Apple diz que pode perder US $ 9 bilhões em vendas de iPhone devido à fraca demanda

O CEO da Apple, Tim Cook, publicou uma carta a investidores alertando sobre os resultados do primeiro trimestre mais fracos do que o esperado, citando “menos atualizações do iPhone do que esperávamos”. A demanda enfraquecida veio principalmente da China, embora Cook ressalte que “em alguns mercados desenvolvidos as atualizações também não foram tão fortes quanto pensamos que seriam”.

Em sua carta, Cook oferece várias explicações para a orientação de ganhos mais baixos: o lançamento antecipado do iPhone XS e XS Max em comparação com o iPhone X, a força do dólar, restrições de oferta devido ao número de novos produtos da Apple lançados e fraqueza econômica geral em alguns mercados. Mas a questão central permanece simples: as pessoas simplesmente não estão comprando tantos iPhones novos quanto a Apple esperava.

Em entrevista à CNBC, Cook elabora o déficit, ressaltando que “as tensões comerciais entre os Estados Unidos e a China pressionam ainda mais sua economia”, o que resultou em menos clientes. Mas Cook também mencionou menos subsidiárias de operadoras em novos iPhones, bem como o preço de substituição de bateria drasticamente reduzido para modelos mais antigos (devido ao drama de desaceleração do iPhone da Apple no final de 2017), como fatores contribuintes.

Ao todo, a previsão revisada para o primeiro trimestre da Apple mostra prejuizo de US $ 9 bilhões em receita, em comparação com a estimativa original. As ações da Apple caíram quase 10% depois que as negociações recomeçaram.

Fonte: The Verge

In this article

Join the Conversation

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.