Tufão n°19 causa grandes inundações e transborda 9 rios

Diversas inundações foram relatadas quando o tufão 19 atingiu o Japão de 12 a 13 de outubro, causando chuvas recordes que fizeram com que os rios transbordassem em muitos locais, incluindo nas prefeituras de Tóquio, Shizuoka e Saitama.

O Ministério da Terra disse que nove rios administrados pelo governo central e prefeituras entraram transbordaram em diversos pontos a partir das 6 da manhã de 13 de outubro.

Na ala de Setagaya, na capital, na noite de 12 de outubro, o rio Tamagawa transbordou em suas margens e inundou áreas residenciais e estradas.

Áreas residenciais inundadas após o colapso das margens do rio Chikumagawa em Nagano na manhã de 13 de outubro (Foto: Asahi / Mari Endo)

O rio Chikumagawa invadiu Nagano e Ueda, ambos localizadas na província de Nagano, assim como o rio Ushibuchigawa em Kikugawa, província de Shizuoka e o rio Tokigawa em Higashi-Matsuyama, província de Saitama.

De acordo com o Departamento de Desenvolvimento Regional de Hokuriku do Ministério da Terra, o nível da água do rio Chikumagawa subiu e as margens do rio começaram a entrar em colapso às 13h15 de 13 de outubro.

No início da manhã do dia 13, muitas casas no distrito de Nagano foram inundadas e moradores foram forçados a ficar em seus telhados e varandas, acenando em busca de ajuda.

As autoridades do ministério disseram também que vários muros corta-mares desmoraram, e diz que os danos foram grandes em áreas costeiras.

Na província de Miyagi, o rio Abukumagawa que atravessa Marumori, uma cidade na parte sul da prefeitura, bem como seus afluentes, transbordou.

A sede da prefeitura informou que as águas da enchente deixando muitos distritos da cidade isolados, inclusive infiltrando edifícios.

Estradas inundadas e deslizamentos de terra também foram observados nos arredores.

Um helicóptero das Forças de Autodefesa resgata moradores de casas inundadas em Nagano em 13 de outubro (Foto: Asahi / Mari Endo)

O escritório do governo da cidade escapou da enchente, mas os telefones ficaram inoperantes devido a falta de energia na cidade. Cerca de 3.300 casas da cidade sofreram com a falta de serviços na noite de 12 de outubro.

O pessoal das forças de autodefesa e bombeiros realizaram operações de resgate.

No distrito de Mizunuma de Ishinomaki, na província de Miyagi, um homem de 60 anos desapareceu desde as 21h. em 12 de outubro.

De acordo com a divisão de medidas de crise da cidade, o homem estava patrulhando o bairro junto com alguns outros moradores para verificar se havia árvores caídas nas estradas. O homem estava andando na parte de trás da fila, quando outros notaram que ele estava desaparecido. Acredita-se que o homem tenha escorregado e caído em um riacho próximo.

Segundo a polícia da prefeitura, uma pessoa em Marumori sofreu uma parada cardiopulmonar e foi transportado para um hospital.

Fonte: Asahi

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments