Templo Yakushiji inicia apresentações especiais e abre interior para visitas

O templo de Yakushiji, Patrimônio da Humanidade, está abrindo sua sala de jantar Jikido, a torre Saito e a sala Genjo-sanzoin Garan ao público para uma apresentação especial até 30 de novembro.

No interior do Jikido, onde monges comem e realizam cerimônias espirituais, está a “Amida Sanzon Jodo-zu”, uma pintura de 6 metros quadrados de uma tríade de Buda. O refeitório foi reconstruído em 2017.

A obra de arte é cercada por uma série de murais com 50 metros de comprimento, detalhando a introdução do budismo no Japão e o estabelecimento do templo.

Todos são obra de Toshio Tabuchi, um discípulo do renomado pintor japonês Ikuo Hirayama.

“O Amida Sanzon Jodo-zu era inspirador e suas cores vivas eram tão bonitas. Os murais também eram magníficos ”, disse Makiko Takahashi, 53, executivo de Sapporo, que visitou o templo.

Na torre Saito, os visitantes podem conferir estátuas de bronze representando as últimas quatro das oito fases da vida de Buda, chamadas de “Shaka Hasso”.

Uma estátua do monge Genjo-sanzo e a pintura de parede de Hirayama intitulada “O Grande Tang das Regiões Ocidentais” estão em exibição no salão Genjo-sanzoin Garan.

Um ingresso especial que dá acesso ao Jikido, Saito e Genjo-sanzoin Garan, bem como ao salão Hakuho Garan geralmente aberto ao público, custa 1.600 ienes (US $ 14,74) para adultos.

Fonte: Asahi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.