Rússia registra mais de 10.000 novos casos de coronavírus pelo sexto dia consecutivo

A Rússia registrou mais de 10.000 novos casos de coronavírus pelo sexto dia consecutivo, depois de emergir como um novo hotspot da pandemia.

Uma contagem do governo na sexta-feira mostrou 10.669 novos casos nas últimas 24 horas, menos do que o recorde de 11.231 na quinta-feira, elevando o número total de infecções confirmadas para 187.859.

O país também registrou 98 novas mortes pelo vírus, num total de 1.723, e enquanto algumas autoridades estão considerando diminuir o atual bloqueio, a OMS alertou que a Rússia está passando por uma “epidemia tardia”.

A Rússia agora ocupa o quarto lugar na Europa em termos de número total de casos, segundo uma contagem da AFP, atrás de países onde a epidemia atingiu consideravelmente mais cedo: Grã-Bretanha, Itália e Espanha.

O diretor de emergências da OMS, Michael Ryan, disse em um briefing virtual que “a Rússia provavelmente está passando por uma epidemia tardia” e deve “aprender algumas das lições” que tiveram um grande custo em outras partes do mundo.

Na quinta-feira, o prefeito de Moscou, Sergei Sobyanin, anunciou uma extensão de um bloqueio na capital, onde a maioria dos casos está concentrada, até 31 de maio.

Ele também estabeleceu uma regra de que as pessoas devem usar máscaras e luvas nos transportes públicos e nas lojas e anunciou que o bloqueio será suspenso para indústrias e projetos de construção.

Os residentes da capital só podem deixar suas casas para breves viagens a uma loja, passear com cães ou viajar para trabalhos essenciais com permissão.

Fonte: Guardian

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments