Governadora de Tóquio pede que moradores se isolem até 6 de maio

A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, pediu que os moradores da capital – com uma população de mais de 13 milhões de habitantes – se isolem até 6 de maio, a partir da meia-noite de terça-feira, em meio à pandemia do COVID-19 em andamento.

A medida ocorreu após a declaração do estado de emergência do primeiro-ministro Shinzo Abe, no início do dia, e depois de Tóquio relatar 80 casos adicionais, elevando o total da capital para 1.196.

Este é o primeiro de três “pedidos” que o governador é capaz de emitir de acordo com a lei, agora que Abe declarou uma emergência nacional, segundo autoridades. Se o governador passar para o segundo nível, ele poderá identificar publicamente aqueles que não cumprem. No terceiro e mais alto nível, ela pode emitir uma “diretiva” para residentes e empresas.

Ainda assim, disseram as autoridades, o governador não tem o direito legal de punir aqueles que não cumprirem.

“Fique em casa”, disse Koike durante uma entrevista coletiva na terça-feira. “Eu já disse isso inúmeras vezes agora. Devemos tomar as medidas necessárias para proteger nossas próprias vidas, as vidas de nossa família e entes queridos e daqueles que nos rodeiam”.

Fonte: Japan Times // Créditos da imagem: Kyodo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.