Um tribunal peruano na quarta-feira reverteu o perdão do ex-presidente Alberto Fujimori e ordenou que ele voltasse para a cadeia.

A decisão foi tomada depois que o governo peruano em dezembro passado perdoou Fujimori por razões médicas, liberando-o menos da metade de uma sentença de 25 anos por abusos dos direitos humanos.