Fujifilm desenvolve material de reparação de concreto usando nanotecnologia

A Fujifilm Corp está desenvolvendo um material de reparo que penetra com facilidade no concreto, aplicando uma tecnologia de partículas ultrafinas (nanotecnologia) que desenvolveu para filmes fotográficos e cosméticos.

A empresa pretende comercializar um material de reparação cujas partículas são mais de 90% menores que as partículas de seu produto existente em poucos anos.

Por exemplo, a Fujifilm está considerando um material de impregnação de superfície que é aplicado à superfície do concreto para melhorar a durabilidade.

Um material de infiltração líquido se infiltra no concreto a partir de sua superfície através de microfendas e evita que fatores que deterioram o concreto entrem para retardar os progressos de danos causados ​​pelo sal, reação álcali-sílica etc.

Fendas em geral em concreto medem cerca de 100 nanômetros. Por outro lado, as partículas de materiais de infiltração existentes medem cerca de 100 nanômetros, em média, e há uma variação em seu tamanho. Portanto, os materiais de impregnação não penetram em algumas partes, tornando potencialmente impossível alcançar um efeito esperado.

A Fujifilm está desenvolvendo um material cujas partículas têm um tamanho uniforme de 10 nanômetros ou menos usando sua nanotecnologia. Esperando que também seja utilizado para manutenção preventiva, a empresa pretende realizar um material que penetre em concreto recém-construído, cujos vazios internos medem cerca de 10 nanômetros. Atualmente, a empresa está testando o desempenho considerando a produção em volume.

Fonte: Nikkei

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *