Polícia encontra ácido altamente tóxico perto de Akihabara, suspeita de descuido durante o transporte

A polícia encontrou um recipiente com vazamento do que parecia ser ácido fluorídrico altamente tóxico em um bairro no centro de Tóquio na manhã de 4 de junho, depois de receberem uma ligação de um transeunte que um líquido com cheiro estranho havia sido derramado na estrada.

Oficiais da Delegacia de Polícia de Manseibashi, do Departamento de Polícia Metropolitana, correram para o local no distrito de Kandasudacho, na ala de Chiyoda, para identificar a substância.

A polícia interrompeu o tráfego em uma área de cerca de 100 metros por cerca de 2 horas, enquanto membros da Unidade de Materiais Perigosos do Corpo de Bombeiros de Tóquio lidavam com o material desinfectando a estrada e outras medidas. Ninguém ficou ferido.

Segundo a Delegacia de Manseibashi, o contêiner pertence a uma empresa vizinha que produz produtos químicos. Na manhã do incidente, uma van de entregas parou na rua em frente à empresa para carregar mercadorias. O veículo foi carregado com ácido fluorídrico de uma fábrica separada e parece que um contêiner caiu acidentalmente na estrada.

A polícia está investigando a possibilidade de outro veículo passar sobre o contêiner, causando vazamento do líquido. O incidente ocorreu em um bairro cheio de prédios de escritórios e condomínios, a cerca de 300 metros ao sul da estação JR Akihabara.

O ácido fluorídrico é uma substância tóxica designada sob a Lei de Controle de Substâncias Venenosas e Deletérias, e é usado na pintura fosca de vidro, bem como na limpeza de metais. Se entrar em contato com o corpo, pode ser extremamente doloroso ou até causar a morte. Na prefeitura de Shizuoka, em 2012, uma mulher que usava sapatos cobertos com a substância sofreu necrose nos dedos dos pés.

Fonte: Mainichi // Créditos da imagem: Mainichi/Takuya Suzuki

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments