‘Seguro contra Bullying’ popular no Japão, mas escolas não apresentam soluções

O bullying é um problema sério no Japão, com a quantidade de incidentes relatados aumentando em mais de 91.000 somente em 2017. Infelizmente, o problema não parece ter uma solução no horizonte, já que as escolas costumam ser lentas ou até indispostas a resolver problemas, o que deixa muitas crianças na espera.

Uma das maneiras mais populares de as crianças se intimidarem hoje em dia é pela Internet. Os alunos usam fóruns, o aplicativo de mensagens Line e o Twitter para postar rumores sobre seus colegas de classe, compartilhar assuntos pessoais sem a permissão deles e falar mal um do outro.

Esse comportamento está aumentando constantemente e, com o avanço da tecnologia, as crianças estão ficando cada vez melhores e cada vez mais maliciosas.

Por isso, neste ano, a companhia de seguros japonesa Yell começou a oferecer seguro contra bullying, para ajudar a compensar os possíveis custos legais que poderiam resultar do bullying. O plano de seguro custa apenas 2.640 ienes por mês, e centenas de pais preocupados já se inscreveram.

O objetivo principal da apólice parece ser o seguro legal. Aqueles que ingressarem em um plano de seguro contra agressores terão acesso a uma consulta inicial gratuita com um advogado quando surgir um problema, bem como um serviço gratuito de consulta por telefone e apoio na procura de um advogado.

A empresa também pode ajudar a mitigar quaisquer reclamações de danos contra a escola ou o agressor e reembolsará até 70% de todas as taxas pagas ao advogado.

O seguro também cobrirá as taxas médicas associadas a uma lesão, incorrida ou perpetrada, pelo seu filho durante um incidente de bullying, além de fornecer uma compensação por bens quebrados ou destruídos.

Além disso, o serviço também pode ajudar com divórcio, assédio sexual e de poder no local de trabalho, disputas na vizinhança e disputas contratuais; portanto, para muitos pais, pode ser muito útil. Desde que alguém tenha filhos menores de 18 anos na família, eles podem se inscrever.

Embora essa não seja a primeira apólice de seguro a oferecer compensação por bullying, esse plano em particular nasceu do desejo de poder usar um advogado para resolver problemas de bullying e, portanto, se tornou o primeiro “seguro contra bullying” oferecido no Japão.

Mas com tantos usos práticos a um preço tão pequeno, não é de admirar que a política tenha se tornado popular desde seu lançamento em maio. Saber que um advogado está a um telefonema de distância deve proporcionar uma tranqüilidade inestimável aos pais, que se preocupam constantemente com os filhos.

Fonte: Naver Matome/ Sora News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.