Satoshi Ishii e Jérôme LeBanner recebendo a premiação após suas respectivas vitórias sobre Gibrainn de Oliveira e Jairo Kusunoki ( Cortesia : divulgação HEAT ).

【HEAT】Satoshi Ishii e Jérôme LeBanner vencem no show de MMA em Nagoya

Lançado em fevereiro de 2005,o HEAT é uma promoção de “Mixed Martial Arts” baseada em Nagoya cujo intuito é lançar lutadores da “região central do Japão” e projetá-los para o mundo inteiro em confrontos de MMA, Kick boxing, Muay Thai e karatê, entre outras modalidades de artes marciais.

Mais recente show da franquia, o HEAT 44 foi realizado com muito sucesso no sábado, 2 de março de 2019. O evento teve lugar no Nagoya Congress Center ( Aichi ) e contou com a participação de lutadores japoneses e estrangeiros disputando em várias categorias.
Entre estas, a luta mais badalada do evento foi – sem dúvida – o ‘co-main event’ da programação que colocou frente a frente um francês e um brasileiro.

Jérôme LeBanner ( França / MMA Factory ), campeão mundial de Kickboxing pela WKN e ISKA e também faixa-preta de karatê e Judô, partiu para a luta com Jairo Kusunoki defendendo um recorde profissional de 82-22-2 ( 66 KO’s = 80% ) sendo que em seus últimos três combates ele conquistou vitórias diante de Claudiu Istrate, Karl Roberson e Wojciech Bulinski.

Seu adversário, Jairo Kusunoki ( Brasil / Freelancer ) – conforme tem sido divulgado agora por boa parte da mídia especializada – tem 29 lutas profissionais: 0-2-0 em MMA, 6-5-1 em boxe e provavelmente 11-4-0 em kickboxing. Ele lutou três vezes no ano passado, perdendo duas vezes, contra Yang Rae Yoo e Hyun Man Myung, mas entre essas duas lutas ele derrotou o famoso lutador do K-1 World GP e do Bellator Muhammad “King Mo” Lawal.

[ N.E.: as referências atuais ao currículo do lutador parecem deixar de fora as disputas sob o formato das ‘Custom Rules Bout’ ( ou seja, “lutas com regras personalizadas” ) uma vez que Jairo também já competiu em eventos como o Ganryujima ].

Na luta entre ambos nesse HEAT 44, Jerome venceu Jairo por TKO aos 2 minutos e 47 segundos do segundo round, ao mesmo tempo em que os técnicos do brasileiro jogaram a toalha.

Como já foi dito antes, o confronto entre LeBanner e Kusunoki foi a última luta antes do ‘main event’ envolvendo Satoshi Ishii ( Mirko Cro Cop Team ) e Gibrainn de Oliveira ( Brasil / Brazilian Thai ).
O judoca japonês chegava com a moral de ser o campeão dos pesos pesados do SBC, na Sérvia, e tentaria destronar o campeão Gibrainn, que fazia a sua primeira defesa do título dos pesos pesados do HEAT.
A luta foi muito disputada, mas Ishii acabou vencendo após finalizar o lutador brasileiro com uma chave de braço aos 3 minutos e 54 segundos do segundo round.

Antes dessas duas lutas, Tom Santos ( Brasil / Brazilian Thai ) mostrou porque está começando à se fazer notar pelos promotores de lutas na terra do Sol Nascente.
Tom venceu Ok Leung ( Coreia do Sul ) por decisão unânime dos juízes após 3 rounds, onde mostrou muita técnica e raça.
O lutador foi o único atleta do Brasil à vencer nessa edição do HEAT e fez a festa da torcida brasileira que esteve presente ao evento no Japão.

Os resultados do Heat 44 incluem :

Heat 44
2 de março de 2019
Nagoya Congress Center
Nagoya-shi, Aichi, Japan

Satoshi Ishii ( Mirko Cro Cop Team ) venceu Gibrainn de Oliveira ( Brasil / Brazilian Thai ) com uma chave de braço aos 3 minutos e 54 segundos do segundo round.

Jérôme LeBanner ( MMA Factory ) venceu Jairo Kusunoki ( Brasil / Freelancer ) por TKO aos 2 minutos e 47 segundos do segundo round.

Tom Santos ( Brasil / Brazilian Thai ) venceu Ok Leung ( Coreia do Sul ) por decisão dos juízes ( 0-3 ) após 3 rounds.

Henry Sehas ( Bolívia / Brazilian Thai ) venceu Shin Hiki ( RKS Shinkansen ) por decisão dos juízes.

Agar Kasugai Takeshi ( Shimura Dojo ) venceu Shunichi Shimizu (Ukyo Dojo ) aos 28 segundos do primeiro round.

Jung Down ( Coréia / Korean Top Team ) venceu Sasha Mirnkovic ( Croácia / Cro Cop Team ) aos 58 segundos do terceiro round.

Luta feminina : Mariya Suzuki ( Shimura Dojo ) venceu Miki Motono ( AACC ) por decisão dos juízes ( 0 – 3 ) após 3 rounds.

Katsuki Ishida ( RKS Shinkansen ) venceu Vitor Tofanelli ( Brasil / Brazilian Thai ) por decisão dividida dos juízes ( 1-2 ) após três rounds.

Chita do Himalaia ( Nepal / Shimura Dojo ) venceu Jo Gyeong-jae ( Coreia / Jung Woo Gym ) por KO ( gancho de direita ) com 1 minuto e 29 segundos do segundo round.

Yasuki Yasukawa ( Shimura Dojo ) venceu Hayao Kato ( nine lives ) com 2 minuto e 24 segundos do primeiro round.

Henry Sehas ( Bolívia / Brazilain Thai ) venceu Ju Ki-hoon ( Coreia Gym / Bu Gwang ) por decisão dividida dos juízes ( 2-1 ).

*Texto do colaborador Oriosvaldo Costa. | Escrito em 03/03/2019

O Heat 44 aconteceu no sábado ( 02/mar ) e teve lugar no Nagoya Congress Center ( Aichi ). O evento contou com lutadores experientes e novos talentos. ( Foto | créditos: @HEATofficialcom ).
Anúncios

Oriosvaldo Costa | オリオスバルドコスタ

Oriosvaldo Costa “Mr. Kung Fu”. O primeiro muçulmano lutador de MMA do Brasil. 7 lutas : 3 vitórias, 3 derrotas, 1 No Contest.

Oriosvaldo Costa | オリオスバルドコスタ has 148 posts and counting. See all posts by Oriosvaldo Costa | オリオスバルドコスタ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *