Professor agride aluno em prestigiada escola de Tóquio

Um professor de uma prestigiada escola secundária de Tóquio agrediu um aluno como castigo corporal em meados de setembro e o deixou com uma costela quebrada, disseram fontes da investigação e outras fontes com o conhecimento do assunto.

O professor de 30 anos na Escola Secundária da Universidade Ochanomizu foi interrogado pela polícia por suspeita de agredir o aluno do segundo ano depois da escola, e admitiu amplamente a acusação, segundo as fontes.

A escola é conhecida por ser frequentada pelo príncipe Hisahito, de 13 anos, filho do príncipe herdeiro Fumihito.

A escola consultou a polícia sobre o incidente no final de setembro e realizou uma reunião de emergência para os pais para explicar o que aconteceu, disseram as fontes, acrescentando que o garoto já se recuperou de sua lesão.

“É fato que houve um incidente inapropriado, mas não podemos fornecer detalhes enquanto estamos consultando a polícia”, disse um funcionário de relações públicas da escola.

Em 26 de abril, a escola teve um intruso deixando facas na mesa da sala de aula do príncipe Hisahito. Um homem preso três dias depois por causa do caso expressou críticas ao sistema imperial e disse aos investigadores que pretendia agredir o sobrinho do imperador Naruhito, que é o segundo na fila do trono. A sala de aula estava vazia no momento de sua intrusão.

Fonte: Kyodo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.