutadores poderão retornar aos ringues em breve, pois com o aparente controle da pandemia, a quarentena deverá terminar já no final de maio e a proibição das lutas nos estádios deverá cair em meados do mês de junho.

Inclusive, já foi anunciado pela mídia geral e especializada que os estádios de boxe tailandês ( Muay Thai ), notoriamente o Ratchadamnoen ( ou Rajadamnern ) e o Lumpinee, deverão reabrir em 15 de junho. A notícia também foi confirmada por um dos organizadores do esporte em Bangkok, capital e cidade mais populosa da Tailândia.

Sumet Suesattabongkoch, um promotor de Muay Thai do Estádio Ratchadamnoen, disse que as lutas provavelmente serão transmitidas apenas pela TV e que o público não poderá assistir às lutas dentro dos estádios.

-“A boa notícia é que há esperança para a indústria do boxe tailandês, pois já se comenta que os [estádios] serão destravados até, mais tardar, 15 de junho.”-disse Sumet.

Ele também expressou condolências por aqueles que morreram na pandemia do coronavírus e pediu ao governo tailandês para ajudar a indústria do Muay Thai que foi atingida com força pelo novo vírus.

-“Gostaria de pedir a todos da indústria do boxe tailandês que aguentem um pouco mais. Tudo ficará bem em breve.”-complementou Sumet.

Dezenas de infecções por coronavírus na Tailândia foram atribuídas a uma noite de lutas em 6 de março no Estádio Lumpinee. As lutas ocorreram nas instalações pertencentes ao exército, apesar de uma ordem de fechamento emitida pelo governo. A arena lotada levou a centenas de contaminações, incluindo o locutor, funcionários do estádio, políticos e oficiais do exército.

Mais tarde, os militares anunciaram uma investigação sobre o incidente, mas nenhum resultado foi publicado até o momento da publicação desta matéria.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 05/05/2020
_
Foto : O boxe tailandês se tornou popular em todo o mundo graças aos filmes de Jean Claude Van Damme e aos lutadores que representaram o Muay Thai nas competições de MMA, além de eventos como o K-1. ( Créditos | Cortesia : tvtoday.de | Pinterest.com | Divulgação ).

Women’s Bushido Rin deverá ter edição de estreia dia 23 de Maio no Japão

A cena do MMA no Japão anda devagar, quase parando, com os eventos sendo remarcados para datas posteriores.
O “Road to ONE: 2nd” realizado em Tóquio no mês passado foi uma exceção a essa regra.

No próximo dia 17 de maio o Dojo Chakuriki Japan estará promovendo o campeonato “CHAKURIKI 6-Branko Cikatic Memorial-”, um torneio realizado sem público em Osaka e com distribuição apenas pela internet.

Já no dia 23 de Maio, ( sábado ),será a vez de uma nova e intrigante organização de lutas chamada Women’s Bushido Rin ou “Bushido Rin feminino” promover o seu ‘card’ inaugural.
A competição deve apresentar uma mistura de regras únicas situadas em algum lugar entre as artes marciais mistas ( MMA ), “Ganryujima”, RINGS e ‘Telecatch’ ( luta livre profissional ).

As lutas serão compostas por um único ‘round’ de 10 minutos ( 5 minutos para as lutas eliminatórias ) e ocorrerão em um tatame circular. As competidoras deverão usar o “Gi” ( quimono ), mas o comprimento das mangas será opcional, e estas deverão usar também calções ou shorts, além de calçar as luvas de MMA.

As lutas começarão em pé e serão permitidos socos, chutes e joelhadas. Cotoveladas serão proibidas. As quedas serão permitidas, bem com os arremessos, desde que estes não joguem as oponentes ‘de cabeça’. No caso de um “knockdown”, será aberta uma contagem de 10 segundos. Será imposto um prazo de 30 segundos para a luta no solo e golpes na cabeça de qualquer tipo no chão serão proibidos.

O Women’s Bushido Rin ou “Bushido Rin feminino” oferecerá uma variedade de maneiras para se vencer uma luta. Um nocaute em que a adversária não consegue se recuperar durante a contagem até 10 garantirá a vitória, assim como um nocaute limpo. No solo, as vitórias podem vir por finalização ou por paralisação médica. Ao contrário das regras do MMA, as participantes também podem garantir uma vitória empurrando ou jogando as suas adversárias para fora da área de luta algumas vezes ( no caso desse evento, em particular, 10 vezes. Ou 5 vezes para as lutas de 5 minutos ). Por fim, imobilizar os dois ombros da adversária no tapete ( encostamento ) por 3 segundos também garantirá a vitória.

O ‘card’ do programa de estréia do Women’s Bushido Rin será encabeçado por lutadoras do “Team Date”, que enfrentam adversárias vindas de vários outros estilos de lutas.

O evento será realizado na Star Rise Tower, que mantêm vários estúdios como Terra, Jupiter, Venus, etc. que são preparados para sediar vários eventos, como filmagens diversas, desfiles de moda, apresentação de novos produtos, exposições, shows, exibições públicas, festas, entre outros.

Veja como está o ‘card’ do “Women’s Bushido Rin” até o momento :

Women’s Bushido Rin
23 de Maio de 2020
Star Rise Tower
Tóquio, Japão

Combate especial de ‘tag team’, 70 kg ( 15 minutos x 1R )
Nao Date vs Yuiga ( Pro Wrestling )
Nori Date vs Yuko Hayashi ( Judô )

Luta casada, 45kg
Hana Date vs Yayoi Inoue ( Kickboxing )

Luta casada, 55 kg
Karen Date x Melty Kira ( anfitriã de combate )

P.S.: Para maiores informações sobre como chegar ao local do evento, acesse o site da Star Rise Tower clicando no ‘link’ abaixo ( ou então, copie e cole no seu navegador ) :
http://starrise-tower.com/

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 04/05/2020
_
Foto : O Women’s Bushido Rin será liderado por lutadoras do “Team Date”. Nao, Nori, Hana e Karen Date. ( Créditos | Cortesia : ( C ) Women’s Bushido Rin | Divulgação ).

Promoção de lutas Wu Lin Feng retorna à China com novos ‘cards’ no mês de Maio

As medidas anti-epidêmicas aplicadas ativamente na China mostraram-se eficazes e promoveram a retomada da produção no país.
Agora, em meio à propagação da epidemia global foi anunciado que a promoção chinesa Wu Lin Feng será reiniciada a partir do mês de maio.

O Wu Lin Feng é o show de artes marciais mais antigo da China, tendo sido criado em 2003 e atualmente o programa é televisionado pela Henan TV.

Desde 2007, a competição se tornou mais internacional, trazendo novos desafiantes de outros países e realizando filmagens no exterior, inclusive na Holanda, Alemanha, Reino Unido, Portugal, Romênia, Rússia, Nova Zelândia, Tailândia, Laos, Emirados Árabes Unidos, Canadá e Estados Unidos. Os participantes incluem lutadores de K-1, profissionais de artes marciais mistas, lutadores de Muay Thai e praticantes de Wushu ( Kung Fu ) e Sanda ( Boxe Chinês ). Em 2013, o show foi classificado entre os 100 principais programas de televisão por satélite e cabo mais vistos na China.

Apesar de ser uma promoção de Kickboxing, o WLF também realiza esporadicamente algumas lutas de MMA, em eventos sob o nome “EPIC”. Em 2017 os eventos foram renomeados para ‘WARS’.

O Wu Lin Feng também lançou um novo evento chamado ‘New Generation’ ainda 2015.

Uma das primeiras edições internacionais listadas da franquia foi batizada de “Wu Lin Feng 2009 - EUA vs China” e teve lugar no LV Hilton Hotel & Casino, em Las Vegas, Nevada, EUA, em 30 de agosto de 2009.
Já o show mais recente foi o “WLF W.A.R.S. 41” que teve o sub-título ‘Zheng vs Freitas’ e foi realizado em Zhengzhou, Henan ( região da China ) em 03 de janeiro de 2020.

Para esse seu retorno, o WLF lançará o mais forte “Chinese King Championship” para criar uma nova geração de estrelas das lutas enquanto os confrontos internacionais ainda não podem ser promovidos nos eventos.

Assim sendo, à partir desse mês de maio, a WLF realizará a ‘China Supreme Kings Battle’, que selecionará oito atletas talentosos e atrativos para o mercado com vistas à tornarem-se estrelas da China e que competirão por dois cintos supremos nacionais de ouro.

Os lutadores disputarão em lutas válidas pela liga por 4 meses até a final do campeonato no mês de agosto e as disputas serão compostas por lutadores multiétnicos vindos de todas as regiões da China para reunir a mais forte linha de lutadores chineses.

Com esse intuito, o WLF realizará torneios eliminatórios em quatro categorias distintas de peso : 60 kg, 63 kg, 65 kg, 70 kg.

O novato Wang Jin está focado em manter o cinto da competição entre os 32 jovens talentosos com maior potencial de desenvolvimento hoje, que lutarão na forma de disputa em grupo e eliminação cruzada para competir nos quatro níveis pelo novo cinto da competição.

Também serão realizadas algumas lutas casadas e alguns nomes com experiência em promoções do porte do K-1, Krush, Enfusion e no próprio WLF já estão confirmados, segundo produtor do evento, Wu Lin Yu.

O WLF voltará à ser transmitido pela Henan TV a partir do dia 2 de maio e o horário de transmissão será às 19:30 ( horário local ) todos os sábados.

<< Resumo do evento >> Nome: WLF2020 China Super Champion League
Data : sexta-feira, 15 de maio de 2020

<início> Local: cidade de Zhengzhou, província de Henan, China
Direto da Henan Television Special Studio

Datas: 15 de maio, 5 de junho, 3 de julho, 31 de julho e 29 de agosto ( final ).

Lutadores selecionados :

Time A
Jao Chung Yang ( Campeão Mundial do Enfusion de 2019 na categoria 60 kg )
Ju Shuai ( Campeão do WLF pela categoria de 60 kg em 2016 )
Fan Fader ( Campeão do WLF pela categoria de 63 kg em 2016 / 2017 e Campeão do WCF World Kung Fu King )
Jin Yin ( Estreante no WLF pela categoria de 60 kg em 2015 )

Time B
Jar Ao Chi ( Campeão da Copa do Mundo do WLF em 2019 )
Wei Lui ( Campeão intercontinental da WLF pela categoria 63kg em 2014 / ex-campeão leve do K-1 )
Wang Pong Fei ( Campeão do WLF pela categoria 65kg em 2019 )
Ryu Shan Min ( Campeão do peso médio no 70º aniversário do torneio )

<< Resumo do evento >> Nome: WLF2020 China Super Rookie Champion League
Data : sexta-feira, 15 de maio de 2020

<início> Local: cidade de Zhengzhou, província de Henan, China
Direto da Henan Television Special Studio

Datas : 15 de Maio, 5 de Junho, 3 de Julho <semi-finais> em 31 de julho <final do torneio>29 de Agosto de 2020

Categorias de peso : 60 kg, 63 kg, 65 kg, 70 kg. Sendo 8 atletas para cada categoria de peso em um total de 32 lutadores.

Categoria de peso 60 kg
Lee Yuen Kun, Shwe Sheng Jen e 6 outros

Categoria de peso 63 kg
One Ji Wei, Jen Feng e 6 outros

Categoria de peso 65 kg
Pan Ja Yun, Jao Chuan Lin e 6 outros

Categoria de peso 70 kg
Jishan, Song Xiao Chu e 6 outros

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 30/04/2020
_
Foto : O Wu Lin Feng voltará à ser transmitido pela Henan TV a partir de 2 de maio e o horário de transmissão será às 19:30 ( horário local )  todos os sábados. ( Créditos | Cortesia : ( C ) Wu Lin Feng | WLF | Henan TV | Divulgação ).

Novos shows de MMA e Kickboxing são anunciados na Coréia do Sul

O mundo do MMA sul-coreano reiniciou as suas atividades “passo à passo” e o ‘cage’ voltará à ser montado com frequência no país que constitui a parte sul da península coreana durante as próximas semanas e meses.

O RAC, um evento de MMA que foi realizado pelo Road FC em cooperação com a Afreeca TV terá a sua segunda edição no próximo dia 27 de junho ( sábado ) enquanto a sua terceira etapa será realizada no dia 25 de julho ( também um sábado ).

Os próximos shows terão lugar no HOT6 Afreeca Coliseum em Jamsil, Songpa-gu, Seul, capital da Coréia do Sul, ou seja, no mesmo local da sua edição inaugural, conforme revelou o Road FC.

Além disso, um outro show de MMA, o DOUBLE G FC será realizado também em Seul, no dia 24 de julho ( sexta-feira ), um dia antes do ARC 003.

Já o Angel’s Fight será realizado no dia 17 de agosto. A promoção - famosa por ser a primeira organização de lutas de MMA à fazer doações de caridade continuamente em todo o mundo - anunciou que retomará as atividades na cidade de Paju, província de Gyeonggi, adjacente à Coréia do Norte.
Por estar localizada ao sul da cidade de Panmunjeom, no Paralelo 38 N ( uma linha imaginária que está à 38 graus ao norte da Linha do Equador ), Paju serviu para a instalação de muitas bases do exército norte-americano e sul-coreano na cidade, com o objetivo de proteger a capital Seul.

Enquanto isso, para a felicidade dos amantes dos torneios de “trocação” ou ‘lutas em pé’, os promotores do Kickboxing MAX FC Contender Series 20 anunciaram que o evento será retomado na cidade de Daegu ( ou Taegu), situada no sudeste do país, no sábado, 4 de julho. Ou seja, o evento será realizado antes mesmo do próximo show anunciado pelo ARC.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 09/06/2020
_
Foto :  Além dos atletas coreanos, o lutador do Uzbequistão, Davron Kholmatov, que vive em Seul, participou do primeiro torneio do ARC. ( Cortesia | Créditos : ( C ) ARC |  ( C ) Road FC | ( C ) AfreecaTV | Divulgação ).

Campeão uruguaio Adrián Olmos lutará em Mauriti - CE no final do ano

Desde o início das suas atividades no dia 20 de junho de 2014, o Circuito Nordestino de K-1 vem se adaptando às crises que assolam o nordeste brasileiro e de lá para cá vem conquistando um espaço modesto no cenário nacional.

O Grão Mestre Eduardo Moraes - Presidente do evento - nos informou que garantiu grandes investimentos privados na plataforma do evento, desde a estrutura de iluminação, que passará à contar com mais de 70 refletores, às plataformas de ‘Live Streaming’ que passarão também a transmitir as próximas edições do evento via redes sociais e vídeos “AO VIVO”. Para tanto, também disponibilizará 4 câmeras simultâneas para fazer as transmissões das lutas.

Além disso, o evento não esquece a sua função de caráter social - que o caracteriza desde as suas primeiras edições - e também vai adotar medidas de ajuda humanitária para um movimento que distribui alimentos à famílias carentes da região Nordeste, uma vez que desde o seu ingresso oficial na promoção de lutas de boxe profissional, a franquia despertou um interesse maior por parte dos empresários parceiros do evento e com essas novas tecnologias de transmissão irá satisfazer a vontade do empresariado nas redes sociais e YouTube.

Agora, após sediar edições nos estados de Pernambuco, Alagoas e Paraíba, o “maior evento de ‘trocação’ do Nordeste” está de volta à cidade de Mauriti, no interior do estado do Ceará.

A próxima edição está inicialmente agendada para o final do ano, entre os meses de novembro e dezembro.

O ‘main event’ ( ou “evento principal” ) da programação trará uma disputa de título mundial de Kickboxing pela WPKB na categoria de 61kg entre o uruguaio Adrián “El Problemático” Olmos e o brasileiro Raylande.

Adrián Olmos é campeão uruguaio e treina desde criança. Ele é filho do mestre chamado Gustavo Martirena. Seu ‘currículo’ é composto por mais de 20 lutas amadoras e 3 lutas profissionais, sendo 2v e 1d.

Já Raylande, natural da cidade de Ipojuca-PE, é campeão N/NE e brasileiro pelo CIAM-WKPB e agora passará à figurar no ranking internacional. O pernambucano é atleta da equipe KIAI, chefiada por Thimoteo Barros, faixa preta 3° dan.

Além desse confronto envolvendo lutadores do Brasil e Uruguai, teremos ainda a participação de outros atletas das regiões Norte e Nordeste do Brasil, entre estes, Anderson Silva, ( do Bibiano Team, equipe de Juazeiro do Norte-CE ), Jeibson ( PB ) e Vandeilson ( CE ), vencedores da 21ª edição do Circuito Nordestino de K-1.

Atletas interessados em lutar ou que desejam obter maiores informações sobre as próximas etapas, favor entrar em com o presidente do Circuito Nordestino de K-1, Grão Mestre Eduardo Moraes, pelo número : ( 88 ) 9 9468 4226.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 08/06/2020
_
Foto : Adrián “El Problemático” Olmos disputará o título mundial de Kickboxing pela WPKB. ( Créditos | Cortesia : Assessoria de imprensa do evento | Eliane Barreto ).

Entrevista exclusiva com a grande diretora e incentivadora do cinema Brasileiro Luma Perucci

Hoje conversamos com Luma Perucci. Atriz, produtora e diretora do cinema nacional. Luma - como muitos sabem - além de trabalhar no ramo cinematográfico, também é praticante e apaixonada pelas artes marciais. Em seu ‘curriculum’ constam os treinamentos de Kung Fu e Taekwondo. Com a finalidade de dar um tom de realidade em seus filmes, ela costuma incluir a participação de mestres e lutadores profissionais como parte do elenco.

1) Boa noite Luma. Conte-nos um pouco de sua história e como você iniciou no ramo da televisão?
R: Iniciei na minha época de Juventude com papéis pequenos em programas de TV, ai fui fazendo amizades e abrindo minha visão sobre produção.

2) O que lhe levou a trabalhar com cinema?
R: Sempre fui apaixonada por filmes, comecei sendo atriz e dali as oportunidades surgiram e eu as agarrei.

3) Quantos filmes você tem em sua carreira como diretora?
R: DESTINOS DESFEITOS, SOBREVIVER 2.4, A FORÇA DE UM LUTADOR, VINGANÇA EXTREMA e agora vou começar o longa UM HERÓI NO BANCO DOS RÉUS.

4) O que lhe levou a buscar mão de obra qualificada como os profissionais das Artes Marciais para atuar em seus filmes?
R: Sempre pratiquei Artes Marciais como Kung Fu e Taekwondo, sou fã de MMA, assistindo desde lutas nacionais ao UFC. Daí resolvi convidar alguns lutadores e praticantes que também já eram atores dando a chance para que eles mostrassem algo.

5) Cite alguns atletas, no caso lutadores ou mestres, que você tenha encaminhado ao cinema?
R: Na verdade, o único lutador que introduzi foi o Marcelo Barreira ( participante do sobreviver 2.4 ), pois os outros já tinham experiências como atores. Para os outros eu apenas juntei seus talentos marciais com a experiência que tinham junto as câmeras. Sendo eles, José Reis ( membro diretor de cinema, coreografo e Mestre de Kung Fu ), Isaac Dantas, Michelle Santana e Donizete Pereira Luma.

6) Fale um pouco sobre seu novo filme? Do que se trata, onde se passa? ( hahahaha ... )
R:Eu ganhei o livro de um amigo, Runy Debson Danillo Machado, escritor do livro : “Um herói no banco dos réus”. O livro me gerou uma forte emoção, então dali em diante, resolvi dirigir um filme baseado no livro e agora procuro uma produtora para trabalharmos em parceria e tenho certeza que será um grande sucesso.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 04/06/2020
_
Foto acima :  A cineasta, diretora, atriz e roteirista Luma Perucci, durante o lançamento do seu longa metragem independente “Vingança Extrema”. ( Cortesia | Créditos : Acervo Pessoal Luma Perucci | Divulgação ).

Abaixo : Sobreviver 2.4, um filme de Luma Perucci e José Reis, contou com a participação do lutador de MMA Marcelo Barreira. ( Cortesia | Créditos : Acervo Pessoal Luma Perucci | Divulgação ).

15326313 748250595330162 8844222873653566119 o dfb65

Confira a opinião dos especialistas em artes marciais após o sucesso do 1º IAMAP International Webnary

Em tempos de pandemia do novo coronavírus ( Sars-Cov-2 ), o vírus responsável pela doença Covid-19, a maior parte da população teve que deixar de lado a sua rotina diária e isso de maneira repentina. Por muitas vezes tendo que se reinventar e adaptar as suas práticas às exigências do momento, desde as atividades mais simples até aquelas mais complexas.

Visto o atual momento, um grupo de amigos liderado pelo Mestre Daniel Lucena, presidente da Associação Shaolin Internacional de Artes Marciais ( ASIAM ) e vice presidente mundial da União Internacional de Artes Marciais da América ( UIAMA ), após se reunirem durante dias seguidos em conversas nos grupos de WhatsApp chegaram à um consenso que visa desenvolver maneiras práticas de manterem suas discussões diárias, novos aprendizados e dinamizar seus papos rotineiros. Assim sendo, foi inaugurada a International Alliance Martial Arts Professionals ( IAMAP ) com o intuito de manter professores e alunos de academias associadas em atividade e manter o mercado aquecido.

Foi assim que, após dias e dias de conversas, postagens de treinos individuais de amigos em suas casas ( algumas vezes até mesmo com familiares ao lado ) e outros treinos sozinhos, o grupo decidiu fundar a IAMAP e assim ter seu primeiro encontro internacional com amigos que se encontravam ensinando e praticando artes marciais nos mais diferentes Países.

Para tanto, foi escolhido o formato de ‘Webnário’. O nome ‘Webinário vem do termo em inglês ‘Webinar’, que significa “Web-Based-Seminar”, ou “seminário baseado em rede”.

De maneira geral, podemos definir um ‘Webinário’ como um “seminário online”. Ou seja, é uma apresentação, muitas vezes transmitida ‘ao vivo’ pela internet, para discutir algum tema específico.

Essa primeira classe contou com participantes do Brasil, Argentina, Paraguai, Chile, China, Espanha, Equador, Peru, Bolívia, Japão e Estados Unidos e para lecionarem foram escolhidos os renomados profissionais e figuras conhecidas no mundo das artes marciais, como o Grão Mestre “Torrão” e o faixa preta Michael Gracie.

Grão Mestre “Torrão” é faixa preta 10º dan em Kickboxing e tri-campeão mundial na modalidade, com um cartel de aproximadamente duzentas lutas, tendo vencido e se confrontado com alguns dos maiores nomes do esporte no Brasil e no mundo.
Já Michael Gracie é faixa preta 4º dan em Jiu-Jítsu brasileiro, campeão mundial de Jiu-Jítsu, campeão do United States Wrestling Championships, campeão pan-americano de Jiu-Jítsu, campeão do ‘The Warriors Vale Tudo’ e campeão do ‘The Cage Championship’, entre outros títulos.

Após o ‘Webinário’ ( que teve uma duração de aproximadamente duas horas ), houveram muitas opiniões favoráveis, o que mostra que o saldo foi positivo. Entre os que elogiaram a iniciativa estão o Mestre João Dias Ferreira ( Brasília-DF ), que é ‘Headcoach’ da International Police Confederation e JD Defese System.
-“Eu fico muito feliz e honrado de ter participado e aprendido junto a esses dois importantes ícones das artes narciais.”-afirmou o Mestre João Dias Ferreira, que foi o principal responsável pela idealização, organização e realização do ‘Webinário’, reunindo os outros mestres aqui citados.

Já o Mestre Valdeí dos Anjos ( Osasco-SP ), que também foi um dos organizadores do ‘Webinário’ assim se manifestou :
-“Temos que agradecer a todos os membros pelo saldo positivo e espero que todos os membros continuem na união, pois juntos somos mais fortes.”-disse ele.

Também colhemos a opinião do Grão Mestre “Torrão” :
-“Muito boa a oportunidade de falar sobre minha visão de luta, algo que foi adquirido através de muitos anos em cima dos ringues. Fico muito feliz por essa união com grandes profissionais e também, acima de tudo, com grandes amizades que fiz através desses anos nas artes marciais, o qual considero um grande triunfo, esses amigos que fazemos.”-acrescentou o ‘Kickboxer’.

Michael Gracie também ficou satisfeito com o resultado :
-“Vejo a união dos amigos e a forma de treinarmos juntos, mesmo de longe, de uma forma muito positiva e fico feliz de poder ajudar sempre.”-comentou Michael, que ressalta sobre o treinamento e encontros virtuais apenas como auxílio, complementando que após isso tudo terminar e as coisas voltarem ao normal, todos deverão retornar aos seus treinamentos, junto aos seus respectivos treinadores e mestres na academia, como deve ser.

O mestre Daniel Lucena - idealizador do grupo e da nova forma de manter profissionais do mundo inteiro conectados - expôs o seu ponto de visto sobre o “seminário online”. Ele crê que o futuro dos eventos após o término dessa pandemia será positivo :
-“É uma honra contarmos com vários países, trocar experiências e colocar nossa mente em prol de um mundo melhor, falarmos uma linguagem global das artes marciais e acima de tudo fortalecermos as artes marciais.”-esclareceu o mestre.

Também não menos importante foi a opinião do campeão de MMA Marcelo Barreira :
-“Gostei muito, porque além de rever algumas técnicas sob o olhar e perspectiva de especialistas, também conversamos após o treinamento, o qual foi um grande enriquecimento teórico, além de prático.”-encerrou o lutador que acumula experiência em grandes organizações como XFC, WUFC, Hombres de Honor, MMA Champions League e GPG, entre outras.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 03/06/2020
_
Foto acima : O ‘flyer’ de divulgação do 1º IAMAP International Webnary. ( Cortesia | Créditos : Acervo Pessoal Marcelo Barreira | Divulgação ).

Abaixo : O 1º IAMAP International Webnary foi um sucesso e contou com a participação de nomes consagrados do esporte, como o faixa preta 4º dan em Jiu-Jítsu brasileiro, Michael Gracie. ( Cortesia | Créditos : Acervo Pessoal Michael Gracie | Divulgação ).

101685112 273429750704280 8346687714736734208 n a7bb3

Nota de esclarecimento pública

Website gratuito, não cobrança os nossos leitores ou visitantes, o único objetivo e a divulgação da informação e notícias reais, todos os créditos são de suas respectivas fontes e autores.

Em conformidade com as Leis:

Em conformidade com Artigo 46, I da Lei 9610/98 Brasil - Artigo 46, I da Lei 9610/98 e Lei nº 5.250 de 9 de fevereiro de 1967 - Lei 2083/53 | Lei nº 2.083 de 12 de novembro de 1953.

Para maiores informações e suporte jurídico consulte nosso advogado colaborador: Raphael Guilherme da Silva - OAB/SP Sob o Nº 316.914.

Caso discorde de algum artigo removeremos o mesmo de imediatamente e nós desculpamos de forma publica mediante uma retratação conforme a Lei se assim for solicitado.

Desde já muito obrigado.

Este portal de notícias e uma iniciativa de um Grupo de colaboradores voluntários sobre registro no Japão -目標新聞 (コネクション・ジャパン). - connectionjapan.com .

E é mantido pelos seus voluntários e colaboradores a fim de permitir que a colônia de Brasileiros possa ter acesso a essas informações de forma gratuita e a todos os demais visitantes que assim desejarem acessa nosso website.

Algumas observações na Lei n.º 9.610/98.

Uso de obra autoral para fins de estudo ou crítica;

Uso de obra autoral para exposição de um produto (por exemplo: uma loja de porta-retratos que expõe um porta-retrato contendo uma foto);

Uso de obra autoral para fim privado (se você compartihar com alguém, já não é mais uso privado!);

E outras previstas na Lei n.º 9.610/98.

« October 2021 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

FreeCurrencyRates.com

 

Contador de visitas

0.png4.png0.png5.png6.png9.png5.png
Hoje:512
Ontem:1139
Últimos 7 dias:5731
Mês:22049
Total:405695

Conectados simultaneamente

24
Online

23-10-21

Visitantes online

Parceiros

Go to top