O japonês Takejun Saito, 29 anos, desempregado, residente em Osaka, foi preso, anunciaram na terça-feira (29).

A Alfândega de Nagoia, sucursal de Shimizu e a polícia da mesma cidade, de Shizuoka.

Sobre ele há suspeita de tentativa de contrabando de 3Kg de barras de ouro, avaliados em 13,6 milhões de ienes.

Como a importação do ouro tem taxação de imposto, o valor que deixaria de ser pago é de 1,08 milhão de ienes.

Ele seria comparsa de um marinheiro chinês, de 32 anos, preso em flagrante em março do ano passado. Um oficial da alfândega descobriu as barras de ouro no bolso do marinheiro de um navio cargueiro que ancorou em Shimizu.

A polícia suspeita que Saito iria receber o ouro das mãos do chinês. Tendo sabido que o comparsa foi levado, o japonês tinha fugido do Japão. Estava com ordem de prisão e busca em todo país.

Ao retornar foi reconhecido pela Alfândega do Aeroporto Internacional de Kansai (Osaka) e, consequentemente, preso.

Fontes: ANN e Shizuoka Shimbun

Anúncios

Leandro Ferreira | Connection Japan ®

Webmaster, programador, desenvolvedor e editor de artigos.

Deixe um comentário:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.