Pesquisadores descobrem a mais antiga rocha do Japão, de 2,5 bilhões de anos em Shimane

Pesquisadores japoneses afirmaram nesta segunda-feira que encontraram a rocha mais antiga do país, datada de 2,5 bilhões de anos, na província de Shimane, cerca de 500 milhões de anos antes da descoberta anterior.

A equipe da Universidade de Hiroshima coletou fragmentos da rocha localizada perto de uma estrada florestal na cidade de Tsuwano. A rocha metamórfica granito-gnáissica, formada por calor intenso, tem uma aparência listrada.

Muitas rochas da mesma idade existem na Coréia do Norte e no nordeste da China, e a análise do último exemplar provavelmente fornecerá informações sobre a formação do arquipélago japonês, originalmente conectado ao continente asiático.

“Estudaremos a composição química da rocha e deixaremos claro de que parte do continente ela veio”, disse Yasutaka Hayasaka, professor associado da Universidade de Hiroshima.

A rocha antiga mais antiga do Japão consiste em gneis de 2 bilhões de anos encontrados em Hichiso, na província de Gifu, em 1970.

Fonte: Kyodo

Anúncios

Leandro | レアンドロ・フェレイラ

Webmaster, programador, desenvolvedor e editor de artigos.

Deixe uma resposta