NHK World atualiza o aplicativo para emitir alertas de desastre em inglês

Turistas e residentes no Japão que não falam japonês já não precisam se preocupar com a falta de alertas de terremotos e tsunamis.

Graças a um novo recurso adicionado em 1 de fevereiro a um aplicativo oferecido pela NHK World, um canal de notícias inglês fornecido pela emissora pública, viajantes ou residentes que não falam japonês poderão receber avisos de emergência em seus smartphones em inglês.

Eles terão a opção de ativar notificações para avisos de terremoto e tsunami, além de alertas de última hora. Os alertas de última hora incluirão avisos e atualizações de J-Alert sobre incidentes relacionados ao clima, como erupções vulcânicas e tufões.

Os alertas estarão disponíveis para pessoas que baixam o aplicativo gratuito – chamado NHK World TV – e ative as notificações push no seu menu de configurações .

Embora as notificações estejam disponíveis apenas em inglês, a NHK planeja introduzir uma opção chinesa no final deste ano.

Um total de 115 representantes de 67 embaixadas embaixadas em Tóquio e funcionários dos ministérios japoneses participaram de um briefing sobre o novo serviço na sede da NHK, no Shibuya Ward de Tóquio, na terça-feira.

“O terremoto do Grande Oriente Japão no Japão nos ensinou muitas lições importantes”, disse Shogo Takahashi, editor-chefe do programa de notícias NHK World. “Às vezes, era difícil para funcionários e (a) mídia se comunicar efetivamente com pessoas que não entendiam o japonês”.

Ele disse que espera que o aplicativo “irá colmatar essa divisão e garantir que todos no Japão saibam o que está acontecendo, quando está acontecendo”.

Funcionários da Embaixada que participaram do evento tiveram esperança de que o novo serviço ajudaria os turistas e os moradores que não entendem o Japão a lidar com emergências aqui.



“Eu acho que é um ótimo aplicativo. Eu vou usar isso sozinho, vou recomendá-lo aos meus amigos e vou recomendá-lo aos moldavos residentes no Japão “, disse Daniel Voda, segundo secretário da Embaixada da República da Moldávia. Japão Times.

Liang Zheming, segundo secretário da seção consular da Embaixada da China, disse que um aplicativo seria eficaz para obter informações cruciais para os viajantes, já que a maioria dos turistas chineses tem um smartphone.

Liang também enfatizou a importância de fornecer não apenas advertências, mas também instruções – como sobre como evacuar – já que os turistas podem não ter experimentado exercicios de desastre antes, acrescentando que esperava receber a versão chinesa do aplicativo em breve.

Anúncios

Comente

Anúncios