Dignitários de mais de 190 países são esperados na cerimônia de pós-adesão do imperador

Dignitários de mais de 190 países e organizações internacionais devem participar de uma cerimônia em outubro proclamando a ascensão do imperador Naruhito ao trono do crisântemo, disse o primeiro-ministro Shinzo Abe na quarta-feira.

A cerimônia “Sokuirei Seiden no gi”, marcada para 22 de outubro, é um dos principais eventos planejados no outono para o novo imperador, que subiu ao trono em 1º de maio após a abdicação de seu pai, ex-imperador Akihito, em 30 de abril – o primeiro monarca japonês a abdicar em cerca de 200 anos.

Na cerimônia de entronização anterior para o ex-imperador em 1990, um total de 160 países e organizações internacionais participaram. Desde então, o governo japonês aumentou o número de países que reconhece de 165 para 195.

“Esta é a maior cerimônia de todas as cerimônias para a sucessão imperial. O governo como um todo fará todos os esforços para garantir que ocorra sem problemas e de maneira digna”, disse Abe em reunião de um comitê preparatório.

Após o ritual, o imperador e a imperatriz Masako desfilarão em um sedã conversível, viajando ao longo da rota de aproximadamente 5 quilômetros do Palácio Imperial ao Palácio de Akasaka.

O governo adiará o desfile para 26 de outubro em caso de mau tempo. Será cancelado se o tempo também for desfavorável nesse dia.

Fonte: Kyodo

In this article

Join the Conversation

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.