Estreia do lutador brasileiro será no BKFC, promoção originária dos EUA, mas cuja 10ª edição será realizada na Rússia. ( Cortesia | Créditos : Divulgação ).

Fábio Maldonado estreia no “boxe sem luvas” no mês de outubro


O “Bare Knuckle Boxing”, também conhecido como ‘boxe sem luvas’ ou boxe com ‘os punhos nus’, na tradução em português, ou ainda ‘boxe irlandês’ ou ‘prizefighter boxing’ ( segundo outros ), como preferir, é uma modalidade que está experimentado um grande crescimento pelo mundo. Para se ter uma idéia, o esporte já é legalizado no Reino Unido e mesmo em alguns estados norte-americanos.

David Feldman, promotor do Bare Knuckle Fighting Championship – maior show do gênero na atualidade – tem batalhado incansavelmente junto às demais comissões atléticas estaduais com vistas à sancionar o novo esporte na terra do Tio Sam.

Em outra prova do sucesso do boxe ‘sem luvas’, o BKFC 6 – que aconteceu recentemente em Tampa, na Flórida – e foi encabeçado pelo confronto “Malignaggi vs Lobov”, vendeu algo em torno de 200.000 pacotes de pay-per-view ( PPV ), segundo estatísticas do próprio Feldman.

Assim sendo, o BKFC 6 teria feito aproximadamente o dobro do que o UFC 236 fez com receita de pay-per-view em abril passado.

Embora seja improvável que a promoção replique seus números mais recentes, o fato de que o boxe ‘sem luvas’ pode gerar esse tipo de atenção, sem dúvida, resultará em mais fãs, lutadores e patrocinadores se interessando por esse novo esporte.

Agora, a promoção está planejando uma série de eventos mensais começando com o BKFC 7, que acontecerá no dia 10 de agosto em Biloxi, Mississipi, e será encabeçado pelos veteranos do UFC, Jason Knight e Leonard Garcia.
Feldman também está de olho em novos mercados tais como Massachusetts, Alabama, Kansas e Novo México para sediar seus próximos eventos e espera que os legisladores estaduais aprovem a sua iniciativa.

O mercado internacional, obviamente, também faz parte dos planos de expansão do mandatário e a Rússia poderá sediar a 10ª edição do BKFC, no mês de outubro.

Esse ‘card’ será particularmente interessante para os fãs brasileiros, pois irá marcar a estreia do veterano do UFC Fábio Maldonado nessa nova modalidade de luta.
Aos 39 anos, Maldonado, que já alterna duelos no MMA com apresentações no ringue de boxe, assinou contrato para lutar também na promoção de David Feldman.

Na edição do evento à ser realizada no país de Vladmir Putin, o “caipira de aço” deverá lutar com o boxeador Jason Garven, americano que já venceu o ex-campeão mundial James Tonney.
Gavern, acumula um cartel composto por 27 vitórias, 24 derrotas e quatro empates como lutador profissional.

Já Maldonado vem de duas derrotas no boxe, um esporte em que ele tem 26 vitórias como profissional.
A luta está sendo anunciada como o ‘co-main event’ do BKFC 10.

Quanto às demais lutas do ‘card’, rumores dão conta que o ‘main event’ ( evento principal ) do BKFC 10 poderá ser uma luta válida pelo título vago dos pesos pesados entre Anthony Johnson e Alexander Emelianenko, mas não há nada confirmado ainda.

Interessante notar que Johnson, Emelianenko e Maldonado são todos experimentados lutadores de MMA, mas assim como tantos outros, estão fazendo a transição para lutar também no “Bare Knuckle Boxing”.

Mas e você, caro leitor ? Assim como os partidários do boxe ‘sem luvas’ você também acredita que esse esporte poderá tomar o lugar do MMA em um futuro próximo ?

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 08/07/2019

Oriosvaldo Costa | オリオスバルドコスタ

Oriosvaldo Costa “Mr. Kung Fu”. O primeiro muçulmano lutador de MMA do Brasil. 7 lutas : 3 vitórias, 3 derrotas, 1 No Contest.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *