Curto-circuito elétrico é causa provável do incêndio no castelo Shuri-jo

O incêndio de 31 de outubro que destruiu grande parte do castelo Shuri-jo foi provavelmente causado por um curto-circuito elétrico no salão principal de Seiden, que foi destruído, segundo os investigadores, citando marcas de queimaduras.

A polícia da província de Okinawa e o corpo de bombeiros da cidade estão concentrados na fiação elétrica defeituosa no lado nordeste do salão de Seiden.

O corpo de bombeiros disse em 6 de novembro que um curto-circuito foi quase certamente a causa do incêndio no patrimônio mundial da UNESCO.

No mesmo dia, a Fundação Okinawa Churashima e os envolvidos na gestão do parque do castelo Shuri-jo revelaram em uma entrevista coletiva que mais duas estruturas foram danificadas pelo incêndio, elevando o número total para nove.

De acordo com a fundação, um guarda de segurança e alguns de seus funcionários deixaram o salão Seiden às 21h35 em 30 de outubro, depois de fechar as persianas do salão principal. Um detector de calor instalado no interior disparou às 2:34 da manhã de 31 de outubro. Enquanto isso, ninguém havia entrado no salão principal.

O disjuntor do salão principal é desligado automaticamente todas as noites às 21h30. O disjuntor foi desligado como de costume em 30 de outubro. Somente câmeras de segurança, sensores de alarme de incêndio e outros dispositivos são operados eletricamente depois disso.

Fontes investigativas disseram que várias marcas de queima foram encontradas na fiação elétrica no salão principal.

Sete câmeras de segurança foram instaladas dentro do salão Seiden, de três andares, mas haviam sido desligadas.

Observando que as imagens exibiram horários incorretos, os investigadores estão tentando determinar se as câmeras foram desligadas devido ao incêndio ou devido a uma falha elétrica no salão de Seiden antes do incêndio, disseram as fontes.

Fonte: Asahi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.