Robô em forma de serpente é testado em Fukushima

Um teste para robôs de resposta a desastres, incluindo um em forma de cobra, foi realizado na Prefeitura de Fukushima na sexta-feira.

O teste foi realizado em uma fábrica aberta na terça-feira no Campo de Testes para Robôs de Fukushima, em Minamisoma.

A usina de seis andares inclui tanques, chaminés, válvulas, dutos e outros recursos de instalações como uma usina de ferro e uma usina elétrica.

O robô em forma de serpente, desenvolvido pela Universidade de Tohoku, atravessou os escombros vibrando seu corpo e subiu degraus flutuando através da ejeção de ar.

Com uma câmera e um microfone na cabeça, espera-se que o robô seja usado para procurar pessoas desaparecidas em prédios desmoronados.

Outro robô, produzido por instituições como a Universidade de Aizu, abriu e fechou as válvulas usando os braços e subiu as escadas.

“É importante realizar testes com robôs em instalações projetadas para reproduzir uma usina elétrica e outros edifícios”, disse o professor Satoshi Tadokoro, 59 anos, que participou do teste de sexta-feira, expressando sua esperança de colocar os robôs de resposta a desastres em prática .

Fukushima é uma das três prefeituras mais afetadas pelo massivo terremoto e tsunami de março de 2011.

Fonte: Jiji Press

Anúncios

Leandro | レアンドロ・フェレイラ

Webmaster, programador, desenvolvedor e editor de artigos.

Deixe uma resposta