‘Neymar cospe no PSG. Não suporto esse tipo de jogador’, detona ex-seleção francesa

Neymar não assistiu com atenção e de forma próxima ao título do Campeonato Francês do Paris Saint-Germain, conquistado no último domingo, após goleada por 7 a 1 sobre o Monaco, e irritou a Christophe Dugarry.

Ex-atacante da seleção francesa, por quem disputou as Copas de 1998 e 2002, ele não poupou críticas ao fato do camisa 10, principal jogador do time da capital e contratação mais cara da história do futebol mundial (222 milhões de euros ou R$ 822 milhões à época), ter jogado poker em sua casa enquanto seus companheiros se desdobravam para trazer mais um troféu de campeão nacional.

“Como pode Neymar não estar ali com seus companheiros na partida do título da liga? Como podemos lhe dar a etiqueta de líder quando não compartilha esses momentos com eles? Como pode o PSG aceitar algo assim? Como pode olhar na cara de seus companheiros?”, questiona incessantemente Dugarry, antes de ser ainda mais duro.



“Neymar cospe no clube, é uma barbaridade. Se estivesse jogando pelo Barça, teria voltado para ver o time, sem nenhum problema. Não suporto esse tipo de jogador. É o coletivo que ganha os jogos, nunca individualidades. E ainda pensamos que o PSG pode ganhar a Uefa Champions League com atitudes como essa?”, detonou.

Em foto publicada na sua conta oficial do Instagram, o camisa 10 aparece jogando múltiplas partidas de poker online enquanto acompanhava o jogo da sua equipe pela televisão.

Após a confirmação do troféu, o brasileiro fez questão de parabenizar seus companheiros: ”Queria muito estar mais perto de vocês. Parabéns, rapaziada”, postou, em suas redes sociais.

Apesar da ausência do craque, seu pai estava presente no estádio Parque dos Príncipes para acompanhar de perto o jogo decisivo do PSG.

Fonte: msn.com

In this article

Join the Conversation

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.