Motoristas se sentem incomodados com as novas tecnologias em carros

Os alertas dos novos sistemas de assistência ao motorista podem ser tão irritantes que alguns motoristas estão desativando os recursos, de acordo com uma nova pesquisa.

O estudo do índice J.D. Power Tech Experience de 2019 também descobriu que motoristas frustrados podem evitar os sistemas em futuras compras de veículos.

Esse é um problema para as montadoras que desejam vender a tecnologia e preparar as pessoas para veículos totalmente automatizados, disse a empresa.

“As montadoras estão gastando muito dinheiro em desenvolvimento de tecnologia avançada, mas os alertas constantes podem confundir e frustrar os motoristas”, disse Kristin Kolodge, diretora executiva de interação do motorista e interface homem-máquina da J.D. Power. “A tecnologia não pode parecer uma mãe irritante. Ninguém quer ser informado constantemente de que não está dirigindo corretamente. “

Por exemplo, sistemas que mantêm veículos centralizados ou dentro de suas faixas eram problemáticos para os proprietários, segundo o estudo.

Uma média de 23% dos motoristas com os sistemas vêem os alertas como irritantes.

Os resultados variam de acordo com a marca, com até 30% achando os alertas incômodos.

Dos motoristas que não gostam dos alertas, 61% às vezes desativam os sistemas. Um porta-voz disse que J.D. Power não identificaria as marcas.

Os sistemas de proteção contra colisão, como a frenagem de emergência automática, tiveram o melhor desempenho em seis categorias cobertas pela pesquisa.

O espelhamento do smartphone ficou em segundo lugar, seguido por recursos de conforto e conveniência, como reconhecimento de voz e controle de temperatura.

O entretenimento e a conectividade, como conectar telefones e Bluetooth, ficaram em quarto lugar, seguidos de assistência ao motorista, como sistemas de detecção de ponto cego ou manutenção de faixas.

A navegação terminou por último, disse J.D. Power em comunicado na terça-feira.

A pesquisa também descobriu que 69% dos proprietários têm o Apple CarPlay e / ou o Android Auto do Google em seus veículos. Os sistemas de espelhamento de telefone estão começando a prejudicar as vendas dos sistemas de navegação instalados nas fábricas das montadoras, segundo a pesquisa.

A pesquisa da empresa incluiu mais de 16.400 respostas de pessoas que compraram ou alugaram um veículo 2019 nos últimos 90 dias.

Os novos veículos deveriam ter sido totalmente novos ou redesenhados nos últimos três anos. A pesquisa foi realizada de fevereiro a julho.

Fonte: The Associated Press

In this article

Join the Conversation

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.