Grão-Mestre Evilázio Feitoza comenta sobre legitimidade no mundo da luta



Grão-Mestre Evilázio Feitoza está morando e ministrando aulas em New York ( Long Island, Suffolk County ). Em Dezembro ele virá novamente ao Brasil e ministrará uma série de seminários no estado do Ceará e em São Paulo ( Cortesia : Arquivo pessoal Evilázio Feitoza ).

Muito tem se discutido no mundo da luta sobre a legitimidade de mestres e consequentemente, de seus ‘discípulos’.
Por se tratar de uma graduação máxima, a faixa-preta e o grau preto devem ser uma condecoração advinda não somente do preenchimento de requisitos objetivos, como tempo ou medalhas, mas também da compreensão de alguns requisitos subjetivos, que variam de acordo com a filosofia de cada academia, como por exemplo: lealdade; assiduidade; modo de se portar dentro e fora da academia; ações de honra ao nome da equipe sempre norteados com valores éticos e integridade cívica.

Diante dessa onda crescente de novos professores e de mercados de trabalhos que se apresentam em torno desta discussão, o então Grão-Mestre Evilázio Feitoza, profissional que já possui um trabalho consolidado, fez questão de se posicionar sobre o assunto e elencar publicamente seus alunos aos quais reconhece o trabalho e gabarita sua excelência nas artes marciais.
Confira abaixo, a lista do GM Evilázio:

Eudoxio Garcia SP
Antônio Gomes (Faísca) SP
Thiago (Pit-Bull) Alves CE
Assuelio Silva CE
Antônio Augusto CE
Gilson Malagueta CE
Francisco Mosinho SP
Cristian Pinheiro CE
Wendell Nobre CE
Paulo Dantas (Guerreiro) CE
Vagner Pinheiro CE
Francisco Márcio (Valente) CE
Diego Salis CE
Fco Mendes (Barruada) CE
João Luiz (Andrezinho) CE
Manoel Lodovino (Marrom) CE
Felipe Vieira CE
Iran Silva CE
Márcio Galvão CE
James Adler MA
Romário Emanuel Jr (Killer) CE
Godofredo Pepey CE
Marcos Frazão (China) CE
João Victor Benevides (JV) CE

Com a experiência de mais de três décadas (1980 até 2018 – atualmente) com as modalidades de Kickboxing, Muay Thai, entre outras, Grão-Mestre Evilázio Feitoza comenta sobre a questão : “ É de suma importância que haja esse cuidado na escolha do seu professor. A forma com que você irá aprender está diretamente ligada a quem é seu mestre, qual é sua índole e, principalmente, qual é o caráter dele.”, afirma Evilázio.


Atenciosamente,
Léo Capibaribe – Jornalista / Assessor de Comunicação Contato (85) – 9.8696.6738

http://www.fightersport.com.br

Fonte – créditos: *Escrito por : Léo Capibaribe | Postado pelo colaborador : Oriosvaldo Costa

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *