Previsões ‘calor’ aparecem em vídeo sobre os perigos do aquecimento global

 Previsões ‘infernais’ aparecem em vídeo sobre os perigos do aquecimento global
Previsões ‘infernais’ aparecem em vídeo sobre os perigos do aquecimento global

Uma alta de 44ºC é prevista para Tóquio em um vídeo intitulado “Futura Previsão Climática em 2100” criado pelo Ministério do Meio Ambiente (imagem da campanha Cool Choice do Ministério do Meio Ambiente)

Previsões de 44ºC na capital e megatufões são destacados em um vídeo criado pelo Ministério do Meio Ambiente para alertar sobre os perigos do aquecimento global.

A “Future Weather Forecast in 2100” (Futura Previsão Climática 2100) que aparece na página do ministério, descreve o que poderia acontecer se falharmos em realizar medidas contra o aquecimento global.

O vídeo de três minutos parece ser um programa comum com notícias sobre o tempo, até a apresentadora anunciar os números.

“As temperaturas mais altas de amanhã poderão chegar aos 44ºC em Tóquio e Nagoia, 43ºC em Osaka e 41ºC mesmo em Sapporo”.

A apresentadora também diz que Tóquio vivenciou 104 dias com temperaturas de 30ºC ou acima, e que 120.000 pessoas foram encaminhadas a hospitais por causa de insolação.

O vídeo também toca no assunto sobre chuva torrencial isolada e tufões “monstros”.

“Em meio a um crescente interesse público em relação ao aquecimento global devido ao clima extremamente quente deste verão, queremos que cada pessoa realize medidas dentro de suas capacidades, enquanto nós compartilhamos informações sobre possíveis cenários de crise”, disse um oficial do ministério do meio ambiente.

O vídeo foi originalmente criado para palestras especiais em escolas do ensino primário e outras ocasiões, então ele não havia sido exibido para o público em geral.

Contudo, muitas pessoas perguntaram sobre o vídeo após ele ser apresentado em programas de televisão e outros locais. O ministério decidiu postá-lo em seu site para disseminar sobre as consequências do aquecimento global.

As “previsões” apresentadas no vídeo têm origem de dados da Agência de Meteorologia do Japão e outras informações com base no quinto relatório de análise do Painel Intragovernamental sobre Mudança Climática (IPCC), um conselho sob o patrocínio das Nações Unidas.

https://www.youtube.com/watch?time_continue=1&v=ZbHQMQfz5u4

Fonte: Asahi
Imagem: Cool Choice

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.