Kyoto tem 2 novos casos de Covid-19

Uma criança que freqüentava uma creche aqui no oeste do Japão foi encontrada infectada com o novo coronavírus depois de testada porque teve contato próximo com um trabalhador da instalação que contraiu o vírus, anunciou o governo municipal de Kyoto em 11 de março.

O caso é a oitava infecção por coronavírus confirmada na cidade de Kyoto e a 15ª na prefeitura de Kyoto.

Segundo o governo da cidade, a criança frequenta uma creche municipal na Ala Minami da antiga capital. Depois que um trabalhador de meio período na casa dos 30 anos foi encontrado infectado com o novo coronavírus em 9 de março, a criança foi submetida a uma triagem como alguém que mantinha contato próximo com o trabalhador.

O trabalhador a cidade de Osaka, no oeste do Japão, em 24 de fevereiro. Várias pessoas que estavam no local em fevereiro foram encontradas infectadas com a nova cepa do vírus.

A criança teve diarréia e vomitou nos dias 8 e 9 de março e visitou uma instituição médica na cidade, segundo autoridades municipais. O jovem mais tarde deu positivo para o novo coronavírus em 11 de março, mas sua condição é declaradamente estável.

A criança, que mora com dois guardiões na cidade, não estava usando o transporte público para ir à creche. A instalação foi fechada desde 10 de março após a confirmação da infecção pelo funcionário.

Entre aqueles que tiveram contato próximo com a funcionária, 43 pessoas – seis de seus parentes, 24 colegas e 13 crianças na creche – apresentaram resultados negativos para o novo coronavírus. A cidade continuará realizando testes em 58 outras crianças na instalação.

Em um desenvolvimento separado, um funcionário de meio período no escritório da enfermaria de Ukyo, em Kyoto, foi encontrado infectado com o novo coronavírus, revelaram autoridades da cidade em 11 de março. A cidade desinfetou a instalação depois de encerrar seus serviços em 4 de março naquele dia e suspenderá suas operações nos dias 12 e 13 de março.

De acordo com a cidade, a funcionária, uma mulher de 50 anos que mora na cidade, trabalha na seção de atendimento ao cidadão do escritório da ala três vezes por semana. Ela ficou encarregada de verificar os avisos de entrada e saída dos dados inseridos nos terminais, e entregar certificados aos visitantes, entre outras tarefas.

Ela sentiu fadiga e dores nas articulações enquanto estava de serviço em 2 de março e estava de folga no dia seguinte. Depois de trabalhar em 4 de março, ela desenvolveu uma febre de 38 graus durante a noite. Ela está ausente do trabalho desde 5 de março e deu negativo para influenza em um hospital naquele dia, mas sua febre não diminuiu.

Quando a mulher visitou outro hospital em 10 de março, ela foi diagnosticada com pneumonia após uma tomografia computadorizada (TC). Mais tarde, ela testou positivo para o novo coronavírus na tarde seguinte. Ela ainda tem febre de 37,5 graus Celsius.

As últimas descobertas revelaram que a mulher entrou em contato próximo com pelo menos 16 pessoas em seu local de trabalho. A cidade examinará ainda mais sua família e amigos quanto ao vírus.

Fonte: Mainichi

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments