Adriano “The Rock” Balby poderá lutar boxe ‘sem luvas’ no Bare Knuckle FC

O lutador Adriano Balby foi procurado pelo BKFC para lutar nos EUA. ( Créditos | Cortesia : Acervo pessoal Adriano Balby | Bare Knuckle Fighting Championship ).

Maior promoção de boxe ‘sem luvas’ ou “Bare Knuckle Boxing” da atualidade, o Bare Knuckle Fighting Championship ( BKFC ) continua trabalhando duro para se adaptar à realidade atual.

Já existem “várias opções sobre a mesa” : grandes acordos de televisão, locais maiores, novas contratações de lutadores e muito mais.

O presidente David Feldman e sua equipe também estão desenvolvendo novos conteúdos que manterão os fãs entretidos à medida que a pandemia do novo coronavírus ( Sars-Cov-2 ), o vírus responsável pela doença Covid-19, se intensifica nos Estados Unidos.

E enquanto aguardam o retorno da normalidade, o Bare Knuckle FC continua contactando lutadores com vista à tê-los em seu ‘plantel’ para futuras lutas.

Um destes é o brasileiro Adriano “The Rock” Balby, que foi procurado pelo evento, devido ao seu histórico nas artes marciais mistas e ao seu poder de nocaute.

Para quem ainda não sabe, o manauara tem a experiência de já ter lutado em cinco categorias de peso diferentes ( 120, 110, 93, 84 e 77 Kgs ) e é Campeão internacional de MMA, com títulos conquistados em três continentes.

Adriano Balby acumula um ‘recorde’ de mais de 20 lutas no MMA, embora seu registro no site ‘Sherdog’ aponte apenas 16-03-0. Entre seus títulos conquistados recentemente está o de campeão dos meio-médios ( categoria até 77 kg ) do evento “REBEL FC” disputado na China.

Balby está em atividade nas competições de MMA desde 1998, quando as lutas eram disputadas praticamente sem regras, sem luvas e sem limite de peso, ou seja, ainda no formato do antigo ‘Vale Tudo’, por isso ele acredita que não terá dificuldades para se adaptar às regras do “Bare Knuckle Boxing” ou boxe ‘sem luvas’ e promete nocautear na sua estréia nesse evento que só cresce e para onde os lutadores brasileiros estão migrando.

Apesar do adiamento do BKFC 12 ( que estava originalmente programado para 11 de abril ) e do BKFC 13 ( marcado para o dia 16 de maio ), foi anunciado recentemente que o BKFC 11 ( que deveria ter sido realizado no dia 14 de março ), agora deverá ser promovido no 20 de junho.

Mesmo que a pandemia avance nos EUA e só comece à cair em julho, agosto ou “talvez até mais tarde”, o show ainda poderá ser remarcado mais uma vez.
O certo é que assim que a crise desapareça, a promoção voltará aos trilhos e o crescimento desse novo esporte de combate continuará.

Adriano Balby poderá lutar já nesse ‘card’ do BKFC 11.
Então ele se juntará à nomes como Gabriel “Napão” Gonzaga, Antonio “Bigfoot” Silva e Thiago “Pitbull” Alves, brasileiros que já fazem parte do ‘plantel’ de lutadores do BKFC, empresa que é sinônimo do esporte de boxe ‘sem luvas’ assim como o UFC é para o MMA no momento.

Outros nomes consagrados da franquia são o cubano Hector Lombard, que acumula participações nas maiores promoções de MMA do mundo, como o UFC, Bellator e PRIDE, entre outras, e o norte-americano Bobby Lashley, ex-Strikeforce e ex-Bellator, além de atual astro da WWE.
O lutador, que compete tanto no no MMA quanto no Pro Wrestling, já anunciou que deverá lutar no BKFC em 2021.

Assim sendo, só nos resta aguardar, pois o BKFC fará o seu retorno à indústria do esporte em um futuro relativamente próximo.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 22/03/2020

O ‘flyer’ do BKFC 11, que deverá ser realizado no próximo dia 20 de junho. ( Créditos | Cortesia : Kevin Smith | Bare Knuckle Fighting Championship ).
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments