简体中文 - English - 日本語 - 한국어 - Português - Español

JR East amplia vigilância nas estações antes dos Jogos de Tóquio

Um sistema de monitoramento em rede operando 24h, está chegando às estações da East Japan Railway Co. e outras instalações antes das Olimpíadas de Tóquio em 2020.

JR East disse que conectará as câmeras em suas estações e outras instalações às redes de segurança, para que os dados possam ser compartilhados com a polícia no caso de um ataque terrorista ou outras situações de emergência.

Atualmente, possui 22 mil câmeras de segurança em cerca de 1.200 estações, cujas imagens são gerenciadas por cada estação, disse a operadora ferroviária.

Uma firma de segurança contratada pela JR East começará a digitalizar intensamente as imagens o tempo todo, até a abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio em julho de 2020.

Ela terá cerca de 8.050 câmeras em rede em cerca de 110 estações principais, 70 pátios ferroviários, 600 subestações de energia elétrica e 400 pontos ao longo de Shinkansen ou linhas ferroviárias locais para monitorar.

“Através da vigilância intensiva, poderemos responder rapidamente a uma emergência”, disse o presidente da JR East, Yuji Fukasawa. “Vamos gerenciar estritamente as imagens capturadas pelas câmeras com base nas regras”.

Fonte: Asahi

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments