Chama eterna do templo Enryakuji passará por 4 regiões do Japão

Queimando continuamente por 1.200 anos, a chama eterna do templo de Enryakuji será dividida para viagens longas em um revezamento para “peregrinar” o Japão a partir de abril.

O tour de 14 meses foi criado para marcar o 1.200 ano da morte do monge Saicho (767-822), fundador da escola Tendai de budismo, em 2021.

Enryakuji, Patrimônio da Humanidade, é a sede da escola de budismo Tendai.

“Espero que a peregrinação ajude as pessoas a aprender sobre os ensinamentos de Saicho”, disse Doyu Toda, um importante monge da seita.

A chama eterna, chamada Fumetsu no Hoto, tem sua origem quando Saicho a ofereceu à estátua do Buda da cura que ele criou em 788 enquanto treinava no templo.

A chama ainda queima dentro da instalação de Konponchudo no templo.

A chama eterna no salão Konponchudo do templo Enryakuji em Otsu, província de Shiga, em 11 de junho. (Foto: Jiro Tsutsui)

A chama será dividida em quatro no templo em 1 de abril, com cada um envolto em uma pequena lanterna de réplica. Cada uma das chamas será enviada para uma das quatro regiões de Hokkaido a Kyushu, onde visitarão os templos da seita Tendai.

As chamas retornarão a Enryakuj antes do 1.200 ano da morte de Saicho em 4 de junho de 2021.

Fonte: Asahi

In this article

Join the Conversation

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.