ONE Championship lança sua divisão de TV e cinema

Como prova de que continua expandindo os seus domínios, o ONE Championship – show de MMA originário de Singapura – tem diversificado as áreas de atuação da sua sua marca, e agora – além de já ter se tornado uma empresa de mídia esportiva – acaba de lançar a sua própria divisão de cinema e TV chamada One Studios.

O One Studios produzirá filmes originais e mostras que espera distribuir por meio dos parceiros globais de transmissão de TV da empresa, além de parceiros digitais como Netflix, YouTube, Facebook e Amazon. Os lutadores de MMA e artes marciais tradicionais, além de atletas em geral do One Championship vão estrelar os shows para a TV e o cinema, uma vez que o primeiro projeto cinematográfico do One Studios já estaria em andamento.

-“Ao contrário de outros promotores de MMA que vendem lutas, o ONE Championship está em uma missão que é liberar os super-heróis da vida real que inflamam o mundo com esperança, força, sonhos e inspiração. Nós não vendemos lutas. Nós construímos heróis. O ONE Studios será uma grande plataforma para nossos heróis ao longo de suas carreiras, para divulgar suas mensagens e inspirar o mundo.”- disse o fundador e CEO do ONE Chatri Sityodtong, em um postagem em suas redes sociais.

Em seguida, Sityodtong complementou :
“-Como líder do ONE Championship, o meu trabalho é servir os nossos atletas dando-lhes os melhores futuros possíveis. Agora haverá mais oportunidades do que nunca para nossos atletas alcançarem a vida de seus sonhos, especialmente depois de se aposentarem. Meu sonho é criar os heróis ‘superstars’ da próxima geração, como Dwayne ‘The Rock’ Johnson e Jackie Chan em todo o mundo.”-disparou o cartola, em comentário que mostra a sua disposição em tentar [ também ] a indústria cinematográfica e televisiva.

Embora os detalhes sejam escassos, Sityodtong confirmou que a empresa já estava trabalhando no primeiro projeto de filme da empresa nos últimos meses e estaria fazendo um ‘grande anúncio’ em breve.

Enquanto o ONE Studios é um empreendimento ambicioso, projetos similares já foram testados por outras promoções de lutas. Por anos, a World Wrestling Entertainment produziu filmes sob sua divisão WWE Studios para ajudar a construir seus atletas como estrelas em ‘crossover’ para os cinemas. Embora muitos dos filmes do estúdio tenham sido financeiramente mal sucedidos, muitos creditam à WWE pelo lançamento das carreiras cinematográficas de John Cena e do já citado Dwayne Johnson.

Por seu lado, mover-se para mercados fora do MMA não é novidade para o ONE. Em novembro passado, a promoção anunciou a ONE eSports , uma ‘joint venture’ de US $ 50 milhões com a empresa de relações públicas japonesa Dentsu , que tem acordos com a Razer , Singtel e outros parceiros proeminentes na área para trazer uma série de eventos eSport na Ásia ao longo de 2019. Contando com o ex-campeão peso-mosca do UFC Demetrious Johnson [ como embaixador da marca chefe da empresa ], ONE eSports espera alcançar sucesso em países como a Malásia , onde o governo recentemente alocou 10 RM ( US $ 2,4 milhões ) do orçamento de 2019 para desenvolver a indústria de eEsports do país.

Em maio de 2018, o One Championship lançou um aplicativo de ‘streaming’ de vídeo, que apresenta seu próprio conteúdo de artes marciais, bem como material licenciado relacionado, como filmes e outras competições. No final daquele ano, a empresa de mídia esportiva arrecadou US $ 166 milhões em uma rodada da série D liderada pela Sequoia Capital.

Parece-nos que a ONE Elite Agency ( OEA ) – classificada como a plataforma mais abrangente do mundo para atletas de artes marciais – e liderada por Victor Cui, trabalhará em estreita colaboração com o ONE Studios, uma vez que a ONE Elite Agency também é uma agência de serviços para os diferentes estágios da carreira de um atleta.

A maior vantagem competitiva da OEA é que ela tem o total apoio dos recursos, conexões e IP do ONE Championship em todo o mundo, podendo garantir posteriormente a presença da franquia do ONE em mais de 140 países para agregar valor aos atletas que mantêm sob contrato.

Com mais detalhes esperados para serem divulgados em breve, só nos resta tentar adivinhar se esta nova divisão do One Championship renderá qualquer coisa que valha a pena. De qualquer forma, é possível que nomes como os de Sage Northcutt possam ser aproveitados em alguma provável produção para o cinema ou TV.

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 27/04/2019


Oriosvaldo Costa | Connection Japan ®

Oriosvaldo Costa “Mr. Kung Fu”. Cronista esportivo, apaixonado por artes marciais. Pratica Kung Fu desde 1990, e compete no MMA desde 1998. 7 lutas : 3 vitórias, 3 derrotas, 1 No Contest. Redes sociais: facebook.com/oriosvaldo.costa - instagram.com/oriosvaldo.costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.