Japão registra mais de 100 infecções da Covid-19 pela primeira vez desde maio

O número diário de novos casos de coronavírus registrados no Japão na sexta-feira superou os 100 pela primeira vez desde 9 de maio, somando sinais de que a epidemia está ganhando força desde que o país diminuiu as restrições comerciais e sociais.

Dos 105 casos, Tóquio relatou 54 – 31 deles conectados à indústria da vida noturna, como nos chamados clubes de anfitriões, onde clientes pagam para beber e se divertir com homens ou mulheres mais jovens.

Desde que o Japão suspendeu inteiramente um estado nacional de emergência em 25 de maio, registrou mais de 70 novos casos de COVID-19 por seis dias e o número acumulado relatado a cada semana vem aumentando gradualmente. Era 291 há duas semanas, 407 na semana passada, e atingiu mais de 500 nesta semana.

Embora Tóquio tenha visto o número mais alto, mais da metade do total da semana mais recente, o governador Yuriko Koike negou na sexta-feira que o aumento é uma segunda onda de infecção, citando opiniões de especialistas em saúde pública.

O governador de Tóquio disse que um novo sistema de alerta para coronavírus, substituindo o atual “alerta de Tóquio”, deve ser introduzido no final deste mês.

Pessoas andam no distrito de Kabukicho em Tóquio em 24 de junho de 2020. (Créditos: Kyodo)

Sob o sistema existente, Tóquio precisa emitir o alerta sob certas condições, como se o número médio diário de novos casos exceda 20 em uma semana e a taxa de rotas desconhecidas de infecção suba para mais de 50%.

Cerca de metade das pessoas infectadas nos distritos noturnos de Tóquio na sexta-feira eram da Ala Shinjuku, que abriga Kabukicho, famosa por vários tipos de boates.

O governo metropolitano disse que 40 dos infectados tinham entre 20 e 30 anos.

“A infecção é limitada a pessoas mais jovens e há uma chance menor de ficar grave. Não se espalhou amplamente na cidade como no início de abril, quando muitas de várias gerações foram infectadas”, disse uma autoridade de Tóquio.

O governo metropolitano, há uma semana, retirou seus avisos contra locais como locais de música ao vivo e boates.

Os casos relatados sexta-feira pelas prefeituras de Ibaraki e Kanagawa, perto de Tóquio, bem como da província de Hyogo, no oeste do Japão, incluíram passageiros da capital ou alguém que teve contato próximo com uma pessoa infectada de Tóquio.

Hokkaido, no norte do Japão, também registra pelo menos uma nova infecção por dia desde 7 de abril.

Até o momento, foram registradas mais de 18.970 infecções no Japão, incluindo 712 do navio Diamond Princess que estava em quarentena em Yokohama, perto de Tóquio, em fevereiro. O número de mortos pelo vírus no país foi de 984, sem nenhum relato na sexta-feira.

Fonte: Mainichi // Créditos da imagem: Kyodo

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments