Peixe visto como mau presságio não para de aparecer no Japão

Um peixe das profundezas do mar, que é famoso no Japão por representar um mau presságio de terremoto e tsunami, não para de aparecer em águas rasas da costa de Toyama e em outras províncias.

O peixe-remo, da espécie Regaleco (Regalecus Glesne), chama atenção pelo seu comprimento, que chega facilmente aos 10 metros.

A lenda japonesa diz que, quando este peixe comum de águas profundas aparece próximo a superfície, um forte terremoto ou tsunami está para acontecer.

Nesta terça-feira (26), por volta das 4h da manhã, pescadores encontraram um peixe da espécie a 500 metros da costa da cidade de Uozu (Toyama). O peixe, que ficou preso na rede, tinha 2,24 metros de comprimento e ainda estava vivo.

De acordo com uma reportagem da emissora NHK, funcionários do Aquário de Uozu foram chamados e foi possível observar o peixe nadando, apesar de visivelmente debilitado. Ele foi levado ao aquário, mas acabou morrendo seis horas depois.

Os peixes-remo têm aparecido próximos a superfície na costa de Toyama desde outubro do ano passado. Com o peixe encontrado nesta segunda, já são nove localizados nos últimos quatro meses.

Toyama não é a única província que vem registrando o aparecimento misterioso da espécie. No último domingo (24), foi a vez de Tottori ser surpreendida com a presença de um regaleco em águas rasas. O peixe tinha 3,6 metros de comprimento e pesava 23 quilos.

Os peixes também foram encontrados recentemente em Ishikawa e outras províncias, como Okinawa e Niigata. Há teorias de que o animal aparece nas superfícies rasas quando está para morrer e raramente é encontrado com vida ou sobrevive por apenas algumas horas depois de ser localizado.

Muitas pessoas no Japão acreditam que a aparição deste peixe indica que algo está acontecendo nas profundezas do mar e que pode ser um indicativo para uma tragédia natural de grandes proporções.

No entanto, alguns pesquisadores negam essa teoria. Um estudo da Universidade de Tokai de 2017, por exemplo, analisou 101 casos de aparecimento da espécie entre 1992 e março de 2011 e relacionou com a ocorrência de grandes terremotos neste período.

Fonte: NHK| Alternativa

Anúncios

Leandro | レアンドロ・フェレイラ

Webmaster, programador, desenvolvedor e editor de artigos.

Deixe uma resposta