Print this page

Amazon fecha 340 lojas online de companhia chinesa

Amazon fecha 340 lojas online de companhia chinesa Fonte: Imagem divulgaçao

Lojas operadas pela Shenzhen Youkeshu Technology foram fechadas por alegada violação de regras da Amazon.

A Amazon fechou 340 lojas online operadas por uma das maiores varejistas chinesas da plataforma no primeiro semestre deste ano, enquanto a gigante do e-commerce dos EUA intensifica sua repressão contra reviews pagos e outras violações.

A ação foi tomada contra lojas operadas pela Shenzhen Youkeshu Technology Co. por alegada violação de regras da Amazon, sem fornecer quaisquer detalhes, de acordo com um arquivo da matriz Tiza Information Corp.

As lojas afetadas, as operações as quais a Amazon proibiu ou congelou, formaram 30% da presença varejista total da Youkeshu na plataforma, de acordo com a Tiza.

Ela disse que mais de 130 milhões de yuans ($20.08 milhões) dos fundos da Youkeshu foram congelados e estimou que suas vendas no primeiro semestre deste ano devem ser reduzidas em 40 a 60 por cento.

A Tiza disse em seu arquivo que “regras em plataformas de e-commerce têm sido endurecidas, visto que violação de direitos e manipulação de reviews continuaram a aumentar”.

O caso da Youkeshu marca o mais recente golpe à comunidade “Made in China, vendida na Amazon”, incluindo varejistas da China continental que debandaram para a plataforma dos EUA em uma tentativa de alcançar clientes internacionais.

Enquanto a Youkeshu também operem lojas em outros sites incluindo eBay, Wish e Aliexpress, a companhia afiou seu foco na Amazon no ano passado com “um estoque estratégico” para a plataforma, disse a Tiza.

Fonte: China Morning Post

Read 244 times

Last modified on Sexta, 16/07/2021