Pessoas com problemas de saúde têm seis vezes mais chances de serem hospitalizadas com o Covid-19

Pessoas com problemas de saúde subjacentes, como doenças cardíacas e diabetes, têm seis vezes mais chances de serem hospitalizadas com Covid-19 e têm risco de morte relacionada ao coronavírus 12 vezes maior do que indivíduos saudáveis, segundo um estudo americano.

Os homens tiveram mais chances do que as mulheres de ter resultados ruins, e a prevalência de hospitalizações e mortes foi maior entre pacientes com 70 anos ou mais, de acordo com um relatório do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA que confirmou relatos semelhantes de hotspots de surtos em meses recentes.

“Essas descobertas são consistentes com relatórios anteriores que descobriram que os resultados graves aumentaram com a idade e a condição subjacente, e os homens foram hospitalizados em uma taxa mais alta do que as mulheres”, escreveu o CDC em seu relatório divulgado na segunda-feira.

Ao analisar dados de mais de 1,3 milhão de pacientes do Covid-19 entre 22 de janeiro e 30 de maio, o CDC constatou que as condições de saúde subjacentes mais prevalentes em casos mais graves eram doenças cardiovasculares, diabetes e doenças pulmonares crônicas.

Cerca de 45% dos pacientes que tinham condições de saúde subjacentes foram hospitalizados, em comparação com 7,6% daqueles sem problemas de saúde crônicos.

A morte por Covid-19 foi relatada em 19,5% dos pacientes com complicações de saúde, em comparação com 1,6% das pessoas que não sofriam de doenças crônicas.

Isso destaca a necessidade contínua de estratégias de mitigação, especialmente para pessoas em risco, afirmou a agência.

Fonte: Guardian

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments