A polícia de Marugame, na província de Kagawa, prendeu um funcionário de 32 anos das Forças de Autodefesa por suspeita de abusar de sua filha de três anos em sua casa.

A polícia disse que Kenta Kijima admitiu a acusação e o citou dizendo que ele abusou de sua filha porque ela não parava de chorar, relatou Sankei Shimbun.

Segundo a polícia, Kijima, que foi preso na quarta-feira, abusou de sua filha em várias ocasiões entre o final de fevereiro e 26 de março, agarrando-a com força e sacudindo-a violentamente. Ela teve as costelas quebradas nesta semana, disse a polícia.

Kijima vive com sua esposa e um filho de dois anos, assim como sua filha. Sua esposa notou algo de errado com sua filha em 26 de março e ligou para 119.

A criança foi levada para o hospital na quarta-feira. O hospital contatou um centro de assistência social infantil sobre um caso de possível abuso infantil.

Fonte: Sankei

Anúncios

Leandro Ferreira | Connection Japan ®

Webmaster, programador, desenvolvedor e editor de artigos.

Deixe um comentário:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.