Escolas em 13 cidades no Japão retomam as aulas nesta segunda

Algumas escolas de ensino fundamental e médio no Japão retomaram as aulas na segunda-feira, cerca de duas semanas após o fechamento para impedir a propagação do novo coronavírus.

O ministério da educação pediu aos conselhos de educação de todo o país em 28 de fevereiro que fechassem suas escolas como parte dos esforços para conter o surto, mas o pedido não era obrigatório e ficou a cargo das autoridades locais decidir quanto tempo a suspensão duraria.

Considerando que infecções pelo vírus causador de pneumonia não se espalharam em suas comunidades, os conselhos de educação das cidades de Toyama, Shizuoka, Hamamatsu e Naha, bem como a província de Okinawa, decidiram encerrar os fechamentos nas escolas que administram.

O fechamento das escolas afetou significativamente a vida das crianças e de seus pais.

“Quero aproveitar o restante da minha vida escolar até a cerimônia de formatura daqui a dois dias”, disse Junon Matsushita, 12 anos, que chegou à escola primária Aoi em Shizuoka pela manhã junto com muitas outras pessoas que usavam máscaras.

O garoto disse que passou as últimas duas semanas estudando e brincando com seu irmão de 18 anos, cuja escola secundária também estava fechada.

A escola decidiu manter as mesas dos alunos separadas e abrir janelas para ventilação, a fim de evitar possíveis infecções após o reinício das aulas. Os professores também verificaram relatórios escritos enviados sobre a temperatura corporal e as condições de saúde das crianças nas últimas semanas.

De acordo com uma pesquisa anterior da Kyodo News, 18 conselhos educacionais planejavam reabrir escolas na segunda-feira. Treze deles, no entanto, decidiram estender seus fechamentos até a primavera, que normalmente termina no início de abril.

Os 13 são os conselhos de educação das cidades de Sapporo, Saitama, Yokohama, Osaka, Sakai, Kobe, Saga e Miyazaki, e as prefeituras de Kyoto, Hyogo, Kumamoto, Saga e Kagoshima.

Muitos outros conselhos educacionais do país anunciaram desde o início que manteriam suas escolas fechadas até as férias de primavera.

Enquanto isso, a prefeitura de Shimane e a cidade de Matsue não fecharam suas escolas.

Fonte: Mainichi // Créditos da imagem: Kyodo

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments