Mizuho Financial permitirá que os funcionários possuam empregos paralelos

O Mizuho Financial Group planeja mudar sua política de pessoal para permitir que os funcionários mantenham empregos paralelos até o final de março do próximo ano, disse o principal executivo do grupo financeiro.

“Quero que todos aperfeiçoem suas habilidades através de diversos desafios, para que todos possam ser especialistas em suas áreas”, disse o presidente do Mizuho Financial Group, Tatsufumi Sakai, em entrevista recente à Kyodo News.

O executivo-chefe de 59 anos espera que novas oportunidades de trabalho incentivem os funcionários a usar suas experiências em startups, empresas de manufatura e outras indústrias para criar novas ideias de negócios para a Mizuho.

Embora os funcionários estejam atualmente proibidos de realizar um segundo emprego, tais atividades serão permitidas desde que os funcionários respeitem as regras de confidencialidade e aprovação da empresa, disse ele.

A instituição financeira já começou a permitir que um funcionário trabalhe em uma grande empresa de manufatura uma vez por semana, de forma experimental, disse Sakai.

O governo está tentando levar mais empresas a permitir empregos paralelos como parte de sua reforma trabalhista, já que o Japão enfrenta uma escassez de mão-de-obra em meio a uma população envelhecida.

A SoftBank Corp e a Unicharm Corp, fabricante de produtos para cuidados infantis e bebês, entre outras empresas, já introduziram novos esquemas de pessoal para permitir que os funcionários assumam empregos paralelos.

Fonte: Kyodo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.