Trudeau vence eleições, mas perde maioria

O primeiro-ministro canadense Justin Trudeau ganhou um segundo mandato nas eleições nacionais do Canadá na segunda-feira, perdendo a maioria, mas apresentando resultados inesperadamente fortes, apesar de ter sido enfraquecido por uma série de escândalos que mancharam sua imagem como um ícone liberal.

O partido liberal de Trudeau ocupou o maior número de cadeiras no Parlamento, dando-lhe a melhor chance de formar um governo. No entanto, ficar aquém da maioria significava que os liberais teriam que confiar em um partido da oposição para aprovar legislação.

“Não é exatamente o mesmo que 2015. Nem tudo é devido ao líder”, disse Robert Bothwell, professor de história e relações internacionais do Canadá na Universidade de Toronto. “Trudeau é primeiro-ministro porque o resto do partido conseguiu se recompor e prevalecer. Embora Trudeau certamente mereça crédito pelo que aconteceu, ele realmente precisará demonstrar qualidades que ainda não demonstrou”.

Ainda assim, os resultados foram uma vitória para Trudeau, cuja imagem nítida foi atingida depois que fotos antigas dele em blackface e brownface surgiram no mês passado.

“Estou surpreso com o desempenho de Trudeau”, disse Nelson Wiseman, professor de ciências políticas da Universidade de Toronto. “Acho que ninguém esperava que Trudeau conseguisse a maioria, mas eles não estão tão longe assim”.

Com os resultados ainda escassos no início da terça-feira, os liberais tinham 156 cadeiras – 14 a menos que as 170 necessárias para a maioria na Câmara dos Comuns, com 338 cadeiras.

“Esta noite os canadenses rejeitaram a divisão e a negatividade. Eles rejeitaram cortes e austeridade. Eles elegeram uma agenda progressiva e uma forte ação sobre as mudanças climáticas ”, disse Trudeau na terça-feira.

Fonte: The Associated Press